Autor: Editor

Emagrecer: 20 dicas para perder peso rápido e com saúde

Emagrecer: 20 dicas para perder peso rápido e com saúde

Siga as dicas para turbinar a dieta e eliminar a barriga
Redação

Para emagrecer com saúde é necessário que o corpo gaste mais calorias do que consome. É por isso que as duas medidas mais importantes para chegar ao peso ideal são ajustar hábitos alimentares e praticar atividades físicas. Mas isso deve ser feito de forma gradativa e com um cardápio saudável e variado. Siga as dicas para emagrecer de forma saudável:

Saiba mais: Berberina: conheça os benefícios e como usar
Consuma alimentos que queimam a gordura
Alguns alimentos ajudam a emagrecer porque estimulam a queima de gordura. O chá de hibisco, lichia, farinha de amora estão entre eles.

Consuma alimentos que desincham
Alimentos ricos em ômega 3 (salmão, atum, sardinha, arenque, cavala, linhaça, castanhas) contribuem para o emagrecimento devido à ação anti-inflamatória. Conheça a dieta anti-inflamatória.

Aumente a saciedade
Alimentos ricos em fibras proporcionam maior saciedade, logo a fome demora mais a aparecer, o que ajuda você a perder peso. As principais fontes de fibras são: frutas, cereais integrais, como arroz, trigo, centeio, cevada e a aveia. As leguminosas, como feijões, lentilha, grão de bico e ervilha e as verduras e legumes também contam com boas quantidades de fibras. As sementes, como a chia, linhaça e semente de abóbora, também tem fibras. Saiba tudo sobre as fibras.

Consuma alimentos que aceleram metabolismo
Os alimentos com ação termogênica estimulam a maior queima de calorias. Os principais alimentos termogênicos são: pimenta, chá verde, canela, gengibre e café. Veja os benefícios dos alimentos termogênicos.

Saiba mais: Phytophen o que é

Faça lanchinhos
O ideal quando se quer perder peso é fazer as três refeições principais (café da manhã, almoço e jantar) e dois ou três pequenos lanches. Isso manterá seu metabolismo funcionando o dia inteiro, dará mais saciedade, diminuindo a fome fora de hora, e impedirá que você exagere nas grandes refeições. O intervalo entre cada refeição deve ser de no mínimo 2 horas.

Saiba mais: Perder barriga rápido: dieta e exercícios para emagrecer
Invista em um prato equilibrado e variado
Uma alimentação saudável pede equilíbrio de nutrientes e variedade de alimentos. Vale investir em frutas, legumes, verduras. Não se esqueça de completar o menu com diferentes tipos de carnes, cereais, leguminosas (feijão, lentilha), leites e derivados, grupos alimentares essenciais para a alimentação diária.

Evite fazer dietas restritivas
Dietas que cortam drasticamente as calorias ou algum componente específico, como os carboidratos por exemplo, são consideradas restritivas. Para perder com saúde o esperado é perder entre meio quilo e um quilo por semana. Mais do isso pode ser sinal de que você não está realizando a dieta mais adequada. A alimentação monótona e com pouca variedade de alimentos não traz todos os nutrientes que o corpo precisa, podendo até afetar a imunidade e o corpo mais vulnerável a doenças. Dieta dos shakes, dieta sem glúten e dieta da sopa são alguns exemplos de dietas restritivas.

Invista nos chás que ajudam a emagrecer
Alguns deles, como o chá verde, chá preto e o chá de canela, estimulam a queima calórica. Enquanto o chá de hibisco contribui para que menos gordura fique acumulada no abdômen. Veja os chás que contribuem para a perda de peso.

Pratique exercícios que queimam gordura
A Organização Mundial de Saúde recomenda praticar ao menos 150 minutos de exercícios moderados por semana para uma pessoa ser considerada ativa. Ou seja, praticando uma hora de exercício em três dias na semana (180 minutos), você já ultrapassa essa meta! Para queimar gordura e emagrecer é importante investir em atividades aeróbicas como: caminhadas, corridas, bicicleta, dança, natação, entre outros.

Não deixe de ganhar músculos
Praticar exercícios de força, como a musculação e pilates, também são superimportantes para ganhar músculos e fazer o corpo gastar calorias. Veja os benefícios da musculação para emagrecer

Tenha cuidado com as dietas da moda
Existem uma série de dietas que prometem o emagrecimento rápido. Fique atento a que custo essa perda de peso é alcançada. Muitas delas levam à perda de músculos, o que é especialmente prejudicial para quem quer emagrecer e manter o peso depois disso. Algumas dessas dietas são:

Diminua o consumo de sal e açúcar
O sal é o principal fonte de sódio, mineral que em excesso no organismo aumenta o risco de hipertensão e a retenção de líquido. Já o açúcar consumido em excesso se transforma em acúmulo de gordura, principalmente na região da barriga. Alimentos fontes de carboidratos simples são ricos em açúcar. Entre eles estão: açúcar de adição, refrigerantes, doces e os que contam com muita farinha branca, como pães, massas e bolos.

Saiba quando alguma coisa está errada com a dieta
Alguns sinais de que o emagrecimento rápido está prejudicando sua saúde são: queda de cabelo, unhas fracas e quebradiças, desânimo, fraqueza, indisposição, tontura, flacidez e constipação intestinal.

Saiba mais: Dieta para perder barriga: cardápio e alimentos que ajudam a reduzir gordura
Fique longe da gordura trans
Este tipo de gordura pode ser encontrada em alguns biscoitos, sorvetes, bolos industrializados, entre outros alimentos. A gordura trans aumenta o LDL (colesterol ruim para o organismo) e diminui o HDL (colesterol bom). Além disso, age também aumentando os triglicerídeos que pode ser armazenado no tecido adiposo. Veja os riscos da gordura trans e onde é encontrada. Veja os riscos da gordura trans e onde é encontrada

Reduza o consumo de gordura saturada
O consumo de gorduras saturadas em excesso está relacionado ao acúmulo de gordura no organismo, ou seja, dificuldade para emagrecer. Os alimentos com grandes quantidades de gorduras saturadas são: carnes vermelhas, leite integral, manteiga e queijos.

Fique de olho nas calorias dos alimentos
Olhar o rótulo dos alimentos é uma boa maneira de controlar o consumo de calorias. Saiba que os carboidratos possuem 4 calorias por grama, enquanto as proteínas também contam com 4 calorias por grama e as gorduras possuem 9 calorias em cada grama. Aprenda a decifrar os rótulos dos alimentos .

Beba uma média de 2 litros de água por dia
Consumir os líquidos certos contribui e muito para emagrecer de forma saudável. A recomendação é ingerir entre 30 a 35 ml por kg de peso corporal de líquidos, o que em média fica em torno de 2 litros por dia. Veja a importância de tomar água durante o dia para o emagrecimento e dicas de consumo.

Saiba mais: Dietas para emagrecer com saúde e mais rápido
Maneire na cervejinha
O álcool é uma substância tóxica para o organismo e o fígado dá preferência para metaboliza-lo primeiro. Essa mudança no metabolismo do fígado favorece o acúmulo de gordura no organismo. Veja os riscos do consumo em excesso de álcool para a saúde

Descubra qual é o seu peso ideal
O Índice de Massa Corporal (IMC) é uma maneira de avaliar se o peso da pessoa está dentro do considerado saudável ou não. Ele é calculado por meio do peso em quilogramas dividido pela altura ao quadrado (Kg/m²). Apesar de não mostrar a proporção de gorduras e músculos do corpo humano, o IMC ajuda a ter uma noção sobre se o peso do indivíduo está dentro do considerado saudável ou não. Calcule aqui seu IMC e descubra seu peso ideal.

Reduza o consumo diário de calorias
Para emagrecer rápido muitas pessoas optam por uma redução extrema de calorias. O consumo inferior a 1200 calorias por dia não é orientado para a perda de peso e pode levar a problemas como fraqueza, desmaio e, claro, efeito sanfona. Veja como cortar as calorias extras das refeições.

Quatro alimentos afrodisíacos para melhorar sua vida sexual

Você não tem que entrar no clichê servindo alimentos sexualmente explícitos, como ostras ou bananas … Aqui estão os alimentos comuns que são fáceis de encontrar e podem realmente melhorar sua vida sexual.

Café da manhã: aveia com óleo de linhaça (ou uvas se você gosta disso)

Qualquer especialista em saúde – nutricionista, sexólogo , estagiário, cirurgião cardíaco – dirá que os melhores alimentos para uma vida sexual gratificante também são os melhores para consumir para manter seu coração saudável. Como o Dr. Oz apontou muitas vezes , quando suas artérias estão entupidas e sua circulação está prejudicada, o sangue não pode ir aonde deveria, neste caso, aos seus genitais. Os flocos de aveia não só reduzem o colesterol, mas também são uma excelente fonte de arginina . Este aminoácido contribui para a produção de óxido nítrico, um gás liberado pelos vasos sanguíneos para dilatar, diz Steven Lamm, médicoe diretor de saúde masculina no Centro Médico da Universidade de Nova York. A arginina é essencial para manter o seu apetite sexual, assim como o do seu parceiro; nos dias de folga, então regue seus flocos de aveia (nozes, avelãs e outras sementes também são boas fontes) para começar bem!

Conheça o estimulante sexual masculino chamado Max Gel.

Refeição: o peixe

Enquanto você pode estar ciente de que cavala, salmão selvagem, alabote e sardinha são excelentes fontes de ácidos graxos ômega-3, você provavelmente não sabe a conexão entre um peixe a vapor e uma apaixonada noite de paixão. Os ácidos gordos essenciais melhoram a circulação removendo o colesterol e os trombócitos das paredes arteriais e mantendo a circulação sanguínea. Omega-3 em peixes também mantém a função hormonal e pode aumentar os níveis de dopamina no cérebro que o prepara para a excitação. Finalmente, a pesquisa mostrou que quando as pessoas mudavam de uma dieta típica ocidental (muita comida industrial, sal, açúcar e gorduras) para uma dieta mediterrânea, isso dava um impulso ao apetite sexual.. Embora o estudo não se referisse apenas a peixes (considerava a dieta como um todo, com nozes, azeite, frutas frescas e vegetais), era um fator provável.

Lanches: salada de frutas com melancia e mirtilos

Mirtilos são outra “droga” do amor, por causa de suas fibras solúveis (não aquelas que o deixam inchado, não se preocupe) ajudando a limpar o colesterol que não deixa você com medo de brincar. E todos os tipos de frutas – mas especialmente a melancia – contêm muita água; no entanto, quanto mais você se hidrata, mais músculos e pele respondem ao estímulo. Você se sente aventureiro? Adicione a sua fruta algumas nozes, para uma dose extra de ácidos graxos e arginina.

Sobremesa: abóbora e torta de chocolate (chantilly opcional)

Além do óbvio – como não ser excitado por compartilhar uma sobremesa como essa ?! – Há boas razões para comprar ou comprar uma torta de abóbora para o seu amante, em vez de outro coquetel. De acordo com estudos realizados pela Smell and Taste Foundation de Chicago, este delicioso aroma aumenta o fluxo sanguíneo em homens em 40% (isso também aumenta o entusiasmo nas mulheres, mas em menor grau). Adicionar chocolate obviamente melhora as coisas. Comer pode até levar à borda do desmaio devido à feniletilamina(Um estimulante relacionado com anfetaminas) e triptofano (um componente básico da serotonina, um neurotransmissor envolvido na excitação sexual) – compostos liberados pelo cérebro quando as pessoas se apaixonam. Um estudo italiano descobriu que as mulheres que comeram chocolate regularmente tendem a ter uma movimentação de sexo mais forte do que aqueles que não consumiram (os pesquisadores salientaram que as mulheres no estudo que amava comer chocolate também amava simplesmente fazer amo).

Mas lembre-se, você deve sempre consultar o seu médico para aconselhamento médico e discutir tratamentos antes de iniciar qualquer programa.

Tratamentos para eliminar Rugas finas ou profundas

Tratamentos para eliminar Rugas finas ou profundas

O tratamento para rugas pode ser feito com a aplicação de um creme antirrugas ou através de fisioterapia estética, que pode ser feita com técnicas manuais e uso de equipamentos como laser, luz pulsada, peeling ou radiofrequência, por exemplo.

Estes tratamentos são indicados para eliminar todo tipo de marcas na pele, alcançando ótimos resultados mesmo nos casos onde há muitas rugas ou são muito profundas.

Geralmente, as rugas surgem ao redor da boca, dos olhos, na linha entre o nariz e a boca e entre as sobrancelhas, afetando especialmente as mulheres devido a questões hormonais. Os cuidados na prevenção e no tratamento das rugas deve começar aos 25 anos de idade, mas pode ser feito a partir de qualquer idade.

Tratamentos para rugas finas ou linhas de expressão
Tratamentos para eliminar Rugas finas ou profundas
O tratamento para rugas de expressão, que normalmente surgem em redor dos lábios e dos olhos, deve ser iniciado assim que estas marcas surgem, aparecendo pequenas linhas na pele ao sorrir ou fazer uma expressão facial brava. Desta forma, algumas opções de tratamento podem ser:

Saiba mais: Proteína asiática o que é

Sessões de luz intensa pulsada todas as semanas para uniformizar o tom da pele
Sessões de radiofrequência de 15 em 15 dias para melhorar a produção de novas células de colágeno e elastina, que dão sustentação à pele
Uso diário de um bom creme antirrugas que contenha os ingredientes certos, como filtro solar, fatores de crescimento e proteção solar, que podem ser comprados em lojas especializadas ou preparado na farmácia de manipulação, mas neste caso é preciso prescrição do dermatologista.
O tratamento para rugas ao redor dos olhos e ao redor da boca pode ser feito inicialmente com o uso de cremes antirrugas porque eles possuem propriedades que ajudam a hidratar e a firmar a pele, dando maior sustentação, sendo aconselhado passar o creme 2 vezes ao dia, de manhã e outra à noite.

Tratamentos para rugas profundas
Tratamentos para eliminar Rugas finas ou profundas
O tratamento para rugas profundas, que surgem no rosto, no pescoço e no colo, por volta dos 45 a 50 anos, pode ser feito com o uso de:

Peeling com ácidos que devem ser aplicados pelo fisioterapeuta especialista em estética ou o dermatologista
Técnicas de terapia manual para mobilizar os tecidos da face com fortalecimento, estiramento e mobilização dos músculos faciais
Sessões semanais de Laser de CO2
Sessões semanais de radiofrequência que promove novas células de colágeno e elastina, fundamentais para a firmeza da pele
Além disso, também pode ser recomendado o preenchimento com ácido hialurônico em forma de creme ou injeção, no consultório do dermatologista ou em último caso, cirurgia plástica, como lifting facial para quando a pessoa possui muitas rugas, profundas e precisa de um resultado imediato. Mas ainda assim as sessões de fisioterapia dermato funcional são úteis tanto imediatamente antes, como logo a seguir o procedimento, harmonizando o rosto e melhorando os resultados da cirurgia.

Como diminuir as rugas em casa
Além dos tratamentos acima indicados, para complementar em casa, é recomendado manter a boa hidratação de pele de todo corpo, mas principalmente do rosto. Por isso é preciso beber cerca de 2 litros de água por dia, usar sabonetes líquidos porque não ressecam a pele, e ainda:

Lavar o rosto com água mineral, água micelar ou água termal, porque estas não tem cloro, conhecido por ressecar a pele;
Cuidar da alimentos consumindo colágeno diariamente. Veja quais alimentos deve comer para ter menos rugas e qual é o suplemento alimentar que ajuda a manter a sustentação da pele;
Usar sempre um creme anti-idade no rosto com fator de proteção solar. Saiba os ingredientes que não pode faltar no seu creme antirrugas
Fazer a ginástica facial alongando os músculos importantes que fazem o efeito contrário das rugas
Usar chapéu e óculos de sol de qualidade sempre que estiver exposto ao sol ou à claridade para evitar a contração dos músculos ao redor dos olhos e da testa, evitando a formação de rugas nestas regiões.
O segredo para manter a pele bonita, firme e hidratada também está em ter uma vida saudável, se alimentando bem e cuidando da pele externamente com os produtos mais indicados para cada tipo de pele, mas também é preciso não fumar, porque a fumaça do cigarro é prejudicial à saúde e também provoca danos na pele, favorecendo a formação de rugas na parte superior da boca, conhecida popularmente como ‘código de barras’.

Aprenda a aumentar seu pênis e acabar com a impotência aqui e agora

Use ervas para aumentar o fluxo sanguíneo para o pênis

Experimente o ginseng. Parece que o Ginseng Vermelho Coreano estimula o sistema nervoso através dos ginsenosídeos, que constituem um componente natural da planta. Embora não haja evidências científicas de que o ginseng aumente o tamanho do pênis, alguns homens se ofereceram para tomar comprimidos de extrato de ginseng em um estudo na Coréia do Sul. Como resultado, tiveram melhor desempenho sexual depois de algumas semanas.

  • O ginseng é uma contraindicação para vários medicamentos, porque pode ter efeitos colaterais em pessoas com certos tipos de câncer, doenças cardíacas, insônia e outras doenças. Converse com seu médico antes de tomar ginseng para uso regular.
  • Se você está pensando em tomar suplementos de ginseng, procure um que é feito a partir da raiz do ginseng coreano e tome 500 mg por dia.
  • Como alguns suplementos fitoterápicos não são aprovados pelos órgãos competentes, muitas vezes você corre um risco ao tomá-los. Compre-os em uma loja confiável e nunca tome mais do que a dose recomendada.

Considere tomar ginkgo biloba. Esta erva é frequentemente usada para estimular a memória, mas também ajuda a melhorar a circulação sanguínea e pode aumentar o fluxo sanguíneo para o pénis. De acordo com um estudo da Universidade da Califórnia, o ginkgo é mais eficaz em homens que tomam antidepressivos que podem levar à disfunção erétil. Outro estudo mostrou que o ginkgo não tem efeito. No entanto, a evidência científica é inconclusiva, mas desde que o gingko estimula a memória e tem poucos efeitos colaterais, pode ser uma boa idéia tentar.

Conheça também no site de impotência preferido.

  • O gingko pode ser consumido como chá ou como suplemento em forma de cápsula. Ambas as formas de fitoterapia estão disponíveis em lojas de alimentos saudáveis.
  • Não tome um suplemento de ginkgo se você tiver convulsões ou tomar medicações anticoagulantes. Fale com o seu médico para se certificar da garantia destes suplementos.
  • Experimente os suplementos à base de maca. Este pó é conhecido por ser um afrodisíaco. Contém mecamídeos fotoquímicos e macaenes que aumentam sua energia e ajudam a manter suas ereções por mais tempo. Devido à falta de evidências científicas sobre este tópico, é melhor ter cuidado. Converse com seu médico antes de adicionar este suplemento à sua dieta diária.

Considere tomar arginina (L-arginina). É um aminoácido que aumenta o fluxo sanguíneo e aumenta o tamanho do pênis durante a ereção. Um estudo realizado na Universidade de Tel Aviv mostrou um melhor desempenho em alguns homens depois de tomar este suplemento por seis semanas. Você pode comprar este suplemento em lojas de alimentos saudáveis ​​e a dose recomendada é de 1 grama por dia.

  • Você não deve tomar arginina se você tratar problemas cardíacos com nitroglicerina, pois isso pode causar uma queda na pressão arterial. Consulte o seu médico antes de tomar suplementos contendo L-arginina

Coma melancia. Embora não seja uma erva, tem propriedades que podem ajudá-lo a aumentar o tamanho do seu pênis e prolongar a vida de suas ereções, assim como com a arginina. De fato, a melancia contém um aminoácido chamado citrulina que se converte em arginina e causa a dilatação dos vasos sanguíneos. A descoberta de citrulina nesta fruta é relativamente recente e, portanto, não há estudo que especifique a eficácia desta fruta e a quantidade de melancias que devem ser consumidas para obter resultados. No entanto, não há risco de consumir à vontade, .

Receitas caseiras para acabar com pés ressecados e rachados

Receitas caseiras para acabar com pés ressecados e rachados

Saiba como usar ingredientes da sua casa para combater a desidratação dos pés

Tags: #beleza #dica #dicas #dicas caseiras #hidratação #hidratante #Moda #pele #pés rachados #receita #receita caseira #truque #truques
4.1K
Andar descalço ou usar sandálias e chinelos são situações que incomodam pela vergonha de mostrar os pés ressecados e rachados? Deixe de se preocupar com isso, afinal, ter calos e áreas espessas na pele são problemas que atingem a maioria das pessoas, podendo ser combatidas com práticas baratas e simples de serem feitas em casa.

O ressecamento acontece pela falta de hidratação na área e as rachaduras nada mais são do que consequências desse processo, que ocorre com a pressão e o peso do corpo exercidos sobre os pés em atividades cotidianas, como uma simples caminhada.

Além de não aplicar hidratantes regularmente, andar descalço ou com salto alto por longos períodos, usar muitos sapatos abertos, tomar banhos muito quentes e estar acima do peso são situações que tendem a estimular o ressecamento dos pés e, assim, o aparecimento de calos e rachaduras.

Leia também: pé ressecado tratamento

4 receitinhas caseiras para clarear axilas e virilhas
Lixá-los em excesso também pode ser um vilão para quem deseja reverter essa situação, já que o corpo entende os efeitos da lixa como algo agressivo, estimulando uma produção mais intensa e espessa de pele para compensar o lixamento, o que gera exatamente o efeito contrário.

Calcanhar ressecado com rachaduras
Crédito: iStock | 4FR
Calcanhar ressecado
O inverno e as semanas que o antecedem compõem o período do ano em que mais devemos ficar ligados quanto à hidratação, pois o ressecamento tende a aumentar na planta do pé e nos calcanhares.

Já no verão, por usarmos mais sapatos abertos, os pés costumam sofrer mais atritos externos, devido à poeira e à poluição. Ou seja, cuidar da região é uma tarefa que deve durar o ano inteiro, para evitar, principalmente, o envelhecimento precoce da pele.

Pé ressecado
Crédito: iStock | 4FR
Pé ressecado
Para evitar esses problemas, as únicas soluções são fazer hidratações profundas pelo menos uma vez por mês e manter a pele nutrida, para evitar a perda de água e proteínas.

Outra dica é tomar cuidado com o excesso de métodos esfoliantes, pois, assim como a lixa, podem causar a impressão momentânea de maciez e provocar ressecamentos mais intensos posteriormente.

O ideal é apostar em esfoliações apenas uma vez por semana. Para obter melhores resultados, deixe os pés “de molho” em água quente, para amolecer a pele antes de passar a lixa ou a pedra pomes.

Caso você tenha um quadro intenso, a melhor opção é consultar um dermatologista e apostar em cremes à base de ureia, lactato de amônio, ácido hialurônico e queratolíticos, que dissolvem a camada córnea, responsável por engrossar a espessura da pele.

Pensando nisso, a Catraca Livre Estilo listou 7 receitas caseiras de hidratação, que aceleram a recuperação e nutrição da pele dos pés. Vale lembrar que todas elas devem ser aplicadas com frequência, já que o problema do ressecamento não tem “cura” e deve ser prevenido para evitar danos futuros. Olha só!

Azeite
O azeite de oliva é um ingrediente que pode ser usado tanto em máscaras capilares e faciais quanto em métodos de hidratação de outros partes do corpo.

Misture uma colher de sopa de hidratante à outra colher de azeite extra virgem e aplique nos pés. Em seguida, antes de ir para cama, cubra-os com papel filme (o mesmo usado na cozinha) e durma normalmente. Para garantir que o insulfilm não se mova, vista meias de algodão.

Dessa maneira, a hidratação acontece com maior intensidade e melhores resultados. O mesmo procedimento pode ser feito nas mãos, cobrindo-as com uma luva descartável para não perder a mobilidade dos dedos. Aposte nessa dica de duas a quatro vezes durante uma semana do mês.

Colher de sopa de azeite
Crédito: iStock | magone
Azeite de oliva
Vaselina + soro fisiológico
Seguindo as mesmas instruções do item anterior, você pode substituir o azeite de oliva extra virgem pela vaselina, que é capaz de criar uma barreira contra o frio e outras agressões externas, devolvendo a elasticidade e o aspecto natural da pele.

Para turbinar a receita, acrescente uma colher de sobremesa de soro fisiológico, que contém sais minerais, proporcionando uma sensação de frescor e um toque aveludado.

Bepantol
Não é novidade para ninguém que o Bepantol é um poderoso hidratante concentrado, usado em diversas receitas de beleza. A pomada é rica em dexpantenol, a famosa pró-vitamina B5, que auxilia na renovação celular e na nutrição da pele.

Aplique uma camada generosa do produto e encape os pés com papel filme e meias, para garantir completa absorção.

Aloe vera + mel
Também conhecida como babosa, a aloe vera é uma planta usada em diversos métodos de hidratação da pele. Combinada com o mel, se torna uma rica fonte de nutrientes, essencial para promover a renovação celular e atribuir maior elasticidade à derme.

Misture uma colher de sopa de aloe vera moída à outra colher de mel e aplique nos pés pelo menos três vez por semana. Deixe a mistura agindo durante a noite, assim como nos exemplos anteriores, e veja como a pele adquire um aspecto bem mais saudável.

Aloe vera (babosa) e mel
Crédito: iStock | luckybusiness | solidcolours
Aloe vera (babosa) e mel
Escalda pés de vinagre de maçã
Se você tiver um tempinho livre na sua rotina, dedique alguns minutos para fazer um escalda pés. Coloque um litro de água morna e um copo grande de vinagre de maçã em uma bacia, considerando que o líquido deve atingir o nível das canelas.

A receita permite amolecer as células velhas da pele e abrir os poro para garantir uma melhor absorção de produtos. Após 30 minutos, lave os pés e passe um hidratante, deixando em repouso no papel filme durante sua noite de sono.

Leite + manjericão
O manjericão é um cicatrizante e antisséptico natural que deve ser macerado para ajudar na recuperação da pele. Misture um maço de folhas moídas à um litro de leite quente e deixe os pés repousando na mistura. Não é necessário deixá-los submersos, apenas as solas e os calcanhares.

Para tornar essa receita mais poderosa, acrescente uma xícara de mel e mais três colheres de sopa de azeite, garantindo uma hidratação super profunda.

Óleo de coco
Se as rachaduras dos seus pés já se tornaram machucados, aplique uma mistura de uma colher de óleo de coco e outra colher de azeite de oliva extra virgem, deixando agir na pele enquanto você dorme.

O óleo de coco tem poder nutritivo, acelerando a cicatrização e a renovação celular, além de ajudar na hidratação das cutículas. Para garantir bons resultados, enrole os pés em insulfim, sem esquecer da meia de algodão. Essa receita também pode ser usada nas mãos para evitar o envelhecimento precoce.

Doenças de Pele

Doenças de Pele

Aqui você encontra tudo o que precisa saber sobre problemas de pele, como herpes, manchas, micose, psoríase ou impingem, que apesar de poderem assustar ou causar desconforto, podem ser controladas com o tratamento certo.

Leia também: principais Problemas de pele

Por isso, indicamos aqui como se pode identificar e tratar cada uma destas situações, e muitas outras doenças de pele, para você ficar descansado e seguir o tratamento corretamente.

Tratamentos estéticos para acabar com a flacidez

Tratamentos estéticos para acabar com a flacidez

O que é Flacidez
A flacidez é caracterizada pela falta de fibras de sustentação da pele, o colágeno e a elastina. Existem dois tipos de flacidez, a muscular e a dérmica. A flacidez muscular é profunda e mais difícil de ser tratada, pois aparece em decorrência do desgaste das fibras de sustentação dos músculos. Já a flacidez dérmica apresenta uma mera desorganização dessas fibras.

O que causa a Flacidez
Dentre as principais causas da flacidez está o envelhecimento da pele. Com o passar do tempo, começamos a produzir menos colágeno e elastina, proteínas que dão vigor e rigidez ao tecido cutâneo. O cigarro e as bebidas alcoólicas também são responsáveis pela perda de elasticidade da pele. Já no caso de alterações hormonais, decorrentes de processos como obesidade e gravidez, o aparecimento de estruturas flácidas se dá principalmente em razão das mudanças de peso muito bruscas.

Leia também: Flacidez como evitar

Tratamentos para Flacidez
A Pró-Corpo indica Carboxiterapia e Radiofrequência para o tratamento de Flacidez, saiba mais na aba ‘Sobre os Tratamentos’.

Como prevenir a Flacidez
Para prevenir a flacidez, a sugestão é aumentar a ingestão de água para manter a pele hidratada e consumir alimentos ricos em proteínas, pois eles são fundamentais na manutenção dos músculos, que vão ajudar a preencher a pele flácida.

Também é indicado praticar exercícios físicos regularmente e aplicar cremes específicos para flacidez à base de silício ou colágeno diariamente nos locais com maior incidência, pois garantem bons resultados.

10 dicas rápidas para manter a pele saudável e radiante na gravidez

10 dicas rápidas para manter a pele saudável e radiante na gravidez

VEM SABER O PASSO A PASSO PARA AUMENTAR AINDA MAIS SEU BRILHO DURANTE A GESTAÇÃO!

Quando você está grávida, parece emanar ainda mais brilho. Mas até a melhor das peles precisa receber alguns cuidados extras, principalmente no verão e no inverno, épocas em que ela fica seca ou oleosa demais, além de sofrer com o sol ou vento fortes. Por isso, separamos dez dicas simples e fáceis para manter uma pele sempre saudável, macia e limpa:

Leia também: Pele saudável como manter

1. Limpeza: Uma pele limpa é uma pele bonita. É importante manter sua pele limpa de suor, sujeira e óleos para evitar poros entupidos e uma aparência opaca. Lave o rosto com um sabonete suave todas as manhãs e noites e depois, aplique um pouco de tônico facial com um algodão. Além disso, lave o rosto após atividades como exercícios físicos, limpeza da casa, jardinagem ou qualquer outra que envolva sujeira, seja mais cansativa ou exija o uso de protetor solar.

2. Esfoliação: Sua pele parece sem graça? Pode ser o acúmulo de células mortas da pele, protetor solar, maquiagem ou óleos. A esfoliação, que é feita com um esfoliante suave ou usando um creme com ácidos de frutas, é uma boa maneira de obter esse brilho de volta, revelando a nova pele fresca que está por baixo. Ao usá-lo, tome cuidado para não esfregar com muita força ou sua pele ficará avermelhada. Faça apenas uma pressão suave para ajudar os grânulos do esfoliante a fazer o seu trabalho. Se você usar um creme ou gel com ácido de frutas, não exagere. Siga as instruções do produto para evitar irritação da pele.

3. Refrescando a pele: Se você não tem tempo de lavar o rosto, ou apenas quer se livrar daquela cara de cansada, use um adstringente para refrescar e limpar a pele. Tente usar uma água floral de hamamélis, um adstringente natural potente, em um algodão. Ou coloque, em um frasco com spray borrifador, uma parte de álcool para seis partes de água e algumas gotas do seu óleo essencial favorito. Feche os olhos e borrife levemente em seu rosto. Você vai se sentir revigorada!

Luiza Possi fala em vídeo sobre o formato da barriga na gravidez: “É engraçado demais”
Claudia Leitte explica o significado do nome escolhido para a filha
Sabrina Sato posta foto de biquíni pela primeira vez depois do nascimento de Zoe

4. Hidratação: Manter a pele hidratada é muito importante. Mesmo se ela estiver mais oleosa do que o habitual por causa do calor do verão e dos hormônios da gravidez, você deve usar um hidratante sem óleo para repor a umidade que é removida quando você limpa seu rosto. Além disso, você precisará de um hidratante para uniformizar seu tom de pele se tiver uma pele mista (pele oleosa em algumas partes e mais seca em outras). Aplique hidratante no rosto após cada limpeza. Procure por produtos que sejam hipoalergênicos, pois muitos tipos de pele ficam sensíveis com as mudanças da gravidez.

5. Proteção: Uma das coisas mais importantes que você pode fazer para manter sua pele saudável, com aparência mais jovem e uniformemente tonificada é usar protetor solar todos os dias. Isso merece ainda mais atenção se você estiver grávida, já que sua pele pode ficar mais sensível e propensa a queimaduras de sol. Se você tende a ter irritações na pele, procure filtros solares sem óleo ou especialmente formulados para a pele do rosto.

6. Bem suave: Se você exagerou na exposição ao sol, acalme a pele com gel de aloe vera ou creme de manteiga de cacau. Estes ingredientes revestem a pele com umidade e são muito suaves. Opte por formulações sem fragrância para minimizar a possibilidade de mais irritação da pele.

7. Mais brilho: Só porque você está diminuindo a exposição ao sol não significa que não pode ter aquele look bronzeado. Melhore o seu brilho com um bronzeador cintilante — pode ser em creme ou gel usado como base. Faça um teste para selecionar um tom que seja apenas um pouco mais escuro do que seu tom de pele natural. Depois de aplicar uniformemente uma leve camada de bronzeador, passe um pouco de blush cor-de-rosa nas maçãs do rosto.

8. Pele bem sequinha: Se você tem pele oleosa, mantenha um pó compacto translúcido na bolsa e limpe a pele com um lenço de papel para absorver o suor extra e o óleo. Com isso, a pele ficará com uma aparência mais fresca.

9. Nutrindo: O estresse do verão e da gravidez pode fazer causar estragos em sua pele. Mas você pode contornar o problema nutrindo sua pele com uma máscara facial relaxante. Compre uma máscara botânica para pele normal, uma máscara de argila para pele oleosa ou uma máscara de abacate para pele seca. Para qualquer tipo de pele, aqui está uma máscara fácil que você pode fazer em casa: basta misturar 1/2 xícara de aveia com água morna e uma colher de sopa de mel. Aplique generosamente no rosto, evitando a área dos olhos. Sente-se, relaxe por 10 minutos e enxágue bem. Sua pele vai ficar macia e fresca!

10. Cuidados: Uma vez por semana, dê a si mesma um tratamento de spa em casa, limpando suavemente o rosto e, em seguida, colocando vapor com uma tigela de água quente com lavanda e folhas de rosas ou seu chá favorito por cinco minutos (basta usar uma toalha na parte de trás da cabeça enquanto se inclina — a tigela vai prender o vapor da água quente). Em seguida, aplique um pouco de tônico facial e hidratante. Seus poros ficarão bem limpos e você, relaxada!

Bichectomia: mais do que um recurso estético

Bichectomia: mais do que um recurso estético

A corrida é um dos esportes que pode ser praticado em qualquer época do ano. Muitos preferem correr na chuva, já que o calor intenso não atrapalha e a água acaba refrescando um pouco.
++ Confira os melhores esportes radicais aquáticos
Mas, antes de sair para correr na chuva, é preciso ficar atento à alguns cuidados essenciais para que a prática seja feita com segurança.
Com exceção das tempestades com raios, correr na chuva não traz nenhum prejuízo ao atleta. Só é preciso tomar alguns cuidados extras para que ele não se machuque ou adoeça.
Confira a seguir 15 dicas e cuidados para correr na chuva.

Escolha as roupas certas. Use peças leves, feitas de material sintético como poliéster
Evite roupas de algodão. Elas tendem a ficar pesadas por absorver muita água
Jaquetas impermeáveis são a melhor opção
Meias de algodão também não são uma boa opção, com a água, elas podem resultar em bolhas
Não há como não molhar os tênis, porém alguns modelos possuem um bom sistema de escoamento
Uma dica é passar vaselina ou alguma pomada antiassadura nos dedos dos pés
Deixe de fora do percurso ruas com trânsito intenso ou que podem alagar

Leia também: Bichectomia

Use boné. A aba do boné evita que pingos de chuva caiam diretamente nos seus olhos
Aqueça bem antes de ir para a rua
Tome cuidado com as poças de água, elas escondem buracos, pedras, galhos e bueiros sem tampa
Se a chuva está muito forte ou com muitos relâmpagos, pare de correr imediatamente e procure um abrigo
Nunca fique embaixo de árvores, ela atraem raios e algum galho quebrado com o vento pode te machucar
Tire a roupa molhada assim que terminar o treino para evitar gripes e resfriados
Alimente-se bem e reponha as energias
O indicado é beber água normalmente, ingerindo de 100 a 200 ml de água a cada 15 minutos

Não deixe de curtir nossa página no Facebook e também no Instagram para mais notícias do JETSS15 dicas para correr na chuva com segurança
Tongue cancer is serious and its symptoms include pain, change in your voice or trouble swallowing. There are several common causes of tongue cancer, including human papillomavirus, a common sexually transmitted infection. Certain strains of HPV increase your risk of developing cancer. Also increasing your risk of tongue cancer are smoking, drinking and not taking care of your teeth and gums.18 problemas de saúde que aparecem na língua
O procedimento com fim funcional é mais demorado do que o estético.© Fornecido por Cartola O procedimento com fim funcional é mais demorado do que o estético.
Além de um recurso estético, a bichectomia pode ser um importante procedimento de reconstrução funcional. Para realizar a cirurgia, é retirada a bola de Bichat, que é o acúmulo de gordura na face. De acordo com a cirurgiã buco-maxilo-facial Adriane Maia (CRORJ 26723), ela pode ajudar a reparar problemas originários de sequelas de fratura, traumatismo e extração de dentes que tiveram alguma complicação.

Adriane salienta que um dos principais problemas solucionados com o procedimento é a comunicação buco-sinusal, em que o alimento passa da boca para a cavidade nasal. Trata-se de um dos acidentes mais comuns após extrações dentárias na região do maxilar posterior. A cirurgia, neste caso, fecha a comunicação destes canais, usando a gordura de Bichat. Por serem um conjunto de células gordurosas agrupadas na face, sua única função é a sustentação. “Caso retirada, não faz falta funcionalmente”, explica.

Para os casos funcionais, Adriana explica que qualquer cirurgia de resecção por lesões de tumores, ou até mesmo acidentes com perdas ósseas, levam a uma perda de tecido muito grande, de difícil reconstrução. A gordura, em tais casos, é usada como um tecido para cobrir essas perdas, sendo um excelente recurso. Ela lembra que existe a possibilidade de retirar o tecido de outro local, mas como a gordura já está na boca, o procedimento é menos complicado, causando menor impacto e sendo menos traumático para o paciente.

A bichectomia como recurso estético é simples e pode ser feita no próprio consultório, com anestesia local. Já a reconstrução é feita com anestesia geral, em ambiente hospitalar e centro cirúrgico. Adriane explica que o tempo de duração é maior, por não ser somente a retirada da gordura. “Normalmente ela requer anestesia geral, não pela bichectomia em si, mas por causa da reconstrução”, explica. A cirurgiã salienta que não é uma cirurgia complicada e é menos invasiva do que outras alternativas: “Ele não vai, por exemplo, ter a dor de uma retirada de pele na perna e uma na boca, ele vai ter apenas um local operado, e isso obviamente diminui o incômodo pós operatório”.

EU TESTEI: POMADAS PARA ASSADURAS!

EU TESTEI: POMADAS PARA ASSADURAS!

Fato é… toda mamãe de primeira viagem fica super em dúvida na hora de escolher qual pomada para assaduras usar em seu bebê!

Eu sempre fui curiosa, então no começo cada hora eu comprava de uma! E aí vai um resumão das minhas opiniões.

1)HIPOGLÓS – A velha e renomada pomada usada na época das nossas mães que provavelmente a vovó vai insistir pra você passar no bebê quando aquela assadura mais forte aparecer! Concluí que Hipoglós entra na categoria ou ame, ou odeie!!! Eu sinceramente sou bem simpática a essa pomada e, apesar de concordar com o argumento de quem não gosta dela, de que ela é grudenta demais e difícil de limpar do bumbum, eu busco ver essa característica mais como uma qualidade…afinal, a intenção de uma boa pomada de proteção é permanecer no bumbum do bebê, protegendo-o…não???

Leia também: Hipoglós para assaduras

O Vítor só teve uma assadura mais preocupante uma única vez e para mim, SIM, a Hipoglós ajudou muito! A pomada tem um preço razoável sendo uma das mais baratas dentre as testadas considerando o tamanho do tubo, e faz o papel de proteger que lhe é esperado! Na hora de limpar, nada que um algodão com óleo mineral não resolva! Aliás, aprendi com uma enfermeira que, se ao passar o hipoglós você diluí-lo um pouquinho em óleo mineral, ele sairá bem facinho com o próprio lenço umedecido! E não é que funciona!? Assim, quando eu resolvo usar hipoglós, eu já deixo um potinho com a misturinha de hipoglós e óleo num potinho, e uso esse!

2)BEPANTOL – Uma das queridinhas dentre as nacionais que, ao meu ver,não merece tamanha admiração!Ela protege? Sim! No entanto, muitas vezes, só de colocar a fralda eu percebo que a pomada já “sumiu” todinha do bumbum do bebê e isso me dá uma impressão de que não está mais protegendo! hahaha Além do mais, acho o preço da danada bem salgadinho!

3) TURMA DA MÔNICA CREME DE ASSADURAS – Gosto muito da textura da pomada da turma da Mônica! Ela é bem emoliente, desliza com facilidade e protege bem! Além do mais, o tubinho tem um tamanho bom pra carregar na bolsa! Os pontos negativos são: assim como a Bepantol, assim que você veste a fralda a pomada já some! Além disso, nunca se consegue espremer a pomada toda do tubinho!!!

4) DOVE BABY -Tem textura e densidade semelhante as das pomadas Bepantol e turma da Mônica, ou seja, menos densa, menos grudenta, mais fácil e gostosa de aplicar e espalhar, mas também com menos aderência! A DOVE teve um cuidado especial com a embalagem da pomada, assim como com todos os produtos da linha! Todo mundo sabe que, na hora de trocar a fralda, quando o baby já está maiorzinho e rolando pra lá e pra cá, é preciso dar alguma coisa pro pequeno se distrair! Aqui em casa muitas vezes eu dou a pomada, pois é o que está mais próximo! Pensando nisso, a Dove arredondou os cantinhos da embalagem pois sabe que muitos bebês brincam com o produto, evitando assim que as quinas arranhem os bebês ou pior, batam no olhinho!

5) DERMODEX PREVENT –
Nada contra, nada a favor! Só compro mesmo quando o preço está bem mais em conta porque além de não ter nada de extraordinário, ainda acho a embalagem feia! hahaha

6) DERMODEX TRATAMENTO -Dizem que na hora que o bicho pega mesmo, só ela pra dar jeito!!!ELA! Não a genérica dela! Vítor só teve uma assadura mais preocupante uma vez na vida, quando os primeiros dentinhos nasceram e ele teve aquela diarréia brava. Eu usei! Ajudou sim!!! Mas dizer que foi mágica, não foi! E sinceramente, a impressão que me deu foi que a genérica faz sim, o mesmo papel… e custa 1/3 do preço!

7) NISTATINA + OXIDO DE ZINCO (genérica da Dermodex Tratamento) Na minha humilde opinião, IGUALZINHA a dermodex tratamento!

Agora, falando um pouquinho das Importadas que todo mundo sempre enche a boca pra falar que usa… A+D e DESITIN! Pra ser bem sincera, nossas pomadas nacionais não deixam NADA a desejar pra essas importadas! Quando uma tia estava voltando dos Estados Unidos decidi pedir pomadas e então fui pesquisar quais eras as pomadas mais usadas pelos AMERICANOS e não é que essas, que a gente usa aqui, estão lá pra décima posição? Ou seja, com certeza existem melhores opções. Mas, vamos lá…

1) DESITIN AZUL -A pomada desitin que deve ser usada no dia a dia, chamada de Rapid Relief (se vier de fora)ou Creamy se for a nacional! Agora já é facilmente encontrada no Brasil! Aqui em BH a gente encontra nas farmácias Araújo, Raia, no Sam’s Club e já vi em alguns supermercados também! Sinceramente, pra mim é um hipoglós ligeiramente menos denso e grudento! Ainda assim, ela é bastante grudenta! Não sou grande fã mas uso pois comprei potões. Esperava MUITO mais, por ser uma febre entre as mamães brasileiras.

2) DESITIN ROXA –
Versão Maximum Strenght (força máxima) da pomada, que deve ser usado para o tratamento de assaduras e não para prevenção! Quando o Vítor teve a tal assadura braba, usei e sinceramente, não vi resultados diferentes! Tem gente que ama! Aqui, não funcionou!

3) A+D – Tem textura, cor e densidade BEM diferente de TODAS as demais pomadas que são brancas! A A+D é amarelinha, parece uma banha ou manteiga, sei lá… Mas não fica de cor nenhuma quando passada na pele do bebê! Por ser incolor, fácil e gostosa de espalgar, é a minha favorita! Além disso, ela não some fácil depois que a gente pões a fralda… parece manteiga sabe? Você continua vendo aquele “brilho gorduroso”, ou seja, ela está lá protegendo o bumbum do bebê! A única coisa “ruim” é o cheiro! Não necessariamente ruim, mas diferente… Não parece de produto de bebê! Eu já me acostumei e hoje em dia gosto! E sinceramente, trocaria todos meus potes de Desitin por A+D se pudesse! hahaha

4) Dr. Smith – Comprei quando minha tia veio, após pesquisar as pomadas mais usadas pelos americanos! Na maioria dos sites não havia exatamente um consenso sobre a número 1! Fui lendo opiniões em sites de compras como o Amazon e o Babies r’us, e acabei achando que a Dr. Smith era a mais elogiada em caso de assaduras extremas! Comprei pensando nesses momentos de desespero! A Assadura extrema do Vítor foi EXTREMA MESMO então fiquei traumatizada e queria ter a postos algo pra qualquer situação de emergência! Só que o bumbum do Vítor, GRAÇAS A DEUS, nunca mais ficou naquela situaçao, em carne viva, saindo até aquela “aguinha” que sai de feridas recentes! Ai eu usei a pomada algumas vezes a toa… só pra ver como é a textura, a densidade e o cheirinho! Gostei bastante!!! Assemelha-se a um bepantol porém com uma fixação melhor! Não sei se ela realmente dá conta do recado quando houver uma assadura PUNK…mas sinceramente espero não precisar saber! HAHAHAH

AHHH! Quando o Vítor estava super assado, na hora de passar a pomada, que meu dedo encostava na ferida, era um sofrimento!!! Ai pensei: “poque ninguém criou uma pomada em spray, pra gente nem precisar encostar?”! E não é que a Dr. Smiths criou!?!?!? Eu acabei comprando a de tubo normal, pois a ler as opiniões dos compradores da em spray, muita gente dizia que se usasse muito próximo “queimava” e doía ainda mais no bumbum do bebê, e de longe fazia uma sujeirinha básica! Como ela era bem mais cara e eu já tava gastando dólares demais com outras coisas, acabei desistindo! Mas um dia ainda testo e achei genial!!!

Bom meninas… essas opiniões são minhas! Vale a pena cada uma testar os produtos e definir aqueles que mais te atendem! Além do mais, fica a dica… Várias enfermeiras já me disseram que não é preciso passar pomada em TODA troca de fralda! O bumbum do bebê precisa respirar também! Assim sendo, hoje em dia eu capricho nas pomadas quando vejo algum traço de vermelhidão, mas de modo geral quase não passo nas trocas diurnas. Na hora de dormir capricho também pois o baby ficará com a mesma fralda um período prolongado, então acho melhor proteger bem!

Além disso, existem várias outras pomadas no mercado que ouço maravilhas e ainda quero testar! Assim que eu o fizer venho aqui e faço um update no post! Entre elas estão: Pomada Fischer Price, Cetrilan, pomada da Granado (amo tudo da Granado!), Pomada da Weleda (dizem que é MARA!!!!), Mustella, Aveeno Baby,Balmex, triple paste, Nivea Baby e por aí vai!!!

7 Dicas de Drenagem Linfática para Emagrecer como emagrecer saudável

7 Dicas de Drenagem Linfática para Emagrecer como emagrecer saudável

Descubra se a Drenagem Linfática emagrece, os seus benefícios e o preço cobrado no mercado Brasileiro?

Os benefícios da drenagem linfática são enormes e há quem diga que não existe nada melhor para combater o inchaço, a retenção de líquido e a gordura localizada. O procedimento é simples mas necessita de um profissional qualificado e preparado para executar da forma corretora.

Leia também: Kifina funciona

Para que todos benefícios da drenagem linfática sejam percebidos por você, o profissional realiza inicialmente uma massagem leve por todo o seu corpo, seguindo o sistema linfático e potencializando a eliminação das toxinas, que muitas vezes o nosso próprio sistema não consegue eliminar – que vem a causar dores, inchaços, dificuldade em perder peso, fadiga e muitos outros problemas.

Leia também: Phytophen funciona

A Drenagem Linfática emagrece?

Quando o sistema linfático é estimulado, não apenas as toxinas são eliminadas como também gordura. O acúmulo de gordura muitas vezes acontece por certas regiões do corpo estarem obstruídas com toxinas que o linfonodos não conseguem eliminar. Se há o estímulo destas regiões, há a eliminação de gordura e toxina, ou seja, a drenagem linfática emagrece ou pelo menos ajuda no emagrecimento já que faz com que o seu corpo elimine gordura!

Leia também: Drenagem Linfática como fazer

Na região abdominal, a drenagem linfática possui o benefício de também ajudar na melhora das funções do intestino, eliminando toxinas que lá estão presentes, além de atuar na gordura localizada na barriga – uma das mais difíceis de eliminar com exercícios.

Se você está em um programa de emagrecimento – com uma dieta balanceada e de baixo consumo de gordura, exercícios regulares e de impacto e bons hábitos alimentares, a drenagem linfática irá otimizar ainda mais o processo, conferindo curvas mais acentuadas ao corpo, combatendo a retenção de líquidos e a gordura localizada, e até mesmo beneficiando o quadro de celulite. Basta umas duas ou três sessões de drenagem linfática executada por profissionais que já da para conferir a redução de medidas. Contudo, na primeira sessão, você já se sentira mais leve e à vontade com o seu próprio corpo. Acredite, funciona!

Leia também: Farinha seca barriga funciona

Relaxamento

A drenagem linfática á uma massagem leve e precisa. Ela irá proporcionar um relaxamento sem igual, diminuindo também os níveis de cortisol do corpo – o hormônio do estresse. Está comprovado que o estresse ajuda a engordar e a acumular substâncias nocivas à saúde, comprometendo todos os sistemas do organismo.

Quando a drenagem linfática é bem realizada, você passa a emagrecer gradualmente e a se sentir mais relaxado e integrado com o seu próprio corpo. A drenagem linfática ajuda a melhorar também o sistema imunológico, melhorando a celulite e o aspecto geral da pele.

Alimentação

A drenagem linfática emagrece, mas não faz milagres. É preciso que a pessoa passe a ter uma alimentação saudável, rica em proteínas e fibras, vitaminas e minerais. É preciso diminuir o consumo de carboidratos simples (massas brancas, pães, produtos industrializados, etc.) e de gorduras saturadas.

Retire do seu cardápio todos os alimentos industrializados (biscoitos, salgadinhos, molhos prontos, refrigerantes, bebidas alcoólicas, etc.) e frituras enquanto estiver realizando um pacote de sessões de drenagem linfática. Um corpo bonito será a garantia do seu esforço. Vale a pena conferir!

Exercícios

A drenagem linfática é perfeita quando você pratica exercícios físicos regulares. Além de tirar a tensão causada pelo impacto das atividades físicas, estas ajudam a ativar o sistema linfático, facilitando a ação da própria drenagem. Assim, o seu corpo consegue perder mais toxinas e gordura de forma mais rápida e fácil.

O principal aliado da drenagem linfática é o consumo regular de água pura. Tome pelo menos 3 litros de água por dia. Fará uma grande diferença na eliminação de gordura e toxinas do corpo, já que a drenagem linfática é bastante diurética. Os efeitos são visíveis no corpo, pele, fios de cabelo e até no humor. Ao executar exercícios você automaticamente se força a tomar um pouco mais de aguá do que normalmente tomaria, e isto ajudará ainda mais na perda de peso!

Como deve ser executada a Drenagem Linfática

Confira um pouco mais dos resultados e procedimentos da drenagem linfática e os benefícios que a técnica possui:

1- Os profissionais que realizam a drenagem linfática constantemente usam produtos específicos para este tipo de massagem. Primeiramente, a pele é preparada com uma esfoliação, que pode ocorrer na primeira sessão de forma mais intensa ou em todas as sessões de forma mais leve. Isso permite que o ativos dos cremes de massagem penetrem com mais facilidade do corpo.

2- Os cremes e óleos para a drenagem linfática possuem ingredientes ideais para promover a circulação e combater a gordura localizada e a celulite, como cafeína, gengibre, guaraná, ginkgo biloba, cavalinha e centelha asiática.

3- O mais indicado é que se faça a drenagem linfática após o banho, pois o calor promove a vasodilatação, melhorando ainda mais o processo.

4- Há profissionais que usam objetos como bambu, pedras quentes, aparelhos de massagem, etc. Isso refere-se na verdade à técnica utilizada. Contudo, tradicionalmente, a drenagem linfática é feita com as mãos por um profissional habilitado.

5- A drenagem linfática é feita no corpo todo, inclusive nas mãos e no rosto. Isso porque todas as áreas apresentam gânglios linfáticos que, ao serem estimulados, aceleram o processo de drenagem e perda de excesso de líquido corporal que causa inchaço e edema.

6- Você pode fazer uma sessão às vezes ou adquirir um pacote de 10 sessões, por exemplo. A drenagem linfática tem um efeito gradual, e desta forma, é interessante fazer de 1 a 2 vezes por semana e adquirir um pacote contínuo, que é mais econômico.

7- Você também pode realizar a drenagem linfática em si mesmo, utilizando técnicas conferidas diretamente na internet. O importante é dar a atenção que o seu corpo precisa, melhorando também os aspectos estéticos.

Qual o preço da Drenagem Linfática?

A drenagem linfática tem um preço que pode variar bastante, costuma variar entre R$ 45 e R$ 100 a sessão de 1 hora – estes valores variam conforme a região do Brasil e a clinica de estética em questão. Mas veja a drenagem linfática com um excelente investimento se o seu objetivo é emagrecer, melhorar o estado da celulite e se sentir melhor consigo mesma. Eu aposto que você também vai aprovar!

BIOTINA É BOA PARA OS CABELOS, PELE E UNHAS CURIOSIDADES

BIOTINA É BOA PARA OS CABELOS, PELE E UNHAS CURIOSIDADES

Nutriente também ajuda na melhor absorção de outras substâncias

Afinal, o que é biotina?
A biotina é uma vitamina do complexo B. Ela também é conhecida como vitamina B7 e vitamina H. Trata-se de uma vitamina hidrossolúvel produzida no intestino pelas bactérias e obtida por meio da alimentação.

Assim como outras vitaminas do complexo B, a biotina está relacionado ao metabolismo das gorduras, carboidratos e proteínas. Ela também é essencial para a saúde da pele, unhas e cabelos.

Leia também: Biotina é bom

Benefícios comprovados
Bom para a pele: A biotina é muito benéfica para a pele, isto porque ela ajuda no metabolismo de carboidratos, proteínas e gorduras o que acaba melhorando a saúde da pele. A ausência da biotina pode fazer com que a pele fique seca, escamosa e com vermelhidão em volta da boca e nariz.

• Bom para o cabelo: A ausência da biotina pode causar a queda de cabelos e também fazer com que os fios fiquem enfraquecidos. Ainda não é certa a relação entre o nutriente e os cabelos, mas alguns especialistas acreditam que a biotina tem relação com a produção de queratina, proteína que compõe o cabelo.

• Bom para as unhas: A falta de biotina pode enfraquecer as unhas. Alguns especialistas acreditam que isto ocorre porque o nutriente tem relação com a produção de queratina, proteína que compõe as unhas.

• Ajuda na absorção correta dos nutrientes: A biotina, juntamente com outras vitaminas do complexo B, contribui para o metabolismo de carboidratos, gorduras e proteínas, fazendo com que o corpo os absorva da melhor maneira.

Benefícios em estudo
Bom para quem tem diabetes: Como a biotina ajuda a metabolizar melhor os carboidratos, alguns estudos apontam que a biotina pode ser interessante para diabéticos. Contudo, ainda são necessárias mais pesquisas para se comprovar este benefício.

Deficiência de biotina
A deficiência de biotina é extremamente incomum porque este nutriente está muito presente na alimentação. Contudo, quando acontece os sintomas da ausência do nutriente são: fraqueza nas unhas e cabelos, calvície, pele seca e escamosa e vermelhidão em volta do nariz e da boca. Outras complicações que podem ocorrer são conjuntivite, dermatite exfoliativa, dores musculares e lassidão, acompanhada de aumento da glicemia.

Combinações da biotina
Para proporcionar os benefícios mencionados, a biotina precisa ser ingerida com as outras vitaminas do complexo B. Além disso, é importante que ela faça parte de uma dieta balanceada.

Fontes da biotina
As principais fontes de biotina são o amendoim, as nozes, o tomate, a gema do ovo, a cebola, a cenoura, alface, couve-flor e amêndoa. A carne vermelha, o leite, as frutas e as sementes também contam com o nutriente.

O uso do suplemento de biotina
O suplemento de biotina só é orientado quando a pessoa manifesta sintomas da ausência deste nutriente. A suplementação só pode ser realizada por um nutricionista ou médico nutrólogo.

10 dicas para evitar as varizes

10 dicas para evitar as varizes

Especialista explica o que pode causar o problema e como evitá-lo

Certamente não há mulher que não tema o aparecimento delas. Por isso, saber como evitar varizes e o que as causam é muito importante. Além da questão estética, os vasinhos podem causar pressões e dores nas pernas.

Foto: Getty Images

A culpa, na maioria dos casos, acaba ficando para a hereditariedade. Esse fator pode sim influenciar, mas existem diversas formas para driblar os problemas dos antepassados e prevenir as varizes. O cirurgião vascular Caio Focássio, da Clínica Vivere, de São Paulo (SP), e membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Vascular listou as 10 principais dicas para quem quer manter as pernas longe dos vasinhos.

Dicas de como evitar varizes:
1. Use salto alto só quando precisar dele

O problema não é o salto, mas sim ficar longos períodos com esse calçado nos pés. Ir e voltar do trabalho com uma sapatilha, por exemplo, e só calçá-lo enquanto trabalha já ajuda na prevenção das varizes.

Leia também: loja Varicell

2. Corra

A atividade física, principalmente a aeróbia (como corrida e caminhada), é extremamente recomendada para manter-se longe das varizes. Isso porque o exercício ajuda na circulação sanguínea.

3. Cuidado com a pílula anticoncepcional

Antes de começar o tratamento é importante a mulher consultar o seu médico. Já que pílulas a base de estrogênio podem contribuir com a distensão venosa e consequentemente aumentar o risco de doenças nesse território como aparecimento de varizes e trombose.

4. Movimente-se ao longo do dia

Ficar na mesma posição durante muito tempo prejudica o retorno venoso nas pernas. A cada uma ou duas horas, levante e ande um pouco, para ajudar o sangue fluir melhor e não ficar “estacionado” nas veias.

5. Deite com as pernas levemente elevadas

Não precisa ser necessariamente todo dia, mas algumas vezes na semana. Isso faz com que melhore o retorno venoso, fazendo com que a circulação da perna seja beneficiada.

6. Evite o excesso de peso

O acúmulo de gordura é um fator de risco para varizes. Manter o peso ideal é essencial – não só para evitar as varizes, mas também para manter a saúde em dia.

7. Não fume

O tabagismo, além de comprometer todo o organismo, aumenta a viscosidade sanguínea que é um dos responsáveis pela trombose venosa e tromboflebites que em futuro próximo podem gerar varizes.

8.Cuidado com os excessos na musculação

Aparentemente em um treino de hipertrofia com excesso de carga pode causar a hipertensão venosa. Por isso, o ideal, para prevenir as varizes, é usar pouca carga com mais repetições.

9. Esforço do apertado pode valer a pena

As meias elásticas ajudam muito no retorno venoso da grande maioria da população que não tem contra-indicação, procure seu médico para lhe prescrever a correta e previna-se das indesejáveis varizes.

10. Aposte na drenagem linfática

A drenagem ativa a circulação linfática e é ótima para o tratamento do edema – além de melhorar a textura da pele.

Gostou de saber de como evitar varizes? Então não deixe de nos acompanhar nas redes sociais Instagram, Facebook e Twitter para saber mais sobre saúde, esporte, nutrição e muito mais.

 

Conheça as 12 Dicas para eliminar as cólicas menstruais

Conheça as 12 Dicas para eliminar as cólicas menstruais

Todo mês é a mesma história: dores insuportáveis, desconforto, cansaço, dor de cabeça, olheiras e vontade de não fazer mais nada por conta das malditas cólicas menstruais. Para algumas mulheres, isso pode ser realmente um inferno, felizmente temos uma boa notícia: existem algumas soluções para diminuir ou eliminar as cólicas menstruais. No entanto, se a dor é acompanhada de febre e se ela está impedindo-a de viver normalmente, consulte o seu médico imediatamente! Pensando nessas mulheres que a cada mês sofrem muito por causa das malditas cólicas, preparamos esta lista com 12 dicas para você amenizar ou diminuir as cólicas menstruais.

12 dicas para eliminar as cólicas menstruais

1. Uma alimentação adequada pode amenizar as cólicas menstruais

Nós não nos damos conta, mas o que comemos pode ter um impacto em como nos sentimos e no nosso ciclo menstrual. E, claro, isso não vai surpreender ninguém, mas a primeira coisa que devemos tomar cuidado é com o consumo de açúcar. Mas por que o açúcar? Porque a ingestão excessiva de açúcares provoca um excesso de produção de insulina e o excesso de insulina causa a produção de prostaglandinas pró-inflamatórias (a principal causa das nossas cólicas durante a menstruação).

Uma recomendação dos nutricionistas: coma mais peixes gordos (cavala, salmão, etc) assim como qualquer outro alimento que contenha ômega- 3.

2. Os comprimidos certos para eliminar as cólicas menstruais

Medicamentos com paracetamol normalmente têm pouco efeito nas cólicas menstruais, no entanto os anti-inflamatórios não-hormonais, como o ibuprofeno, por exemplo, têm maior eficácia. A vantagem é que você pode comprar medicamentos a base de ibuprofeno nas farmácias sem receita médica, e eles são muito eficazes.

3. O DIU hormonal, um antídoto para as cólicas menstruais

Claro que, se nós temos como projeto a curto ou médio prazo ter um bebê, escolher o DIU não é a solução correta. Mas, se engravidar não faz parte dos seus planos, o dispositivo intrauterino hormonal é ideal para as mulheres que sofrem com a dismenorreia (nome científico para as cólicas menstruais). Especialmente se você sofre de endometriose, uma possível causa da dismenorreia.

O DIU hormonal difunde progesterona e, além de ser um contraceptivo, ele tende a fazer com que a menstruação pare completamente ou seja reduzida significativamente durante o período em que o DIU está em seu corpo. O DIU pode ser mantido por cinco anos – uma solução a ser considerada com o seu ginecologista.

4. A pílula anticoncepcional

A pílula não serve apenas para proteger-nos de gestações. Ela impede a ovulação, reduz a produção de prostaglandina e reduz o fluxo menstrual.

Geralmente a pílula é eficaz na redução não só da duração da menstruação, mas também, e acima de tudo ela é eficaz na redução de tudo que se passa com a menstruação: as dores, enxaqueca, mau humor, etc.

5. A bolsa de água quente não poderia faltar

Método natural, mas eficaz, abuse da antiga bolsa de água quente na barriga. Isso vai relaxar um pouco todos os músculos que se contraem quanto estamos com cólica e assim aliviar um pouco a dor. Um bom banho morno também tem um efeito calmante. No entanto, cuidado, isso pode aumentar o fluxo da menstruação nas próximas horas.

6. Pratique esporte para oxigenar o corpo e ativar a corrente sanguínea

Esta pode ser a última coisa que você queira fazer quando você estiver com cólicas do tipo “hoje eu não saio de casa”, mas uma atividade física regular, mesmo durante a menstruação, pode reduzir as cólicas menstruais.

Por quê? Porque a atividade física ajuda na oxigenação do corpo e estimula a circulação sanguínea – um analgésico natural, em suma.

Atenção: você não precisa virar uma atleta profissional, pense em fazer uma rápida caminhada ou alongamentos.

7. E que tal relaxar um pouco e praticar yoga para eliminar as cólicas menstruais?

Ao aprender a tomar posse do nosso próprio corpo e respirar com a barriga em profundidade, ou seja, com o diafragma, o yoga pode ser uma ótima forma de aprender a controlar a dor. Seu professor também irá orientar-lhe para fazer as posturas mais suaves para as costas e barriga, caso você tenha coragem de praticar esta atividade mesmo estando com dores.

Leia também: Atroveran é bom

8. Utilize as propriedades antiespasmódicas dos óleos essenciais

Alguns acreditam, outros não, mas os óleos essenciais são uma alternativa aos medicamentos.

Utilizando-os com massagens, eles permitem acalmar espasmos. Assim como a massagem por si mesma também pode ajudar a relaxar. Entre os óleos frequentemente recomendados para lutar contra as cólicas menstruais, encontramos o cipreste ou o óleo de camomila sem cheiro. Duas gotas de um ou outro é misturado com uma colher de sopa de óleo de amêndoa extra-virgem, e então você pode massagear a região suavemente.

9. Com a homeopatia, temos como alvo a dor

O que é bom com a homeopatia é que cada sintoma a mais corresponde a uma dose a mais que você deve tomar. Por exemplo, se a sua menstruação é abundante, acompanhada de cólicas abdominais e tonturas, recomenda-se tomar cinco comprimidos de uma homeopatia X. Se a sua dor se intensifica com as emoções, você deverá tomar cinco grânulos de manhã e mais cinco à noite. Se você tem interesse em recorrer às homeopatias, o ideal é consultar um médico homeopata para que ele possa ver qual a melhor homeopatia para o seu caso. A automedicação não é uma boa solução, pois a recomendação depende das características das suas dores.

10. Faça sexo

Ok, esta solução envolve:

a) Que você não tenha um problema com a ideia de ter relações sexuais durante o período em que está menstruada.

b) Que o seu parceiro também não tenha problemas com isso.

Mas, se forem cumpridas estas duas condições e se seu namorado for um cara gentil e esforçado, ter um orgasmo pode aliviar a dor, não só a dor uterina mas também as dores de cabeça e costas, na verdade, o efeito vasodilatador causado pelo orgasmo reduz enxaquecas.

E, em seguida, ganhar um pouco de carinho, mimos e atenção é tudo o que precisamos nesses momentos, não?

11. Uma massagem nos pés pode ser a solução

Pode parecer não muito óbvio, mas você deve experimentar, pois uma massagem nos pés realmente alivia as dores das cólicas menstruais.

Como fazer? É muito simples: faça pressão durante alguns minutos com as pontas dos dedos nas depressões logo acima do calcanhar. Isto diminuirá a sua dor. Passe ainda os dedos nas partes laterais do tendão de Aquiles, deslocando-os em direção à barriga da perna.

12. E os chás não poderiam faltar

O chá de canela é utilizado desde a antiguidade no tratamento das cólicas menstruais, as suas propriedades agem como um analgésico aliviando as dores. Além de ser uma opção natural os chás também são gostosos e aquecem o nosso corpo.

O chá de capim santo também tem um grande efeito para eliminar as cólicas menstruais. Ele é antiespamódico, então ele age aliviando os espasmos e as contrações musculares. O chá de gengibre também é altamente recomendado no combate das cólicas, pois as propriedades anti-inflamatórias do gengibre são muito eficazes.

GEL REDUTOR COM CAFEÍNA

GEL REDUTOR COM CAFEÍNA

Desenvolvido para atuar na redução de medidas e gordura localizada. O mentol e a cânfora provocam um efeito crioterápico (resfriamento) que estimula o aumento da circulação local, aumentando o metabolismo, enquanto a cafeína auxilia na quebra da célula de gordura. Formulação em gel de rápida absorção. Produto livre de parabenos e sem adição de fragrância.

EFICÁCIA COMPROVADA.

Ativos:

Mentol – Extraído de várias espécies de menta, possui ação refrescante e analgésica.

Cânfora – Extraída da planta Cinnamomum Camphora, tem ação analgésica, antisséptica e estimulante.

Leia também: comprar Womax Gel Lipo

Cafeína – Com propriedades altamente estimulantes, melhora a textura da pele. Sua ação lipolítica, estimula a quebra de gordura, auxiliando no tratamento da celulite.

Modo de usar: Utilizar quantidade suficiente e aplicar sobre a pele uma vez ao dia, massageando até sua total absorção. Não remova o produto antes de duas horas da aplicação. Lave as mãos após a utilização. A sensação de resfriamento e sua duração podem variar.

Leia também: Phytophen funciona

Importante: Não utilizar durante a gestação e a amamentação. Aplique uma pequena quantidade do produto no antebraço. Aguarde 24 horas. Caso não ocorra nenhuma irritação, ardência ou coceira na pele proceda ao uso. Atenção: ao sinal de qualquer sensação de irritação, ardência ou coceira, lave imediatamente a região com água fria. Suspenda o uso do produto. Se os sintomas persistirem, procure orientação médica.

Leia também: Farinha seca barriga funciona

Precauções/cuidados: Em caso de irritação, suspender o uso imediatamente e procurar orientação médica. O produto não deve ser utilizado por pessoas hipersensíveis a qualquer componente da fórmula. Pode causar sensação de resfriamento no local aplicado. Não aplicar se a pele estiver irritada ou lesionada. Manter ao abrigo da luz e calor excessivos. Manter fora do alcance de crianças. Uso externo.

Leia também: Kifina funciona

Gel redutor de medidas funciona mesmo?

Gel redutor de medidas funciona mesmo?

Atualmente, uma das maiores preocupações das mulheres que desejam emagrecer é saber se o gel redutor de medidas funciona realmente. Eles possuem muitas fórmulas diferentes, mas seus mecanismos tem o objetivo de atuar no corpo e reduzir números nos manequins de quem os usa.

Apesar desses cosméticos possuírem anos de estudos e experimentações laboratoriais, sempre existem aquelas que se perguntam: gel redutor de medidas funciona?

Se você também é dessas, leia o nosso artigo de hoje até o fim. Nós da Estante Feminina vamos esclarecer todas as suas dúvidas e de quebra daremos uma dica imperdível para você que quer perder peso de forma definitiva e saudável.

Como um gel redutor de medidas funciona?
Basicamente, todos os produtos que promovem o emagrecimento, sejam os remédios naturais de via oral ou géis redutores, precisam atuar sobre a gordura corporal. Enquanto os remédios conseguem atuar de modos diferentes graças a seu contato mais interno, um gel redutor de medidas têm apenas o contato com a pele para causar a perda de peso.

Praticamente, o gel redutor de medidas funciona por meio do efeito termogênico. Este efeito é causado por decorrência de um resfriamento localizado em certos pontos do corpo devido a alguns dos componentes do gel, como a cânfora e o mentol, que em alguns produtos são potencializados pela cafeína.

Ao se passar o gel na barriga por exemplo, rapidamente será gerado um resfriamento daquela região. O corpo então tornará a circulação sanguínea daquela parte do corpo mais rápida, para elevar a temperatura dessa parte a um ponto de equilíbrio com o corpo em geral.

Esse processo causa uma queima de gordura realmente localizada, já que a parte onde se aplica o produto terá mais gasto de energia.

Leia também: Kifina é bom

Eu preciso reduzir gordura localizada! Até 50% de desconto!
Quais as vantagens de escolher um gel redutor de medidas?
Agora que já explicamos o básico para que você entenda como um gel redutor de medidas funciona, é compreensível que deseje saber por que escolher usar um gel e não algum outro tipo de tratamento mais profundo.

Existem muitas razões, mas pode-se dizer que as principais são o custo e o risco menores. Procedimentos cirúrgicos como a lipoaspiração, por exemplo, são válidos? Sim, para o emagrecimento e perda de gordura localizada, mas as sessões não saem barato e podem ser muito perigosas nas mãos de profissionais não qualificados.

Leia também: Phytophen é bom

Já um bom gel redutor de medidas agirá no seu corpo de forma natural e não invasiva, por meio de certas reações corporais inerentes ao nosso corpo, promovendo a perda de peso e a lipólise, que é a quebra de gordura localizada para produzir energia.

Leia também: comprar Womax Gel Lipo

Para quem o gel redutor de medidas funciona e o que pode fazer por você na prática?
Sabemos que o certo é não responder a uma pergunta com outra pergunta, mas antes de te mostrar os benefícios que você terá na prática com esse gel redux da Estante Feminina, reflita sobre as seguintes situações:

Você já quis usar uma roupa mais leve no verão, mas sua barriga estava inchada por causa do calor e da retenção de líquidos?
Na hora de colocar um biquíni ou maiô para a praia você acabou não conseguindo por causa das gorduras localizadas (na barriga ou até mesmo aquele culote indesejado)?
Já quis realizar mais atividades no seu dia a dia, mas não conseguiu porque sofre com dores por falta de circulação sanguínea?
Quer eliminar as celulites das pernas e do bumbum, deixando sua pele com aspecto mais saudável?
Sofre com uma pele manchada ou com cicatrizes por causa TPM, gravidez ou outra situação parecida?
Então, o gel redutor de medidas da Estante Feminina serve para você!
Isso porque esse gel tem um diferencial muito grande dos outros que estão no mercado. Isso porque ele atua não apenas com a redução de medidas, como em outras áreas. Veja a seguir tudo o que o Gel da Estante Feminina faz por você:

Queima a gordura localizada;
Reduz as medidas e melhora a circulação sanguínea;
Tira o efeito laranja da pele e melhora o aspecto do rosto;
Tem ação anti-inflamatória e anti-envelhecimento, favorecendo a redução de líquidos no corpo , consequentemente, o inchaço;
Estimula a circulação do seu sangue e regenera a pele – que fica mais lisa e uniforme;
Combate e previne as celulites, inibindo a formação de novas células de gordura.
É claro que você não quer ficar de fora dessa, não é mesmo? Por isso que preparamos algo especial para você que é nossa leitora. Se quiser descobrir, clique no botão abaixo!

Como escolher corretamente o meu gel redutor de medidas

Existem muitos produtos diferentes no mercado na linha de géis redutores, todos possuem seus princípios ativos e a grande maioria tem base científica assim como testes em laboratório antes de chegar às consumidoras. No entanto, é importante estar atenta em alguns detalhes na hora de escolher seu gel redutor de medidas.

Sempre busque saber se o produto em questão foi testado dermatologicamente, se possui contraindicações, se a empresa que fabrica o gel têm registro e se o produto chegou a apresentar efeitos colaterais.

Vale lembrar que nenhum gel redutor de medidas funciona como mágica. Só ele não fará você ter perda significativa de peso.

A melhor abordagem é o seu uso aliado a uma boa dieta, exercícios físicos e descanso adequado, como falamos nesse artigo aqui, sobre o projeto verão 2018.

Se ainda assim, você não sabe como escolher seu gel redutor de medidas, temos uma ótima dica.

Cursos online gratuitos

Cursos online gratuitos com direito a certificado estão sendo oferecidos pelo SESI

Está sendo disponibilizado pelo SESI um total de 13 cursos totalmente gratuitos em sua plataforma de ensino online. Se você quer impulsionar sua carreira e carimbar mais conhecimentos no currículo, aproveite esta oportunidade! Todos os cursos têm certificação ao final.

O aluno receberá o certificado somente se garantir até 70% de aproveitamento durante o curso. Após ser aprovado, o próprio estudante emite o documento via internet.

Leia também: comprar Fórmula negócio online

1. Administrando o seu dinheiro2. Comunicação Efetiva3. Comunicação no Foco Organizacional4. Indústria da Cerâmica Vermelha: Trabalho Seguro e Organizado, EPIs e EPCs5. Indústria da Madeira: Colheita, Empilhadeiras, Enlonamento e EPIs6. Indústria de Cal e Calcário: EPIs, EPCs, Movimentação de Cargas e Situações de Emergência7. Indústria Moveleira: Máquinas, EPIs e EPCs8. Matemática Básica e Inclusão Digital9. Prevenção ao Câncer de Pele10. Qualidade no Atendimento e Postura Profissional11. Trabalho em Altura12. Trabalho em Espaços Confinados
13. Redação Administrativa

Suplemento de hidrolisado de colágeno

Suplemento de hidrolisado de colágeno

Ingestão de hidrolisado pode servir de complemento para tratamento de pele com cosméticos à base de colágeno

Avaliação mostrou que o hidrolisado agiu de forma progressiva na camada mais profunda da pele, tornando-a mais firme e diminuindo a flacidez – Foto: FCFRP – Patrícia Maia Campos/Arquivo Pessoal
O uso do suplemento alimentar hidrolisado de colágeno melhora a firmeza e a elasticidade da parte mais profunda da pele, reduzindo a flacidez. A conclusão é de pesquisa realizada na Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP) da USP, que avaliou os efeitos do hidrolisado em mulheres com idades entre 45 e 60 anos. Após 90 dias de uso, os testes demonstraram uma melhora progressiva mas condições da pele, indicando que o hidrolisado pode complementar o tratamento com cosméticos à base de colágeno.

O hidrolisado é um pó que é vendido em sachês para ser tomado com água. “O produto é isento de registro na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), o que permitiu a realização dos testes”, conta a professora Patrícia Maia Campos, da FCFRP, que realizou a pesquisa. “As amostras utilizadas no estudo foram cedidas por um fabricante do produto, vendido como suplemento alimentar.”

Leia também: Nutren Beauty

Participaram dos testes 60 voluntárias, em um tipo de estudo denominado “duplo cego placebo controle”. “As voluntárias não eram informadas se estavam ingerindo o hidrolisado de colágeno ou o placebo, que é uma substância sem efeito nenhum. Depois de 90 dias, quem tivesse tomado o placebo era convidado a tomar o hidrolisado por mais 90 dias”, relata a professora. As mulheres participantes tinham entre 45 e 60 anos de idade, e não podiam estar tomando medicamento ou fazendo reposição hormonal. “Essa fase, conhecida como pele madura, é a que há mais reclamações sobre rugas, flacidez e manchas.”

Ação progressiva
Cada voluntária tomou 10 gramas (g) de hidrolisado por dia, durante 90 dias. A cada 45 dias eram feitos dois tipos de exames. “Um deles era o ultrassom da derme, que é a camada mais profunda da pele, que media sua ecogenicidade, indicando a densidade e a firmeza da pele”, explica Patrícia. “O outro teste é o do Cutometer, que mede a propriedade elástica da pele.”

Leia também: Skin renov é bom

O exame de ultrassom demonstrou que o hidrolisado agiu de forma progressiva na camada mais profunda da pele, tornando-a mais firme e diminuindo a flacidez. “O efeito foi conseguido com o uso oral. No caso de cosméticos com colágeno, que são de uso tópico, aplicados na pele, essa ação, além de superficial, é menos duradoura”, destaca a professora.

Suplemento alimentar – Foto: Marcos Santos/USP Imagens
O Cutometer indicou uma melhoria da elasticidade e da hidratação da pele. “Nesse caso, o resultado foi similar ao verificado com o uso tópico em outros estudos, demonstrando que os dois tratamentos se complementam.”

O colágeno utilizado no estudo tem origem animal (bovina). “Sua ação é justificada pela alta concentração de três aminoácidos principais, entre eles a hidroxiprolina, em sua composição, os quais estão relacionados à síntese de colágeno”, explica a pesquisadora. “Quando a síntese é estimulada, o colágeno melhora a densidade e firmeza da pele, efeito observado no estudo clínico por medidas instrumentais.”

De acordo com Patrícia, a origem da pesquisa está nos estudos sobre o uso de alimentos e cosméticos como medicamentos, chamados respectivamente de nutracêuticos e nutracosméticos. “A ideia era saber se havia uma diferença nos resultados do tratamento entre a ingestão, típica dos alimentos, e o uso tópico, mais comum nos medicamentos”, relata. “Outra pesquisa, com o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), também avaliará se há diferença entre o uso oral e tópico de substâncias com ação despigmentantes no tratamento da hiperpigmentação da pele.”

Cólica Menstrual

Cólica Menstrual

A dismenorreia ou cólica menstrual é um dos principais tormentos femininos e consiste em contrações irregulares e prolongadas da musculatura uterina e consequentemente dores intensas na região. Sintoma que acompanha a menstruação, a cólica pode variar de intensidade de uma mulher para outra e afeta 50% das mulheres em idade fértil. Pode surgir nas primeiras menstruações ou, em alguns casos, anos depois da chegada da menstruação e por motivos diversos, como alterações nos ovários, alterações no útero, endometriose, hímen sem orifício para sair a menstruação, uso de DIU, miomas, malformações uterinas ou doença inflamatória pélvica.

Leia também: como parar a Cólica menstrual

Nos casos mais graves, o quadro pode ser acompanhado de náusea, sudorese, diarréia, tontura e perda de consciência. Existem ainda dois tipos de dismenorréia, a espasmódica, que aparece no primeiro dia de sangramento menstrual e desaparece para logo voltar com igual intensidade, e a congestiva, que aparece como uma dor que começa antes do sangramento aparecer. A primeira é comum em mulheres jovens e a segunda em mulheres mais velhas.

A cólica menstrual é a grande vilã dos motivos que fazem as mulheres se afastar das atividades, faltas no trabalho,perda do rendimento nos estudos, além de indisposição para a realização de tarefas comuns ao dia-a-dia feminino. Por conta disso, os tratamentos são bastante procurados. Você pode saber mais sobre eles no tópico “Supressão da Menstruação”.

Linguagem do Corpo: De onde se origina o Terçol?

Linguagem do Corpo: De onde se origina o Terçol?

As pálpebras são responsáveis por proteger os olhos de bactérias e lesões e, ainda, ajudam na distribuição de umidade através das lágrimas por todo o olho.
O terçol é uma pequena infecção de uma glândula sebácea presente na pálpebra (por conta dos cílios) e é, geralmente, ocasionada pelas bactérias estreptococo e estafilococo, e atinge a região da pele que se conecta aos cílios. A parte do olho afetada pelo terçol tende a apresentar um pequeno inchaço avermelhado e o portador pode sentir leves dores.

O tratamento para o terçol é feito por meio de pomadas antibióticas, colírios e compressas quentes. Seguindo estas recomendações, o terçol tende a desaparecer sozinho com a drenagem da infecção feita pelo próprio corpo.

Leia também: Terçol como tratar

Em seu livro, Cristina Cairo afirma que terçol se origina a partir de um sentimento de raiva guardado pelo portador.

Terçol segundo Cristina Cairo:
Significa que você está com raiva de uma determinada situação. Pode ser que você esteja fazendo algo que o contrarie e que pensava não mais precisar fazer. Evite sentir raiva de alguém, pois as dimensões humanas são diferentes e é por isso que devemos ser mais compreensivos com as ideias opostas às nossas. Se você não gosta do que está acontecendo, mude seu modo de pensar e compreenda as razões das outras pessoas. Saiba que você tem seu livre-arbítrio e que ele é o responsável por todas as suas experiências no decorrer da sua vida. Alegre-se por possuir o direito de mudar e escolher aquilo que o faz feliz.

Varizes

Varizes

As varizes são veias superficiais dilatadas, volumosas e alongadas que se formam por causa da má circulação sanguínea do organismo e de alguns fatores que influenciam tais formações como alterações hormonais, hereditariedade, obesidade, traumatismo, sedentarismo e outros. Como são superficiais se localizam no tecido subcutâneo ou no território intradérmico, podendo ser facilmente vista e tocada.

Além da aparência azulada e indesejável que as varizes provocam, induz ainda a sensação de queimação, inchaço, coceira, câimbras, fadiga no membro afetado e podem influenciar no aparecimento de pequenas veias avermelhadas. Apesar das varizes ocorrerem em diversas partes do corpo, se manifesta na maioria dos casos nas pernas.

Leia também: Varicell bula

Apesar de poder ser diagnosticada pela pessoa que possui as varizes, o médico quando procurado realiza exames para verificação do fluxo venoso superficial e profundo para a verificação do problema. É importante o auxílio médico quando aparecerem as primeiras varizes, pois o mesmo pode verificar (como já dito) as causas da formação, podendo bloquear novos aparecimentos ou retardar os mesmos. O tratamento para tal complicação pode ser feito por meio de cirurgia, utilização de meias de compressão, escleroterapia e laser. Existem alguns hábitos que podem evitar ou ainda retardar o aparecimento das varizes como atividades físicas, a utilização de meias de compressão para melhorar a circulação, a manutenção do peso corpóreo, alimentação saudável rica em fibras e evitar o fumo.

 

10 dicas para uma pele saudável e bonita

10 dicas para uma pele saudável e bonita

Que tal saber dicas de beleza para ter a pele dos seus sonhos da badalada especialista em cuidados com a pele, Dayle Breault, mais conhecida como a “deusa da pele”? Nada mal! O Lar Natural faz a ponte e traz 10 dicas para uma pele saudável e bonita, a fonte é quentíssima. Vem com a gente!
10 dicas para uma pele saudável e bonita

1 – Comece o dia com um ritual que deixa o pH do sangue mais alcalino. Para isso, beba logo pela manhã, em jejum, 1 copo de água morna com limão e 1 cápsula de probióticos. Tomar um suco verde detox também garante uma boa dose de antioxidantes, alcalinizantes e fibras que vão ajudar a eliminar toxinas e a combater os radicais livres. Efeito colateral: uma pele mais saudável e bonita, entre outros benefícios.

Água morna com limão – Fonte: Google
2 – Área da testa está relacionada com funcionamento dos rins e fígado. Se estiver muito ressecada, aumente o consumo de água durante todo o dia, acrescentando um pouco de limão. Isso vai garantir um metabolismo acelerado, queima de gordura e pH alcalino, tudo de bom para a saúde e beleza.

Leia também: rugas

3- Esfoliação: não deixe de fora do seu ritual de cuidados com a pele. A esfoliação mecânica com as mãos ajuda a eliminar células mortas e ativa a circulação, além de preparar a pele para absorver os nutrientes do seu creme de hidratação.

Fonte: Google
4- Lave o rosto imediatamente após o treino ou suor excessivo. Dayle alerta que deixar para lavar o rosto só em casa ou na hora do banho permite que o sal e a gordura, liberados com o suor, se solidifiquem e entupam os poros, criando um ambiente perfeito para acne e espinhas.

Fonte: Google
5- Como lidar com uma espinha? A dica é alternar gelo e uma fonte de calor. Coloque um cubo de gelo suavemente sobre a espinha, deixe por alguns segundos e alterne com água quente ou outra fonte de calor; repita 4 ou 5x. Ela garante que o procedimento diminui o inchaço, extermina as bactérias e impede que a espinha evolua para um alien.

Fonte: Google
6- Mantenha uma dieta saudável. Evite alimentos processados e industrializados ricos em aditivos, como corantes e conservantes. Invista em uma alimentação rica em alimentos integrais, frutas e vegetais antioxidantes. Prefira proteínas magras e boas fontes de ômega 3 e 6 como salmão, sardinha, castanhas e semente de linhaça. Outra recomendação é ficar atenta ao bom funcionamento do intestino – se houver problema na eliminação de toxinas, sua pele vai denunciar!

Fonte: Google
7- Para pele seca a indicação é água. Experimente aplicar uma névoa de água antes do protetor solar ou creme hidratante.

8- Açúcar estimula o envelhecimento precoce. O processo de glicação afeta o colágeno e a elastina, modificando a estrutura e o desempenho dessas moléculas de proteínas, favorecendo o surgimento de rugas, perda da elasticidade e brilho da pele.

Outro agravante do consumo do açúcar é o aumento de leveduras e cândida, que, além de outros aborrecimentos, facilita o aparecimento de erupção cutânea e acne. Bebidas alcoólicas, incluindo o vinho, entram na categoria açúcar… Ahhh nãããooo!

Fonte: Google
9- Dormir um sono de qualidade, de 6 a 8 horas por noite (o ideal varia de pessoa para pessoa), é um dos segredos de uma pele luminosa.

10- E, por fim, reduzir o stress ao mínimo. Neste quesito, ela acredita que a prática da meditação pode trazer muitos benefícios, inclusive para a aparência.

Massagem modeladora: benefícios e vantagens

Massagem modeladora: benefícios e vantagens

Ter um corpo perfeito é o sonho da maioria das pessoas e isso tem contribuído para a busca por novas tecnologias que concretizem esse desejo ou torne-o mais próximo da realidade. Exemplo disso são as cirurgias plásticas, cosméticos, procedimentos de peeling, drenagem linfática e odontológicos, que, ao longo dos tempos, se desenvolvem, modificam suas técnicas ou são combinados com outros para otimização dos seus resultados. A massagem modeladora tem auxiliado muitas pessoas a tornarem sua autoestima cada vez mais positiva, e é sobre ela que iremos falar.

Assuntos [Mostrar]

Você sabe o que é a massagem modeladora e como ele deve ser feita?
Ela é um tipo de massagem que utiliza movimentos profundos e firmes no corpo, que possui como objetivo o alcance de camadas que estão em regiões mais profundas do tecido epitelial.

Outros nomes pelos quais ela é conhecida são: massagem power, massagem turbinada, lipoescultura com as mãos e massagem redutora.

Algumas de suas metas é a redução de gordura localizada e auxílio na definição das curvas corporais.

Os movimentos feitos durante a massagem também auxiliam o organismo a eliminar toxinas.

Durante o seu procedimento pode haver um pouco de dor, mas nada que não possa ser suportado. Hematomas após a massagem é um sinal de que o procedimento foi realizado da maneira errada.

Ela é um procedimento estético não invasivo que possui muita aceitação de pessoas que se preocupam com sua estética corporal.

Saiba para que ela serve
A massagem modeladora é indicada no tratamento de celulites e gordura localizada.

Pessoas que desejam dar mais definição às suas curvas também podem utilizar a massagem modeladora.

Alguns dos seus benefícios são:

Ajuda a melhorar a circulação sanguínea;
Auxilia na eliminação de células mortas;
Proporciona uma melhor oxigenação das células e tecidos, decorrente disso também auxilia nos processos de eliminação de gordura do organismo;
Proporciona uma melhor definição e modelagem corporal;
Ajuda o corpo a eliminar líquidos, e eliminar inchaços por eles causados;
Auxilia o intestino a funcionar da maneira correta;
Melhora os tônus muscular.
Ela também é um excelente recurso para quem deseja uma maneira econômica para cuidar do corpo, visto que o preço praticado em muitos estabelecimentos estéticos é menor, se comparado a outros tipos de procedimentos.

Outro aspecto positivo para seu uso é ela não se tratar de uma prática invasiva, sendo um procedimento rápido.

A prática de atividades físicas e uma alimentação adequada ajudam nos seus resultados.

Emagreça com a massagem modeladora
Embora ainda não se tenha atingido a um consenso sobre o fato de que o movimento com as mãos feitos durante a massagem modeladora, ela ajuda a estimular o metabolismo na região onde é feita, através da estimulação da circulação sanguínea.

Dessa maneira, aliada a hábitos de vida saudáveis contribui para o alcance do peso ideal e melhor saúde.

Tratamento de massagem modeladora com cosméticos
Com o decorrer dos tempos, através de estudos e pesquisas, descobriu-se novas formas de se realizar a massagem modeladora, e incluiu-se nas sessões o uso de ferramentas que melhorem seus processos, com é o caso dos cosméticos.

A indústria cosmecêutica é o ramo que se preocupa como desenvolvimento de produtos de efeito cosmético, que favoreçam aspectos estéticos dos indivíduos.

Leia também: Kifina reclame aqui

Alguns dos compostos utilizados para turbinar os efeitos da massagem modeladora são os seguintes:

Cafeína: contribui para aumentar o gasto de energia das células, tendo ação lipolítica e liporredutora;
Pimenta negra: auxilia a acelerar o metabolismo corporal, no processo de queima de gorduras e na redução do tecido adiposo da região do abdômen. Ativa a circulação sanguínea e é uma aliada da hiperemia local.
Fosfatidilcolina: atua estimulando a eliminação de gorduras presente no interior das células. Facilita o trabalho enzimático que trabalham degradando lipídeos existentes na membrana celular. Ela possui o nome comercial do comercialmente popular lipostabil.
O uso de cosméticos, na maioria das vezes, auxilia no aumento dos seus efeitos.

Leia também: o que é massagem redutora

Massagem modeladora associada a outras técnicas
O terapeuta ou esteticista que deseja potencializar os resultados da massagem modeladora pode associá-la a outras técnicas.

Exemplo disso é a associação dela com a termoterapia, que pode ajudar a reduzir os lipídios acumulados no organismo.

Quem deseja um efeito de lifting pode utilizar ataduras com gesso após o término do procedimento e alguns aparelhos podem ser utilizados para aumentarem seus efeitos, alguns deles são:

Vibrocell: Ajuda a melhorar a circulação sanguínea. É um aparelho vibratório com pontas calosas. Sua atuação também se dá nas células da pele e dos músculos;
Spectra: Atua aquecendo a superfície do tecido epitelial com temperaturas de até 40°. Contribui para uma pele mais firma, pois estimula a produção de colágeno, e também é um aliado do sistema circulatório;
Manthus: Ao emitir ondas atua estimula a vibração das células, na contração muscular e ajuda o corpo a eliminar toxinas pelos gânglios linfáticos.

Leia também: Phytophen reclame aqui

A ultracavitação é outra técnica muito usada para quem deseja melhores resultados com a massagem modeladora. Ela atua sobre técnicas de gordura e consegue atingir profundidades maiores do que a alcançadas por aparelhos de ultrassom.

A quebra de gordura acontece devido a formação de microbolhas nos líquidos corporais, que são influenciadas pelas vibrações que ocorrem devido a ondas mecânicas.

A criolipólise também pode ser usada junto com esse tipo de massagem. Ele é feito resfriando-se intensamente o local onde se deseja realizar a quebra de gordura. Isso proporciona que gordura corporal seja eliminada sem danificar tecidos vizinhos. Após ser congelada, a célula de gordura não retorna para a sua forma inicial e o organismo procede à sua eliminação. É uma das técnicas mais eficazes no combate a gordura localizada, além de ser um procedimento não invasivo.

Leia também: Farinha seca barriga reclame aqui

A massagem modeladora é uma excelente maneira de cuidar da saúde e da estética.

Se você tem interesse em realizar esse procedimento estético pesquise sobre quais os melhores profissionais, para que seu investimento tenha o retorno esperado. Geralmente ela é realizada por esteticista ou terapeutas dermato-funcionais.

Mas tenha cuidado, nem todas as pessoas podem realizar a massagem modeladora, ela deve ser evitada por grávidas, pessoas com infecções, osteoporose, trombose, com alguns tipos de fratura óssea e gânglios inchados. Converse com o seu médico sobre o uso dessa massagem para melhorar a sua qualidade de vida.

18 Remédios para emagrecer que são naturais e não prejudicam a saúde

18 Remédios para emagrecer que são naturais e não prejudicam a saúde

Nesse artigo você irá conhecer 18 remédios naturais que ajudam emagrecer se tomados de forma correta e aliados a uma dieta equilibrada.

Leia também: Farinha seca barriga funciona
Perder peso e aquelas gorduras localizadas é o que muita gente quer e passa um longo tempo correndo atrás.

Ter uma dieta balanceada, ou seja, que você coma a quantidade necessária de comidas saudáveis, e fazer exercícios físicos de maneira regular são essenciais para ver os números da balança reduzindo.

Além do mais, você melhora a sua saúde de maneira global já que uma boa alimentação e exercícios diários interferem positivamente em todos os sistemas do corpo.

Leia também: Phytophen funciona

Índice – Principais informações sobre remédios para emagrecer nesse artigo:

Conteúdo deste artigo [Mostrar]

Remédios naturais para emagrecer ou termogênicos?
Na corrida contra a balança é muito comum ver pessoas recorrendo aos famosos suplementos termogênicos.

Eles são amplamente conhecidos por aumentar a temperatura do organismo, acelerar o metabolismo e ter efeitos rápidos na perda de gordura e emagrecimento.

O problema com esses termogênicos feitos em laboratório, é que costumam causar muitos efeitos colaterais adversos como:

taquicardia,
irritação,
tontura, tremores,
suor excessivo,
insonia,
mal estar;
náuseas, entre outros.
Por esses motivos, muitas pessoas estão dando preferência ao remédio para emagrecer que seja natural, sem comprometer a saúde e ainda alcançar a tão desejada perda de peso.

Eles oferecem menos riscos para a saúde, são fáceis de serem encontrados e o melhor de tudo, são muito mais baratos.

Leia também: Kifina funciona

Veja agora quais são os mais procurados no mercado e como eles agem no nosso corpo.

Você conhece os melhores suplementos para definição muscular? Não? Então veja: Os 17 melhores suplementos para definição muscular

18 remédios naturais para emagrecer rápido
1 – Café verde
Certamente o café verde é o remédio natural mais eficaz para o emagrecer. E com pouca ou nenhuma reação adversa ou efeitos colaterais quando se consumido com responsabilidade.

Extraído do grão de café verde, hoje em dia esse produto é vendido em cápsulas que facilitam ainda mais a sua ingestão.

Muito à frente dos próximos emagrecedores dessa lista quanto a eficiência e resultados, já que existem vários estudos científicos que comprovaram que além de queimar gordura e diminuir o peso, o café verde ajuda a combater a celulite e proporcionar o efeito barriga chapada.

Seu preço em relação a custo x benefício acaba compensando no final.

Veja informações mais detalhadas e onde você pode comprar o produto pelo melhor preço, clique aqui.

2 – Pholia Magra

Essa erva ajuda a reduzir a fome e ainda auxilia na queima de calorias. Ela é indicada especialmente para aquelas pessoas que não gostam de praticar exercícios físicos.

Apesar de não ser mais famosa na Europa e nos Estados Unidos, a Pholia Magra é uma planta nativa.

Os seus efeitos para a perda de gordura são tão eficazes que ganhou o apelido de “erva antibarriga”.

Um dos principais compostos da planta é a cafeína, que pode ser um dos seus segredos para acelerar o metabolismo e conseguir excelentes resultados.

Ela pode ser encontrada em cápsula e é vendida em grandes lojas e farmácias de manipulação.

Para ter mais informações e onde comprar a Pholia Magra com preço promocional clique aqui.

3 – Pholia Negra

Esta planta consegue ser um potente emagrecedor inibindo a fome do indivíduo.

Ele faz com que a digestão se torne mais lenta e assim o estômago ficará cheio por mais tempo.

É ideal para aquelas pessoas que possuem o péssimo hábito de comer em grande quantidade, repetindo a refeição.

A recomendação é tomar dois comprimidos de 100 mg duas vezes ao dia, pelo menos 15 minutos antes das refeições principais.

Para ter mais informações e onde comprar a Pholia Negra com preço promocional clique aqui.

4 – Spirulina

A Spirulina tem se destacado nós últimos anos e é considerada também um remédio para emagrecer 100% natural.

Além de auxiliar na perde de peso, ela ajuda a reduzir o colesterol, tem ação anti-inflamatório, combate a anemia porque é rica em ferro e também em proteínas, ideal para quem deseja ganhar massa muscular.

Nesse artigo você pode tirar maiores dúvidas de onde comprar, todos os benefícios e como tomar a spirulina corretamente.

Para ter mais informações e onde comprar a Spirulina com preço promocional clique aqui.

5 – Pommeprote
Funciona aumentando a saciedade e consegue reduzir a ingestão de alimento em até 44%. Esse remédio natural é indicado para pessoas que sofrem com a compulsão por comida. Um bom exemplo são os ataques à geladeira de madrugada.

Você encontrará o pommeprote em forma de gomas como jujubas em vários sabores.

O ideal é mastigar uma 30 minutos antes das refeições ou no momento em que você sentir muita fome.

6 – Casiolamin

Também chamada de Cassiolamina, essa substância vem de uma leguminosa de região tropical, mais encontrada na África e na Ásia.

Ela age diretamente no metabolismo das gorduras, reduzindo a ação da lipase e impedindo que a gordura dos alimentos seja quebrada e armazenada no tecido adiposo.

Ela consegue inibir que até 30% da gordura não seja absorvida pelo organismo.

7 – Piruvato de cálcio
Indicado para quem pratica exercícios físicos, especialmente a musculação, o piruvato de cálcio consegue coletar grande quantidade de açúcar que está circulando na corrente sanguínea e encaminhá-la para os músculos.

Esse mecanismo acontece um pouco antes da prática dos exercícios e isso aumenta a resistência, melhorando o seu desempenho.

Ele também aumenta o metabolismo fazendo com que o corpo gaste mais energia do que o normal.

8 – Chá verde

Já bastante conhecido, o chá verde tem como substância base a cafeína, que acelera o metabolismo e o gasto calórico.

Além de auxiliar na perda de peso, ela é rica em antioxidantes e dessa forma consegue eliminar os radicais livres do corpo.

Você deve consumir no máximo 600 ml de chá verde ou 5 xícaras por dia.

Você deve fazer uma infusão com duas colheres de sopa das folhas em 600 ml de água. Armazene uma garrafa térmica e beba durante o dia.

9 – Advantra Z

É termogênico extraído de uma fruta conhecida como Laranja Amarga.

A advantra Z consegue fazer tudo o que um termogênico fabricado em laboratório faz sem os efeitos colaterais indesejados como a alteração dos batimentos cardíacos ou elevação da pressão arterial.

É ótima para os praticantes de musculação porque reduz a ação do catabolismo nos músculos. Por isso, também é indicada para quem quer definição muscular.

Veja também:
15 Remédios para emagrecer e cuidados importantes
10 – Faseolamina

A faseolamina é uma glicoproteína encontrada no feijão branco e que tem como principal mecanismo de ação a inibição da enzima alfa-amilase.

Esta, tem como função principal a transformação do amido em glicose (carboidratos), que posteriormente, será transformado em gordura e armazenado no tecido adiposo.

Você pode consumir a substância diretamente pelo feijão cozinho, em farinha ou em cápsula, pelo menos meia hora antes das refeições principais.

Uma colher de chá da farinha misturada com um pouco de água já é o bastante para ver os seus efeitos.

11 – Caralluma

Quer perder 3 kg por semana? A caralluma possui o seu princípio ativo extraído do cacto, tem a promessa de oferecer sensação de saciedade rapidamente, inibindo a fome.

Também promove maior disposição e inibe a absorção dos carboidratos contidos nos alimentos.

Os exercícios em conjunto com uma dieta balanceada com a caralluma consegue eliminar até 3 kg em uma semana.

Uma cápsula de 300 mg uma hora antes das refeições principais já é o suficiente.

12 – Koubo

Feito a partir de extrato de cacto, ele consegue oferecer um efeito emagrecedor significativo.

Ele aumenta a sensação de saciedade, possui efeito diurético e antioxidante.

Como se pode ver é um excelente remédio natural para limpar o corpo de toxinas.

O grande diferencial do koubo é que ele se encaixa perfeitamente para aquelas pessoas que não aguentam passar um dia sem comer um doce.

Ele tem ação antioxidante e aumenta a liberação de glucagon, um hormônio responsável por usar as nossas reservas energéticas, principalmente no tecido adiposo.

13 – Diuréticos

Possuem como principal função eliminar líquido do organismo e com ele, as toxinas que ingerimos nos alimentos.

Muitas pessoas retém líquido por causa do consumo excessivo de sódio encontrado em alimentos como os embutidos (presunto, mortadela) e enlatados (azeitonas, palmito, atum, sardinha).

Os diuréticos de alça são os mais indicados, pois inibem o organismo de reabsorver o sódio que está prestes a ser eliminado.

Não se esqueça de beber muita água e outros líquidos para não sofrer com a desidratação. Um bom exemplo natural de diuréticos é o suco de abacaxi.

Veja também:
Chá Diurético – Lista com os 8 melhores (Para Emagrecer e Desinchar)

14 – Suco e farinha de berinjela

A berinjela consegue oferecer inúmeros benefícios para o organismo além da perda de peso. Ela ajuda a queimar calorias e ainda reduz o apetite.

Você pode encontrar em lojas de produtos naturais a farinha em saquinhos ou então em cápsula.

Os valores são em conta e variam entre 15 e 30 reais dependendo do tipo que você prefere.

Uma colher de sopa de farinha deve ser usada duas vezes por dia, nas principais refeições acompanhando um alimento.

Veja também:
Receitas de suco e farinha de berinjela para emagrecer
15 – Affinato
É um remédio natural extraído da quitosana, uma substância produzida a partir do exoesqueleto de crustáceos.

Essa substância impede a absorção da gordura dos alimentos e assim, auxilia na perda de peso.

Mas atenção! Pessoas que são alérgicas a frutos do mar não devem consumir o affinato, ainda que ele seja um produto natural.

A recomendação é tomar 1 cápsula 2 horas antes do almoço com água.

16 – Água gelada

É isso mesmo que você leu. A água pode te ajudar a perder alguns quilos evitando que você coma mais.

Além de ser vital para o bom funcionamento dos sistemas do corpo. Tomar um copo de água antes das principais refeições e antes dos lanches é uma forma de comer menos.

Como o estômago já está parcialmente cheio de água, a sensação de saciedade não demorará a chegar e a tendência é comer menor do que o habitual.

Ao ingerirmos água gelada, o corpo entre num processo chamado de termogênese para poder aumentar a temperatura, esse processo demanda energia, o que ajuda a queimar calorias, com isso, podemos afirmar que tomar água gelada contribui para o emagrecimento!

Veja também:
12 Melhores Suplementos para Emagrecer (Atualizado 2019)
17 Vinagre de maçã

Apesar de não ter pesquisas e estudos que confirmem os benefícios do vinagre de maçã, os seus benefícios são passados de uma pessoa para outra e rapidamente o seu consumo tomou grandes proporções.

Ele ajuda no controle dos níveis de açúcar no sangue e ajuda a inibir o apetite.

Leia também: Remédio caseiro para emagrecer bula

Existem duas formas comuns de consumo: acrescentar duas colheres de sopa na salada ou diluir em um copo de água.

18 – Smoothie verde

Na verdade, esse remédio natural é um mix batido no liquidificador com verduras e hortaliças.

Com 500 ml de água, você irá colocar para bater:

couve;
espinafre;
salsa;
maçã verde;
banana;
lasca de gengibre;
hortelã
morango.
Rende até 3 copos e pode ser tomado ao longo do dia.

Eles ajudam na verdade de peso, pois a quantidade significativa de fibras encontradas ajuda a trazer maior saciedade.

Além do mais, esses alimentos possui vitaminas importantes para o bom funcionamento do organismo.

Remédio para emagrecer rápido, quais os resultados?
Tomou algum desses remédios para emagrecer ou outro que não está nessa lista e quer contar sua experiência?

Atividade física

Atividade física

A atividade física e, inversamente, comportamentos sedentários, afetam o desenvolvimento físico e cognitivo das crianças. Este tema tem o objetivo de ampliar a compreensão sobre o impacto das próprias práticas sobre as habilidades motoras das crianças, bem-estar psicológico, competência social e maturidade emocional , e recomendar práticas para as crianças.

Introdução
Síntese
Segundo especialistas
Tema completo
Compartilhar:0
Voltar às publicações recentes
Intervenções para promover a atividade física na primeira infância
Stewart G. Trost, PhD

Oregon State University, EUA

Janeiro 2011 Janeiro 2011 (Inglês). Tradução: janeiro 2016
Versão em PDF
Introdução

É essencial praticar bastante atividade física ao longo da primeira infância para crescer e se desenvolver normalmente.1 A atividade física constitui também um importante fator de prevenção do sobrepeso e da obesidade em crianças pequenas.2,3 Reconhecendo a importância das atividades físicas regulares, a National Association for Sport and Physical Education (NASPE) dos Estados Unidos publicou recomendações para que todas as crianças, do nascimento aos cinco anos de idade, pratiquem diariamente atividades físicas para promover a boa forma ligada à saúde e o desenvolvimento das habilidades motoras.4 Recomendações semelhantes foram formuladas por clínicos, pesquisadores e representantes do setor da educação para as crianças pequenas no Canadá, na Austrália e no Reino Unido. Entretanto, apesar da importância de praticar regularmente atividades físicas, estudos objetivos de monitoramento realizados na América do Norte, na Austrália e no Reino Unido sugerem que as crianças pequenas praticam relativamente poucas atividades físicas diárias de intensidade moderada a forte.5

 

Leia também: Exercícios para queimar calorias rápido

Assunto

O problema muito difundido da inatividade física, conjugado a um aumento contínuo da prevalência da obesidade em crianças menores de cinco anos, ressalta a urgência de elaborar políticas e programas eficazes porém facilmente realizáveis para promover a atividade física das crianças pequenas. Essa breve revisão pretende resumir o que se sabe atualmente a respeito das intervenções para promover a atividade física nas instalações destinadas à primeira infância.

Problema

Pouquíssimas intervenções visando promover a atividade física das crianças menores de cinco anos foram avaliadas de maneira rigorosa e sistemática. Em consequência, temos muito poucas evidências científicas para relatar aos formuladores de políticas, planejadores e prestadores de serviços sobre aquilo que funciona e aquilo que não funciona quando se trata de estimular as crianças a serem mais ativas.

Leia também: Phytophen funciona

Contexto da pesquisa

Uma vez que uma ampla proporção das crianças menores de cinco anos frequenta regularmente uma creche ou um serviço de guarda, os estudos sobre as intervenções relativas ao assunto foram principalmente realizados em instalações e centros para a primeira infância.6 Convém notar que as intervenções ligadas à atividade física realizadas em outros tipos de estabelecimentos de guarda de crianças, como as creches domiciliares, começaram a ser tratadas na literatura científica.7

Perguntas-chave para a pesquisa

Os estudos publicados nessa área avaliaram principalmente se os programas educativos focados na atividade física estruturada, no treinamento de habilidades motoras ou na diminuição do número de horas passadas em frente da televisão são de fato eficazes para aumentar a atividade física. Outros estudos analisaram o impacto de mudanças ambientais ou de políticas específicas sobre o nível de atividade física em creches.

Leia também: Kifina funciona

Resultados recentes de pesquisa

Até agora, oito estudos utilizaram propostas de estudos experimentais para avaliar as intervenções destinadas a promover a atividade física das crianças pequenas. Cinco deles testaram a eficácia de programas educativos especializados em atividade física ou de programas de treinamento de movimentos,8-12 enquanto que os outros três avaliaram as consequências de mudanças ambientais ou de políticas sobre o nível de atividade física.13-15

Nos cinco estudos sobre programas educativos, as sessões de atividade podiam comportar exercícios de treinamento muito focados e normativos (pular, saltar, pular corda e treinamento em circuito) ou brincadeiras e representações imaginativas adaptadas ao nível de desenvolvimento e exigindo certa atividade física. Dois dos estudos incluíram estratégias para melhorar as habilidades motoras fundamentais.9,12 O pessoal responsável pela pesquisa e/ou os professores com formação apropriada implementaram as sessões ou as aulas de atividades planejadas. As crianças participavam de três a seis vezes por semana nas sessões de atividades. Os programas tinham uma duração total entre 14 semanas e 12 meses.

De uma maneira geral, os programas educativos não tiveram muito êxito na promoção da atividade física para as crianças pequenas. Entre os cinco estudos sobre os programas educativos, apenas dois relataram melhorias significativas em termos de atividade física.8,9 Contudo, esses dois estudos podem ser considerados como estudos de treinamento de exercícios controlados que implementaram sessões de atividade física muito estruturadas e repetitivas. Não é, portanto, de se estranhar que tenham levado a um aumento da atividade física. Nos três estudos inconclusivos, o pessoal das creches recebeu uma formação para implementar brincadeiras e atividades adaptadas ao nível de desenvolvimento, e que permitiam fazer atividades físicas de intensidade moderada a forte e desenvolver as habilidades motoras.10-12 A falha desses estudos em estimular as crianças pequenas a praticar mais atividades físicas pode ser ligada ao fato que seus programas estavam focados na prevenção da obesidade e não na atividade física em si. É também possível que as intervenções não tenham sido longas ou intensas o bastante para provocar mudanças de comportamento significativas. Contudo, dois dos três estudos relataram uma redução significativa da massa gorda das crianças. Levando-se em consideração o efeito positivo sobre a obesidade, é possível que os protocolos de medição utilizados para quantificar o comportamento de atividade física não tenham sido suficientemente sensíveis para detectar alterações na atividade física.

Ainda que existam poucos estudos que avaliaram as intervenções ambientais ou políticas para promover a atividade física, eles relataram resultados positivos. A adjunção de equipamentos de playground portáteis nas creches e a formação dos professores visando integrar a atividade física a suas aulas habituais resultaram em uma elevação significativa da atividade física diária medida de maneira objetiva.13,14 Convém observar que dar diariamente 60 minutos adicionais de recreio ao ar livre ou de brincadeiras livres não estimulou as crianças pequenas a praticar mais atividades físicas de intensidade moderada a forte.15

Lacunas da pesquisa

Para melhorar nossa compreensão nessa área, eis algumas perguntas-chave que devem ser abordadas: 1) quais são as características dos ambientes-chave que estimulam a atividade física de crianças pequenas? 2) será que os programas visando promover o desenvolvimento motor ou a atividade física dos bebês e das crianças menores são garantidos e, se for o caso, quais seriam os parâmetros e as estratégias eficazes? 3) será que as mudanças feitas no ambiente da creche, como a incorporação de um playground natural e a melhoria das competências de liderança dos prestadores de serviços em matéria de atividades físicas são eficazes para estimular as crianças pequenas a praticar mais atividades físicas? 4) será que os programas de atividades físicas estruturadas conduzidos por especialistas em educação física ou fornecedores de atividades físicas em ambiente comunitário são realistas, viáveis, duradouros e eficazes para promover a atividade física nos diversos ambientes de vida das crianças? 5) como as pessoas que cuidam das crianças podem incentivar e motivar os pais e outros cuidadores a promover e apoiar as atividades físicas em casa?

Conclusões

São poucas as intervenções visando promover a atividade física em crianças menores de cinco anos que foram avaliadas com o devido rigor. Embora limitadas, as evidências disponíveis sugerem que modificações simples, feitas no ambiente externo de brincadeiras e jogos, como a adição de um equipamento de playground portátil pronto para uso, podem estimular comportamentos de atividade física. Além disso, treinar os professores para que integrem o movimento no programa habitual de suas aulas parece ser eficaz para elevar o nível de atividade física das crianças em idade pré-escolar. No entanto, devido ao fato que esses resultados resultam de estudos de viabilidade em pequena escala, essas conclusões precisam ser confirmadas no âmbito de estudos aleatórios controlados de maior alcance.

Até agora, os programas educativos que oferecem oportunidades de brincadeiras adaptadas ao nível de desenvolvimento, com atividades de intensidade moderada a forte, e de desenvolvimento das habilidades motoras fundamentais não conseguiram promover a atividade física. Pode ser que esses métodos sejam simplesmente ineficazes e, neste caso, outras estratégias precisem ser consideradas. Todavia, deve-se observar que esses estudos: 1) eram focados na prevenção da obesidade e não na atividade física em si, 2) ofereciam sessões de atividades relativamente curtas (cerca de 30 minutos) e de baixa frequência (três dias por semana), 3) foram realizados em um curto período de tempo (de 12 a 24 semanas) e 4) utilizaram protocolos de medição da atividade física com sensibilidade limitada para detectar mudanças nos comportamentos relativos às atividades físicas.

Os programas de atividades físicas conduzidos por adultos e com sessões diárias de treinamentos de exercícios, muito estruturadas, resultaram em níveis mais altos de atividade física. Contudo, convém notar que esses estudos eram, antes de qualquer coisa, sobre treinamento físico, onde o aumento da atividade física era o fator sendo modificado (a variável independente) e não o resultado da mudança (a variável dependente). Em consequência, pode-se questionar se essas conclusões podem ser generalizadas em um contexto de saúde pública para promover a atividade física das crianças pequenas.

Implicações para os pais, os serviços e as políticas

Para os formuladores de políticas e os fornecedores de serviços, a literatura científica existente fornece poucas informações sobre quais seriam as abordagens eficazes para promover a atividade física das crianças pequenas. A pesquisa sugere que a capacitação dos funcionários dos serviços de guarda para que ofereçam mais oportunidades de praticar atividades físicas em sala de aula e no recreio pode ser uma estratégia eficaz. Do ponto de vista da saúde pública, a formação do pessoal dos serviços de guarda é especialmente atraente, uma vez que essas formações poderiam ser obrigatórias para a obtenção da licença e seriam oferecidas por meio das redes existentes de educação e formação desse pessoal.

De acordo com os resultados disponíveis, os formuladores de políticas e os fornecedores de serviços deveriam ser cautelosos ao adotar programas educativos autônomos focados em atividades físicas estruturadas e treinamento de habilidades motoras, uma vez que há poucas provas da sua eficácia. Contudo, é importante observar que os programas estruturados não são suscetíveis de prejudicar as crianças pequenas. Na prática, esses programas podem trazer benefícios para as crianças pequenas quando implementados de maneira responsável e adaptados a seu nível de desenvolvimento.

Embora as evidências relativas às intervenções ligadas à atividade física nas creches não sejam definitivas, não resta dúvida que os pais têm um papel muito importante no desenvolvimento e no apoio dos comportamentos de seus filhos no tocante à atividade física.16,17 Na falta de programas baseados em evidência para promover a atividade física nas creches, os pais devem chamar para si a responsabilidade de estimular e favorecer a atividade física de seus filhos. Portanto, a elaboração de programas visando educar e apoiar os pais nessa área deve ser uma prioridade.

Farinhas que são aliadas do emagrecimento saudável

Farinhas que são aliadas do emagrecimento saudável

Com tantas dietas malucas surgindo aos montes a todo momento, é simplesmente maravilhoso quando a gente fica sabendo de jeitos SAUDÁVEIS para perder aqueles quilinhos extras que nos tiram a paz. Certas farinhas tem esse poder e estão se tornando cada vez mais populares. Confiram os tipos de farinhas e como funcionam no organismo.

Algumas farinhas oferecem muitos benefícios para nosso organismo, como: Aumento do suporte de vitaminas e sais minerais, efeito antioxidante promovendo uma verdadeira faxina no corpo, redução da absorção de açucares e gorduras, regulação do apetite através do atraso do esvaimento gástrico, o que faz com que a fome demore de aparecer, regulação intestinal (intestino funcionando igual um reloginho) e conseqüentemente regulação do metabolismo. Algumas farinhas são capazes até de controlar os sintomas da menopausa que incomodam muito as mulheres que estão passando por essa fase.

As opções de farinhas que auxiliam no emagrecimento são grandes, e a boa notícia é que a maioria são muito fáceis de serem encontradas.

Farinha de amora

Comecei a me interessar por essas farinhas saudáveis depois que li uma matéria explicando o poder da farinha de amora preta para aliviar os sintomas da menopausa. Aí para ajudar minha mãezinha que está passando por essa fase e sofrendo com o climatério comprei para ela a farinha de amora preta. Minha mãe amou e sentiu que as ondas de calor diminuiram muito, o que contribuiu para uma melhora na sua qualidade de vida. Bom, só por isso já estava valendo, mas a surpresa foi que minha mãe passou a perder peso, em 3 meses ela emagreceu 5 kg e, claro, aprovou muito. A farinha de amora contém alto teor de fibras, em especial a pectina, que prolonga a sensação de saciedade, melhora o funcionamento intestinal, evita a retenção de líquidos além de reduzir a absorção de açúcar e gordura, nada mal né gente?

Farinha de banana verde

Esse farinha reduz a glicose no sangue e assim evita os picos de açúcar no sangue. Gente, basicamente quanto mais açúcar no sangue mais o organismo produz insulina e o problema maior é esse, a insulina é um hormônio que, em excesso, faz com que o organismo estoque mais gordura. A farinha de banana verde também melhora o funcionamento do intestino o que também propicia a perda de de peso.

Farinha de maracujá

A farinha de maracujá também é rica em pectina, essa fibra é do tipo solúvel, o que significa que em contato com a água, ela se transformam em um gel. Esta mistura no estômago inibe a absorção de glicose e lipídios. E mais, elas envolvem as partículas de gordura e açúcar e mandam para fora do organismo junto com as fezes.

Farinha de feijão branco

Rico em Faseolamina A, proteína que inibe a digestão de carboidratos o que acaba diminuindo a absorção de carboidratos. o consumo da farinha de feijão branco reduz em ate 20 % a ingestão de carboidratos, então seria como se você ingerisse uma porção menor de um doce, por exemplo. Seria indicada até para quem precisa fazer o controle de glicose no sangue.

Farinha de Linhaça

Leia também: Phytophen é bom

A farinha de linhaça é rica em omega 3 e ai é só benefícios, gente: Ajuda a regular a pressão arterial, é bom para visão, auxilia no tratamento da depressão, auxilia no alivio da artrite reumatóide, é boa para o cérebro, auxilia na prevenção de diabetes tipo 2 e por aí vai. O ômega 3 consegue modular a expressão de neurotransmissores que são responsáveis por controlar a fome e reduzir a presença de proteínas responsáveis por aumentar o apetite. Para maiores informações sobre o Omega 3 clique aqui.

Farinha de berinjela

Leia também: comprar Farinha seca barriga

Você sabia que a farinha de berinjela tem 10 vezes mais fibras do que a berinjela in natura? Sim, por seu rico teor em fibras essa farinha ajuda a regular o intestino, além de dar maior sensação de saciedade, o que evita que a pessoa fique beliscando o tempo todo. A farinha de berinjela também é rica em vitaminas A, C e as do complexo B o que fortalece nossa imunidade e melhora a visão. A berinjela por si só é um legume riquíssimo em água e com pouca gordura, ótimo para incluir na dieta. 100 gramas de berinjela possuem 25 calorias.

Então lindezas, essas foram as dicas de farinhas a se incluir em uma dieta rica em propriedades benéficas, espero que vocês tenham gostado.

Até o próximo post!

 

CREMES PARA FIRMAR A PELE: FUNCIONAM MESMO?

CREMES PARA FIRMAR A PELE: FUNCIONAM MESMO?

Leia também: Cremes firmadores

Manter a pele firme e saudável é preocupação das mulheres de todas as idades. Quem não se olha no espelho e se incomoda com aquelas gordurinhas a mais que destoam dos modelos de beleza atuais? Pois saiba que a flacidez pode ser combatida com ações simples.

Hoje no mercado existem inúmeras marcas nacionais que disponibilizam cremes com ação firmadora. A dúvida é: eles funcionam mesmo? O Vila Batom foi conferir com uma especialista para lhe ajudar a escolher a melhor opção para sua pele.

“Cada creme tem uma ação diferente, dependendo da substância base utilizada”, explica Joyce Rodrigues, farmacêutica bioquímica. Segundo ela, o dimetilaminoetanol, mais conhecido como DMAE, e o densiskin, são firmadores comprovados cientificamente. O DMAE está presente em peixes como salmão, por exemplo. “Quem usa cremes com DMAE pode perceber a melhora na primeira semana”, comenta Joyce, que também é cosmetóloga.

Já o densiskin tem ação completa e intensiva. “Ele faz a retexturização do relevo cutâneo e é rico em polissacarídeos”, completa.

Outras substâncias também bastante usadas pela indústria de beleza são o tensine e o raffermine. De acordo com a farmacêutica, esses dois compostos são naturais e também reorganizam o colágeno da pele. O raffermine é obtido a partir da soja, garante mais tonacidade e pode ser usado tanto no rosto quanto no corpo.

O “Skin So Soft”, da Avon, é um dos cremes que possui ação firmadora. Ele é composto por extratos de lúpulo e tília, que ajudam a purificar a pele; lipossomas com óleo de soja, extrato de maçã e uva, vitamina-E e aminoácidos, que hidratam e mantém a umidade natural; e pró-vitamina B5, que melhora a aparência geral da derme. Testes dermatológicos realizados comprovam a firmeza, elasticidade e estrias menos aparentes com o uso contínuo do creme. Você pode encontrá-lo no mercado por R$ 16.

Leia também: Skin renov funciona

Outro creme com efeito tensor é o Natura Chronos Bio-Firmador, composto por uma combinação de bio-ativos: o politensor vegetal é formado por proteínas de soja e arroz que agem na superfície da pele; o elastinol+R estimula a produção de colágeno, regula a produção de elastina e redensifica a pele e o complexo anti-oxidante que combate os radicais livres.O Natura Chronos custa R$ 64 e o refil sai por R$ 51,20.

A Loção Corporal Dove Firming também contém lipossomas de colágeno e atua como firmadora, bloqueando a perda de elasticidade. Sua fórmula combina a nutrição ativa e prolongada do soro nutritivo 24hs à ação do colágeno, proteína que garante a firmeza e sustentação da pele. O preço sugerido do creme é de R$ 11.

Todos eles hidratam e prometem melhorar a textura da pele. Agora, é escolher o seu e ficar ainda mais linda.

Linhas de expressão e rugas – 4 truques para disfarça-las na maquiagem

Linhas de expressão todas nós temos, até crianças e adolescentes tem! Elas aparecem quando realizamos alguma expressão facial, quando sorrimos por exemplo, aparecem alguns vincos entre o nariz e lábios (sulcos nasolabiais) e ao redor dos olhos . Elas são diferentes das rugas que não precisam de uma expressão para serem ressaltadas. Podemos então dizer que as linhas de expressão são as rugas em formação. O fato é que quando estamos maquiadas elas podem ser acentuadas,dependendo da forma como você se maquie e claro, ninguém quer parecer mais velha depois se maquiar, não é?.

Leia também: Skin renov bula

Só porque eu não não tenho vergonha de mostrar minhas rugas de 30 e “muitos” anos

Não há milagre, mas existem alguns truques que você pode fazer para não acentuar as linhas de expressão ou rugas. Posteriormente faço um post falando sobre alguns produtinhos com “efeito cinderela” que já podemos encontrar facilmente no mercado, mas hoje trarei dicas fáceis e rápidas, pra você conseguir executar na sua casa mesmo, sem precisar recorrer a algo mais caro. Então anota aí!

Leia também: comprar Creme para rugas

1 – Hidrate MUITO bem a região

A área dos olhos é muito mais fina e sensível do que a pele das bochechas, pescoço ou testa, por esse motivo é onde as temidas linhas “pés de galinha” começam a aparecer. Se você não tem o hábito de hidratar o rosto e quer um bom motivo para começar, saiba que pele bem hidrata e nutrida envelhece mais lentamente, então capriche na região dos olhos. Não é a toa que existem hidratantes específicos para área dos olhos, ela precisa de um poder hidratação diferente da pele do rosto. Antes de se maquiar hidrate bem a região dos olhos antes de aplicar o corretivo ou base. Mas a pele do rosto não vai ficar oleosa depois que eu me maquiar se eu passar hidratante? Não, não vai. Se você perdeu o post falando sobre como controlar a oleosidade da pele quando maquiada confere aqui. O hidratante vai funcionar como preenchedor dos vincos, evitando que toda a maquiagem rache e evidencie ainda mais as linhas. Então aplica o seu hidratante para área dos olhos uns 10 minutos antes de se maquiar, você vai ver que seu corretivo vai deslizar mais fácil e vai craquelar bem menos.

2 – Primer efeito BLUR

Já temos a sorte de ter produtos com efeito preenchedor de linhas de expressão! Claro que é um efeito sutil, mas que faz toda a diferença. Esses primers tem o famoso efeito blur muito usado em fotografia para embaçar ou disfarçar as imperfeições da pele. Use o combo: hidratante para os olhos + primer efeito blur e terá linhas de expressão mais disfarçadas. Várias marcas já possuem suas versões de Blur, procure uma que caiba no seu bolso, mas tenha o cuidado para não aplicar produto demais. O excesso de primer pode esfarelar na pele e você provavelmente vai por a culpa no produto. O cuidado é só dosar a quantidade que vai aplicar. Aplique de pouquinho em pouquinho que vai dar tudo certo.

3 – Ao redor dos olhos quanto menos corretivo pesado melhor

Se você já tem vincos profundos a regra é quanto menos maquiagem ao redor dos olhos melhor. Ok, eu entendo que não dá pra viver sem o corretivo das olheiras, mas procure aqueles que tenham uma boa cobertura e que você possa aplicar o mínimo possível para conseguir o resultado desejado. Procure corretivos e bases mais líquidas e aplique com batidinhas para que o produto penetre na pele e também aja como preenchedor do vincos. Evite corretivos muito secos ou pastosos, eles acentuarão o efeito “rachadura”. Se você tem corretivos mais pastosos, procura dilui-lo na água termal ou hidratante, assim ele ficará mais leve na hora da plicação, mas também diminuirá a cobertura. O ideal é a medida que o tempo for passando pra você opte por base e corretivos mais fluidos ok?

4 – Use pós faciais finos ou simplesmente não use nada

O pó tem efeito de selar o produto cremoso ou líquido. Sim, ele dá aquele efeito sem brilho maravilhoso na pele que a gente tanto ama, entretanto ele é o grande vilão das linhas de expressão! Quanto mais grosso forem as partículas do pó mais elas ficam ressaltadas, ou seja você parecerá mais velha. Como maquiadora escuto muito as clientes falarem: – “Uma vez fui a um maquiador que me deixou 10 anos mais velha!” É preciso escolher os produtos certos para cada tipo de idade. Opte por pós translúcidos ou soltos, eles tendem a ser bem mais finos e delicados que os compactos, mas não exagere na aplicação.Não adianta comprar um pó hd translúcido (tem post sobre ele aqui) e carregar a mão na hora de aplicar. Se você que rugas menos evidenciadas, evite aplicar o pó com esponjinhas, elas depositam mais produto que os pinceis. Se a sua base já for sequinha, elimine o pó ao redor dos olhos e aplique somente na zona T. Você vai ver eliminar de vez a frase: “Não vou sorrir pra não aparecerem as rugas”.

Lembre-se: Quanto mais o tempo passar. menos pó vou aplicar! Isso virou um mantra pra mim depois dos 30 e vai virar o seu também

Espero que tenham gostado do post e não esquece de deixar o seu comentário e/ou sugestão para outros temas. Me segue nas minhas redes sociais, todos os dias tem dicas super legais por lá também!

Como emagrecer: 14 dicas para perder peso com saúde

Além de associar uma alimentação equilibrada à prática de atividades físicas, comer de 3 em 3 horas é um ponto importante

Perder peso não é a tarefa mais difícil do mundo, mas, quem já passou por um processo de emagrecimento sabe: exige dedicação, paciência e perseverança. Porém, com certeza vale a pena!

Leia também: Comprimido para emagrecer funciona?

A pessoa que decide que quer emagrecer, seja por uma questão estética, seja por uma preocupação com a saúde, deve, em primeiro lugar, procurar a ajuda de um(a) nutricionista que possa orientá-la nesse processo. Deve, também, ter em mente que “dietas malucas” e/ou radicais, que prometem resultados quase que instantâneos, são prejudicais e dificilmente oferecerão uma perda de peso eficaz e definitiva.

Leia também: Kifina

Como a maioria das pessoas já sabe, emagrecer não tem segredo: é fruto de uma boa alimentação aliada à prática regular de atividades físicas.

Porém, algumas orientações são importantes e podem ajudar nesse processo! Confira as dicas a seguir:

1. Siga uma dieta saudável

FOTO: REPRODUÇÃO / GIPHY

A primeira orientação não poderia ser outra. Ninguém emagrecerá de forma saudável e definitiva se não seguir uma alimentação equilibrada.

Leia também: 10 alimentos para um detox poderoso

Carina Amorim de Sá, nutricionista da Academia Contours, explica que alimentos ricos em fibras solúveis e insolúveis – presentes em pães 100% integrais, arroz integral, quinua, linhaça, chia em grãos, aveia, vegetais como alface, couve, escarola etc. – não podem faltar no cardápio de quem está buscando emagrecer. “Pois, além de serem mais nutritivos, vão facilitar o funcionamento do intestino e aumentar a saciedade, levando à redução do consumo calórico”, diz.

Leia também: Phytophen

De maneira alguma podem faltar frutas, verduras e legumes variados na dieta, pois, ressalta a nutricionista, essas são as melhores fontes de vitaminas, minerais e antioxidantes, importantes para manter o metabolismo ativo, aumentar a produção de energia e facilitar a perda de peso.

“Boas fontes proteicas, como frango, ovos e peixes, são importantes para a manutenção da massa muscular e para propiciar maior saciedade, evitando o alto consumo calórico”, acrescenta Carina.

2. Coma de três em três horas

FOTO: REPRODUÇÃO / GIPHY

Carina de Sá destaca que comer de três em três horas mantém o metabolismo ativo. “Ou seja, o corpo evita ‘poupar’ calorias para exercer suas atividades diárias, pois entende que sempre vai chegar alimentos para produção de energia”, diz.

A nutricionista explica que isso é interessante pois, até mesmo quando a pessoa “extrapola” nas calorias, nos dias “livres” da dieta, o corpo, por estar com o metabolismo ativo, vai ter mais facilidade em gastar as calorias extras consumidas.

Leia também: 11 maneiras de eliminar ou diminuir a gordura acumulada no culote

Além disso, acrescenta Carina, se ficar em jejum por mais de três horas, o corpo libera um hormônio chamado cortisol, que causa aumento da gordura abdominal e quebra da massa muscular. “Isso é muito ruim, pois deixa o metabolismo mais lento e dificulta a perda de peso”, destaca.

3. Nunca se esqueça de se alimentar

FOTO: REPRODUÇÃO / GIPHY

Algumas pessoas têm dificuldades em seguir a orientação de comer de três em três horas, seja porque acabam esquecendo, por falta de tempo ou até porque não sentem fome nesse período relativamente curto.

Porém, não há escapatórias! Quem ainda não tem o costume de comer de três em três horas e quer emagrecer de forma saudável, deverá criar este hábito.

“Deve-se pensar no alimento como remédio, ‘comer para emagrecer’, é essa a ideia. Então, coloque avisos no celular ou na agenda para não se esquecer de se alimentar”, orienta Carina de Sá.

“Mesmo que a pessoa comece comendo bem pouco, o corpo vai se adaptando e começa a sentir fome nos horários estabelecidos. E assim, o metabolismo vai acelerando e, daí para frente, vai ser difícil ficar sem comer a cada três horas”, acrescenta a nutricionista.

Leia também: 12 alimentos leves para comer à noite sem ficar com o estômago pesado

4. Beba bastante água

FOTO: REPRODUÇÃO / GIPHY

Carina de Sá destaca que a água é essencial para produção de energia: ela ajuda a transformar o alimento em energia, ajuda a transportar esses nutrientes e o oxigênio até as células. “É desintoxicante, além de evitar o inchaço, retenção de líquidos, enxaqueca e fadiga”, explica.

A nutricionista orienta a pessoa a começar e terminar o dia já bebendo um copo de água. “Ao longo do dia, se preciso, também coloque lembretes no celular a cada uma hora com o aviso para tomar água. Deixe uma garrafa de 500ml ou de 1,5l de água o mais perto possível do local de trabalho e, sempre que passar por um bebedouro, encha e beba um copo de água”, sugere.

“Atenção! Não espere a sede chegar para beber água. Ela já é um sinal da desidratação, ou seja, seu corpo já está sofrendo com a falta de água”, acrescenta a profissional.

5. Evite alimentos com alto índice glicêmico e pobres em nutrientes

FOTO: REPRODUÇÃO / GIPHY

Seguir uma alimentação saudável sugere, também, “fugir” de alguns alimentos. “É preciso evitar aqueles que possuem alto índice glicêmico e são pobres em nutrientes, como os alimentos refinados: arroz branco, pão branco, doces e açúcares em geral”, diz Carina de Sá.

6. Evite alimentos industrializados, frituras e embutidos

FOTO: REPRODUÇÃO / GIPHY

A nutricionista Carina destaca que é importante evitar ainda alimentos industrializados, como sorvetes, miojos, biscoitos recheados, bolos, margarina e chocolate ao leite. “Eles são ricos em gorduras saturadas e praticamente não possuem nutrientes”, diz.

Leia também: Vitamina B12: conheça os benefícios que ela pode trazer para sua vida

A pessoa que quer emagrecer também precisa ficar longe de frituras, queijos amarelos, embutidos (como presunto) e do sal em excesso.

7. Evite tomar sucos industrializados e refrigerantes

FOTO: REPRODUÇÃO / GIPHY

Em relação às bebidas, destaca Carina de Sá, é preciso evitar ao máximo os sucos de caixinha industrializados – pois estes são riquíssimos em açúcar –, além de fugir dos refrigerantes.

8. Evite ou diminua o consumo de bebidas alcoólicas

FOTO: REPRODUÇÃO / GIPHY

Muitas pessoas têm o hábito de beber cerveja (ou outra bebida alcoólica) no final de semana, o que, certamente, pode atrapalhar o bom andamento da dieta.

“Nesse caso, estipule uma quantidade fixa da sua bebida favorita, por final de semana, e comprometa-se a não ultrapassar sua meta. Claro, ela deve ser menor do que a quantidade de costume. Assim, a cada final de semana, reduza um pouco até se adaptar a beber menos”, orienta Carina de Sá.

A nutricionista destaca que é importante evitar a restrição completa e radical da bebida em questão. “Outra orientação importante é, a cada copo de bebida alcoólica, consumir um copo de água. Assim você bebe menos e ainda evita a desidratação”, acrescenta.

9. Escolha atividades físicas adequadas

FOTO: REPRODUÇÃO / GIPHY

Não tem como fugir: quem quer emagrecer precisa, também, se exercitar! “Parece até uma equação simples de se resolver: se pensarmos em ingerir menos alimentos calóricos (gorduras e processados) e dar preferência a refeições menos calóricas (fibras e carne magras), e aumentarmos o gasto calórico, com atividades prazerosas, a perda de peso é certa. Mas, a chave para um emagrecimento saudável está em uma boa alimentação aliada a uma atividade física monitorada e, principalmente, voltada para o corpo feminino”, destacam Fabíola Dias e Flávia Freitas, professoras da Academia Contours.

Ainda de acordo com as profissionais, as aulas circuitadas em academias especializadas para mulheres, juntamente com aulas que mesclam movimentos de luta (boxe, Karatê e outras), têm um alto gasto calórico. “Por exemplo, o circuito bem elaborado chega a ter um gasto energético de 665 calorias por hora, se feito três vezes por semana. E, nas aulas de luta, como o Body Combat, a perda é de 495 a 700 calorias por hora”, explicam Fabíola e Flávia.

“Para se ter uma ideia de comparação, na corrida, se houver variação de terreno e instabilidade de percurso, a perda calórica é de, no máximo, 600 calorias por hora, se for mantida uma velocidade média de 9 km/h”, acrescenta as professoras.

10. Reserve pelo menos 30 minutos para praticar atividades físicas

FOTO: REPRODUÇÃO / GIPHY

Atualmente, com a correria do dia a dia, muitas pessoas reclamam que têm pouco tempo para se exercitarem. Porém, para emagrecer de maneira saudável, é fundamental que se mantenha a regularidade na atividade física.

“Se a pessoa conseguir manter a atividade por 30 minutos, 3 vezes na semana, por exemplo, os resultados serão surpreendentes”, destacam as professoras Fabíola e Flávia.

11. Se preferir, caminhe

FOTO: REPRODUÇÃO / GIPHY

Algumas pessoas, simplesmente, não gostam de ir a academias. Porém, ainda assim não há desculpas para elas deixarem de se exercitar.

“A caminhada é uma excelente atividade aeróbica”, destacam Flávia e Fabíola. “Nesse caso, é necessário manter a regularidade de caminhar 3 vezes na semana, por 30 minutos”, acrescentam as professoras.

12. Não se esqueça da alimentação pré e pós-treino

FOTO: REPRODUÇÃO / GIPHY

Carina de Sá explica que a alimentação rica em nutrientes no pré-treino potencializa a execução do exercício, sem deixar a pessoa fadigada durante o treino, além de evitar o catabolismo muscular. “Assim você não perde sua massa magra, que é a mais ativa em relação ao gasto energético”, destaca.

No pós-treino, explica a nutricionista Carina, a alimentação é importante para garantir uma boa recuperação muscular, ou seja, a reposição de glicogênio para os músculos, e evitar novamente sua degradação. “Além dos nutrientes como vitaminas, minerais e antioxidantes, importantes também para manter uma boa produção de energia pelo organismo e amenizar os processos inflamatórios gerados pela atividade física”, diz.

13. Fique longe de estresses

FOTO: REPRODUÇÃO / GIPHY

Outro fator que influencia no funcionamento do seu corpo e que pode contribuir para a perda de peso é o stress. Cuidar da sua saúde mental pode te ajudar a ter mais energia para seguir uma alimentação saudável e se exercitar. Além disso, você pode buscar por atividades que proporcionem as duas coisas: uma mente tranquila e saudável e um corpo ativo. Algumas boas opções são a yoga, o pilates e a corrida.

14. Mantenha o foco nos benefícios da perda de peso

FOTO: REPRODUÇÃO / GIPHY

Como já foi citado, uma dieta de emagrecimento exige dedicação e foco. Se, durante o processo, por um motivo ou outro, você tiver vontade de desistir, afaste todo o pensamento negativo!

Foque em todos os benefícios que a perda de peso proporcionará: além de melhorar sua autoestima, o emagrecimento trará mais saúde e bem-estar, já que deixará sua pressão sob controle e diminuirá significativamente os riscos de diabete, derrame e doença cardiovascular.

Enfim, não faltam bons motivos para você aderir a uma dieta saudável! E agora você já tem ótimas dicas para isso. Mas, não se esqueça de começar procurando por profissionais que possam ajudá-la nesse processo!

10 alimentos que aceleram a perda de peso

Gostar de comer ou ser um bom garfo já não é uma maldição. É possível comer e perder peso ao mesmo tempo, retirando dos alimentos os nutrientes necessários ao bom funcionamento do organismo. Conheça alguns dos alimentos que ajudam a perder peso.
Os alimentos que ajudam a perder peso são aqueles que além de contribuírem para nos mantermos saudáveis, ajudam a acelerar o metabolismo, a queimar calorias, fortalecer o sistema imunitário e fornecem energia para executarmos as nossas tarefas ao longo do dia.

Leia também: Phytophen é bom

Esses alimentos são denominados de termogénicos e quando estão a ser digeridos pelo estômago, tendem a aumentar ou diminuir a temperatura corporal, fazendo com que o corpo gaste calorias para voltar à temperatura normal e por isso também são alimentos que ajudam a perder as gordurinhas que estão a mais, por exemplo, na zona da barriga e a emagrecer de forma saudável.

Leia também: Kifina funciona

Alimentos que ajudam a emagrecer
1. Brócolos – é um vegetal que possui diversas propriedades nutritivas. É um diurético eficiente e também atua como laxante. Os brócolos ajudam a aumentar a sensação de saciedade, além de serem ricos em proteínas. Possuem poucas calorias e ajudam a reduzir o açúcar no sangue.

2. Ovos – os ovos são ricos em proteínas de alto valor biológico como colina, ácido fólico, ferro, zinco. A colina ajuda a bloquear a absorção de gordura. As proteínas do ovo são proteínas de alta qualidade e contribuem para a sensação de saciedade prolongada e para manter a energia do organismo, ajudam na manutenção da força muscular e redução da perda de massa muscular.

3. Quinoa – a quinoa é rica em proteínas, fibras e aminoácidos necessários à boa manutenção dos músculos. A quinoa possui um baixo índice glicémico e não contém glúten. Como os seus hidratos de carbono são metabolizados lentamente, dá sensação de saciedade prolongada.

4. Lentilhas – esta leguminosa de baixo teor calórico proporciona saciedade ao organismo, ajuda a reduzir os níveis de colesterol, é antioxidante, é rica em proteínas e fibras, retarda o envelhecimento e ajuda a combater a anemia.

5. Aveia – é um cereal muito completo pelo seu teor de fibras e vitaminas B5, Vitamina E e Vitamina B6 que favorecem o emagrecimento. É um ótimo alimento para ser consumido ao pequeno almoço em papas, juntamente com iogurte ou leite. Também pode ser consumido com frutas, as mais indicadas já que se tratar de perder peso são mamão, maçã ou morango. Além de controlar a fome, a aveia ajuda o seu corpo a eliminar tudo o que não faz bem.

Leia também: Como emagrecer de verdade

6. Salmão – O Salmão é uma excelente fonte de proteínas magras que aumentam a sensação de saciedade. Além disso, o salmão é rico em ómega 3, substância que ajuda a melhorar a memória, concentração e a diminuir os níveis de stresse.

7. Alho – O alho é um superalimento rico em nutrientes (vitaminas, sais minerais e aminoácidos) que ajuda a reduzir o colesterol; é rico em alicina substância que ajuda eliminar o excesso de gordura e acelera o metabolismo.

8. Batata Doce – rica em betacaroteno, a batata doce é um poderoso antioxidante. Este alimento é uma boa fonte de hidratos de carbono que aumentam a sensação de saciedade; as vitaminas e minerais como Vitamina C, Potássio, Ferro, Manganês e Cobre ajudam a perder peso.

9. Maçã – é uma excelente fonte de vitaminas e minerais e é considerada uma das frutas mais benéficas para a saúde. A maçã ajuda a desintoxicar o fígado, reduz os níveis de colesterol e glicose, é diurética e contém um alto teor de Vitamina B12, fatores que fazem da maçã um alimento que ajuda na perda de peso.

10. Sementes de Chia – é considerada um superalimento: melhora o trânsito intestinal, melhora os níveis de colesterol e ajuda a diminuir o apetite, pois é rica em fibras e vitaminas. As sementes de chia conseguem absorver uma grande quantidade de água, formando um gel que ocupa algum espaço no estômago, diminuindo a sensação de fome.

Saiba que não adianta consumir alimentos que aceleram o metabolismo se mantiver hábitos que o desaceleram? A falta de sono desacelera o metabolismo, por isso, durma as horas suficientes. O stresse também retarda o metabolismo e até pode fazer com que a pessoa coma mais.

5 Remédios Caseiros para Impotência Sexual

5 Remédios Caseiros para Impotência Sexual

O chá de alecrim, com chapéu de couro e catuaba ou o xarope natural preparado com mel, guaraná e ginseng são alguns exemplos de excelentes remédios caseiros e naturais que podem ser usados para tratar a impotência sexual masculina.

Este problema surge geralmente em homens entre os 50 e os 80 anos de idade e a ansiedade, depressão ou a perda de libido e de desejo sexual são algumas das causas que levam ao surgimento da impotência. Na maioria dos casos, o que geralmente acontece é que a ereção não acontece ou se acontece ela não é suficientemente rígida para permitir a penetração e uma relação sexual satisfatória. Conheça outras causas da Impotência Sexual.

1. Chá de alecrim, com Chapéu de couro e Catuaba

Este chá é composto por plantas medicinais com propriedades afrodisíacas, que estimulam e a aumentam a líbido, e pode ser preparado do seguinte modo:

Ingredientes:

100 gramas de Alecrim;
100 gramas de Chapéu-de-couro;
100 gramas de Catuaba.
Modo de Preparo:

Fazer uma mistura com as ervas secas e preparar o chá usando 20 g da mistura. Para preparar o chá, em uma panela colocar 20 gramas da mistura e adicionar 1 litro de água fervente. Tampar e deixar repousar durante 15 minutos antes de servir.

Este chá deve ser bebido 4 vezes por dia durante 7 dias, respeitando sempre todas as quantidades referidas pois embora esta seja uma opção natural, estas plantas acabam sempre estimulam o organismo.

2. Chá com cascas de Marapuama

O chá com Marapuama melhora a circulação sanguínea e aumenta o desejo sexual, sendo por isso uma ótima opção para ajudar no tratamento da impotência sexual. Para preparar esse chá é necessário:

Ingredientes:

2 colheres de sopa de cascas de Marapuama;
1 litro de água.
Modo de Preparo:

Colocar as cascas de Marapuama em uma panela com 1 litro de água e deixar ferver durante 20 minutos. Passado esse tempo, desligar o fogo, tampar e deixe repousar durante aproximadamente 30 minutos ate amornar e coar antes de servir.

Este chá deve ser bebido 3 a 4 vezes por dia, todos os dias até que sejam verificadas melhoras.

3. Chá de Tribulus terrestris

Este chá possuí propriedades que aumentam a produção de testosterona, sendo por isso muito utilizado no tratamento de impotência e além disso aumenta e apetite sexual. Para preparar este chá é necessário:

Ingredientes:

2 colheres de chá de folhas secas de Tribulus terrestris;
500 ml de água fervente.
Modo de Preparo:

Em uma xícara, colocar as folhas secas e adicionar 500 ml de água fervente, deixando repousar durante 10 minutos. Coar sempre antes de beber.

Este chá deve ser bebido 2 vezes por dia, todos os dias até que sejam verificadas melhoras.

4. Chá de raízes de Catuaba

Esta planta medicinal é ótima para aumentar a líbido, melhorando o desempenho sexual masculino. Para preparar esse chá:

Ingredientes:

40 gramas de raízes de Catuaba;
750 ml de água.
Modo de Preparo:

Em uma panela colocar a água e quando estiver fervendo, adicionar as raízes da planta e deixar ferver durante 10 minutos. Retirar do fogo, tampar e deixar repousar durante 15 minutos, coando sempre antes de beber.

Este chá deve ser tomado 3 vezes por dia, todos os dias até que haja melhoras.

5. Xarope caseiro com Mel, Guaraná e Ginseng

Este xarope caseiro possuí propriedades energéticas, estimulantes e fortificantes que ajudam a ter mais disposição durante a relação sexual, além de melhorar a circulação sanguínea, o que potencia a ereção do pênis. Para preparar este xarope é necessário:

Ingredientes:

1 xícara e meia de mel de abelhas;
1 colher de guaraná em pó;
1 colher de folhas de hortelã;
1 colher de ginseng em pó.
Modo de Preparo:

Em um recipiente de vidro escurecido com tampa, adicionar todos os ingredientes e misturar bem com uma colher até se obter uma mistura homogênea.

Deve-se tomar 1 colher de sopa desse xarope todas as manhãs, sempre que se sentir necessidade. Este xarope é, no entanto, contraindicado para hipertensos, gestantes, diabéticos e durante o período de amamentação.

Além das opções naturais referidas, existem sucos com propriedades afrodisíacas e outras plantas medicinais como a Yohimbe, que podem ser usadas no tratamento deste problema. Conheça outras opções de chás e plantas medicinais.

Veja ainda como adequar a alimentação com alimentos afrodisíacos no vídeo a seguir.

Leia também: comprar remédios para ereção

A impotência sexual pode ser tratada com remédios prescritos pelo médico, como Viagra ou Cialis, terapia de reposição com hormônios ou com uso de aparelhos de vácuo, podendo em casos mais graves ser recomendada a implantação de próteses no pênis. Veja que remédios podem ser receitados pelo médico.

Além disso, em alguns casos, o aconselhamento com um psicologo ou psiquiatra e a realização de terapia de casal e psicoterapia são também muito importantes, pois ajudam tratar outros problemas, medos e inseguranças que possam existir.

Disfunção erétil – causas e tratamento para uma vida sexual saudável

Disfunção erétil – causas e tratamento para uma vida sexual saudável

A disfunção erétil, também conhecida como impotência, é a incapacidade de obter e manter uma ereção do pênis firme o suficiente para o sexo.

Podemos afirmar que um homem sofre com disfunção erétil se tiver dificuldade em obter ou manter uma ereção firme o suficiente para poder ter relações sexuais, ou se interferir em outras atividades sexuais.

Ter problemas de ereção de tempos em tempos não é necessariamente motivo de preocupação. No entanto, se a disfunção erétil é um problema constante ela pode causar estresse, afetar a autoconfiança e contribuir para problemas de relacionamento.

Problemas para obter ou manter uma ereção também podem ser um sinal de uma condição de saúde subjacente que precisa de tratamento. Às vezes, o tratamento desses outros problemas de saúde é suficiente para reverter a disfunção erétil. Em outros casos, tratamentos psicológicos, medicamentos ou outros tratamentos diretos podem ser necessários.

Como acontece uma ereção?
Uma ereção é o resultado do aumento do fluxo sanguíneo no pênis. O fluxo sanguíneo é geralmente estimulado por pensamentos sexuais ou contato direto com o pênis.

Quando um homem se excita sexualmente, os músculos do pênis relaxam. Este relaxamento permite um aumento do fluxo sanguíneo através das artérias penianas. Este sangue preenche duas câmaras dentro do pênis chamadas corpos cavernosos. Quando as câmaras se enchem de sangue, o pênis fica rígido. A ereção termina quando os músculos se contraem e o sangue acumulado pode fluir através das veias penianas.

A disfunção erétil pode ocorrer por causa de problemas em qualquer fase do processo de ereção. Por exemplo, as artérias penianas podem estar muito danificadas para abrir adequadamente e permitir a entrada de sangue.

Causas da disfunção erétil
A excitação sexual masculina é um processo complexo que envolve o cérebro, hormônios, emoções, nervos, músculos e vasos sanguíneos. A disfunção erétil pode resultar de um problema com qualquer um deles. Da mesma forma, preocupações com estresse e saúde mental podem causar ou piorar a disfunção erétil.

Às vezes, uma combinação de problemas físicos e psicológicos causa disfunção erétil. Por exemplo, uma condição física menor que retarda sua resposta sexual pode causar ansiedade sobre a manutenção de uma ereção. A ansiedade resultante pode levar ou piorar a disfunção erétil. Em muitos casos, a disfunção erétil é causada por algo físico. Causas comuns incluem:

Doença cardíaca
Vasos sanguíneos entupidos (aterosclerose)
Colesterol alto
Pressão alta
Diabetes
Obesidade
Síndrome metabólica: uma condição que envolve o aumento da pressão arterial, altos níveis de insulina, gordura corporal ao redor da cintura e colesterol alto
Mal de Parkinson
Esclerose múltipla
Certos medicamentos de prescrição
Uso do tabaco: restringe o fluxo sanguíneo para veias e artérias e pode, ao longo do tempo, causar condições crônicas de saúde que levam à disfunção erétil
Doença de Peyronie: desenvolvimento de tecido cicatricial no interior do pênis
Alcoolismo e outras formas de abuso de substâncias
Distúrbios do sono
Tratamentos para câncer de próstata ou próstata aumentada
Lesões, particularmente se danificarem os nervos ou artérias que controlam as ereções
Medicamentos, incluindo antidepressivos, anti-histamínicos e medicamentos para tratar a pressão alta, dor ou condições da próstata
Cirurgias ou lesões que afetam a área pélvica ou medula espinhal.
Conforme a pessoa envelhece, as ereções também podem levar mais tempo para se desenvolver e podem não ser tão firmes. Nesse caso, será necessário mais contato direto com o pênis para obter e manter uma ereção.

Causas psicológicas da disfunção erétil
O cérebro desempenha um papel fundamental no desencadeamento da série de eventos físicos que causam uma ereção, começando com sentimentos de excitação sexual. Várias coisas podem interferir nos sentimentos sexuais e causar ou piorar a disfunção erétil. Esses incluem: depressão, ansiedade ou outras condições de saúde mental, estresse, problemas de relacionamento, falta de comunicação ou outras preocupações.

Sintomas da disfunção erétil
Os sintomas de disfunção erétil podem incluir:

Problemas para obter uma ereção
Dificuldade para manter uma ereção
Desejo sexual reduzido
Vida sexual insatisfatória
Estresse ou ansiedade
Embaraço ou baixa auto-estima
Problemas de relacionamento
Incapacidade de engravidar sua parceira
Outros distúrbios sexuais relacionados à disfunção incluem:

Ejaculação prematura
Ejaculação retardada
Anorgasmia, que é a incapacidade de atingir o orgasmo após ampla estimulação

Quando é necessário procurar um médico?
É fundamental conversar com um médico se algum dos sintomas acima se apresentarem. Especialmente, se eles durarem dois ou mais meses. Seu médico pode determinar se o distúrbio sexual é causado por uma condição subjacente que requer tratamento.

Viver com disfunção erétil pode ser bastante estressante. A queda na auto-estima pode afetar diversas outras áreas da vida. Por conta disso, é importante consultar o seu médico principalmente nos casos em que:

Você tem preocupações constantes sobre suas ereções ou está enfrentando outros problemas sexuais, como ejaculação precoce ou retardada;
Você tem diabetes, doença cardíaca ou outra condição de saúde conhecida que pode estar ligada à disfunção erétil;
Você tem outros sintomas junto com a disfunção erétil;
Os sintomas da disfunção estiverem prejudicando outras áreas de sua vida.

Como é feito o diagnóstico?
Seu médico fará perguntas sobre seus sintomas e histórico de saúde. Além disso, pode fazer testes para determinar se seus sintomas são causados por uma condição subjacente.

Será realizado um exame físico em que seu médico irá ouvir seu coração e pulmões, verificar sua pressão arterial e examinar seus testículos e pênis. Também pode ser recomendado um exame retal para verificar sua próstata. Além disso, você pode precisar de exames de sangue ou urina para descartar outras condições.

Prevenção
Para lidar com problemas de ereção, você pode escolher trabalhar em muitos níveis diferentes. A melhor maneira de prevenir a disfunção erétil é fazer escolhas saudáveis ​​no estilo de vida e administrar quaisquer condições de saúde existentes. Principalmente, unir isso aos cuidados com a saúde mental.

Trabalhe com seu médico para gerenciar diabetes, doenças cardíacas ou outras condições crônicas de saúde
Consulte o seu médico para exames regulares e exames de triagem médica
Pare de fumar, limite ou evite o álcool e não usar outras drogas ilegais
Exercite-se regularmente
Tome medidas para reduzir o estresse
Obtenha ajuda para ansiedade, depressão ou outros problemas de saúde mental.
Impotência tem cura?
Para algumas pessoas, é possível que seus sintomas de disfunção erétil terminem permanentemente, mas isso depende de quais são as causas. Mesmo que a pessoa não consiga resolver os problemas de ereção permanentemente, ainda é possível encontrar uma solução que possa ser usada regularmente.

Soluções de longo prazo para disfunção erétil incluem:
Exercício ou mudanças no estilo de vida (31 a 40% das pessoas consideram que isso funciona para elas): se você mantiver exercícios regulares para a disfunção erétil, ou seguir escolhas mais saudáveis, poderá descobrir que seus problemas de ereção tem solução. Além disso, você poderá ver alguns outros benefícios gerais para a saúde e bem-estar.
Comer uma dieta saudável e balanceada: é improvável que você tenha disfunção erétil por estar desnutrido (não ingerir vitaminas e minerais suficientes), mas se você não comer de forma saudável, pode acabar com colesterol alto, pressão alta ou diabetes, e então é mais provável que você tenha problemas de ereção.
Aconselhamento ou terapia sexual (58% das pessoas consideram que isso funciona para elas): causas da disfunção erétil relacionadas à mente podem afetar qualquer pessoa. Elas são mais prováveis ​​se você tiver disfunção erétil em uma idade mais jovem. Conversar com um conselheiro ou terapeuta pode ajudar algumas pessoas a superar a disfunção erétil relacionada a esses problemas, possivelmente para sempre. Eles também podem ajudá-lo se a disfunção erétil estiver causando estresse, pois isso pode piorar as coisas.
Verificando sua medicação atual: se você estiver tomando medicação para outras doenças, pode ser que seus problemas de ereção sejam um efeito colateral. Peça a um médico que verifique se essa é a causa de seus problemas e, se for, você poderá trocar os medicamentos e descobrir que a disfunção erétil desaparece completamente ou melhora consideravelmente.
Lembre-se de que, mesmo que você opte por outra opção, como medicamentos para disfunção erétil ou dispositivos como implantes, bombas para pênis ou anéis penianos, eles também podem ser usados ​​em longo prazo. Embora seja possível tomar medicamentos a longo prazo, o médico precisará verificar se eles ainda são adequados para você sempre que precisar de mais.

Exercício, treinamento e dispositivos
Embora as mudanças no estilo de vida possam ser um bom ponto de partida, se você se sentir motivado a tentar algumas abordagens mais práticas para corrigir os problemas de ereção, existem algumas opções adicionais. Existem alguns exercícios para treinar os músculos ou o suprimento de sangue para o seu pênis. Existem também alguns dispositivos criados para isso. Esses incluem:

Massagem prostática
Alguns homens usam uma forma de massagem terapêutica chamada massagem prostática. Praticantes massageiam os tecidos em torno de sua virilha para promover o fluxo sanguíneo para o seu pênis. Existem estudos limitados sobre a eficácia deste tipo de massagem.

Acupuntura
A acupuntura pode ajudar a tratar a disfunção psicológica, embora os estudos sejam limitados e inconclusivos. Você provavelmente precisará de várias sessões antes de começar a notar melhorias. Ao escolher um acupunturista, procure um profissional certificado.

Exercícios musculares do assoalho pélvico
Um pequeno estudo com 55 homens observou melhora da função peniana após três meses de exercícios regulares com músculos do assoalho pélvico. Após seis meses, 40% dos homens haviam recuperado a função erétil normal.

Os exercícios de Kegel são simples, e você pode usar para fortalecer os músculos do assoalho pélvico. Primeiro, identifique seus músculos do assoalho pélvico. Para fazer isso, pare de fazer xixi no meio do caminho e sinta o que foi estimulado para isso. Os músculos que você usa para fazer isso são os músculos do assoalho pélvico. Seus testículos também aumentarão quando você contrair esses músculos. Agora que você sabe onde esses músculos estão, contraia-os por 5 a 20 segundos. Então solte-os. Repita este exercício 10 a 20 vezes seguidas, três a quatro vezes por dia.

Meditação ou yoga
As técnicas de relaxamento e meditação podem ajudar a reduzir o estresse que você está sentindo e o impacto que ele causa em suas ereções.

Bombas do pênis
São pequenos tubos de plástico que estão ligados a uma bomba que pode ser operada por bateria ou manualmente. Eles são inseridos no pênis e, em seguida, usam a ação da bomba para movimentar o sangue.

Anéis do pênis
Estes podem ser usados ​​sozinhos ou depois de usar uma bomba peniana. Elas se encaixam na base do pênis e dos testículos e bloqueiam parte do sangue que sai do pênis. O sangue está sempre entrando e saindo do pênis, mas ao diminuir a velocidade do sangue saindo, você aprisiona mais e ajuda a melhorar sua ereção.

Suplementos de ervas
Para pessoas que têm preocupações com os efeitos dos medicamentos prescritos, existem alternativas naturais para o tratamento da disfunção. Abaixo estão alguns suplementos que auxiliam no tratamento.

Leia também: aumento peniano é bom

Arginina
Citrulina
Ginseng
Yohimbina
Maca
Zinco
Vitamina E
Alimentos ricos em flavonoides
Melancia
Psicoterapia
Fatores psicológicos são uma causa bastante comum de disfunção erétil. Eles podem incluir o estresse, ansiedade, transtorno de estresse pós-traumático e até depressão.

Se você está com problemas psicológicos, pode se beneficiar da psicoterapia como forma de tratamento. A terapia pode ajudar você a gerenciar sua saúde mental. Você provavelmente trabalhará com seu terapeuta durante várias sessões, e seu terapeuta abordará coisas como grandes fatores de estresse ou ansiedade, sentimentos relacionados ao sexo ou conflitos subconscientes que podem estar afetando seu bem-estar sexual.

É POSSÍVEL AUMENTAR O PÊNIS SEM PREJUDICAR A FUNÇÃO?

É POSSÍVEL AUMENTAR O PÊNIS SEM PREJUDICAR A FUNÇÃO?

Durante muitos anos, a cirurgia estética foi quase, em exclusivo, procurada pelo sexo feminino. Um cenário que se tem alterado substancialmente, devido a fatores de diversa ordem, como a crescente preocupação com a imagem, o desejo de agradar nas relações pessoais e também as exigências decorrentes de pressões a nível profissional. Biscaia Fraga, médico cirurgião plástico, explica o que é a faloplastia.

Pixabay
Atualmente, a cirurgia plástica e estética no masculino permite melhorar a imagem que o próprio tem acerca de si próprio, quer seja através da correção de imperfeições, de melhorias morfológicas ou outras de carácter individual, que, na maioria dos casos, tem significativos resultados e consequências positivas ao nível do desempenho profissional e na vida pessoal, por exercer um papel fulcral na auto estima do indivíduo.

As desigualdades entre ricos e pobres também podem ser vistas do céu
Ver artigo
Com tecnologia de ponta e os melhores profissionais ao seu serviço, a cirurgia plástica e estética vai de encontro a quase todas as necessidades e exigências do homem moderno, cosmopolita, que tem preocupações cada vez mais aproximadas às das senhoras, em termos de aparência. Assim, referem-se as cirurgias mais procuradas pelo homem:

Faloplastia ou aumento tridimensional do pénis
Esta é a indicada tanto para as deformações do pénis, como para o hipogenitalismo (pénis anormalmente pequeno) ou simplesmente para situações de insatisfação com as dimensões do órgão.

Esta terapêutica aplica-se nas diferentes situações:

Causas do hipogenitalismo
Constitucionais: Variação anatómic; Hipospadias;
Adquiridas: Hormonais; Doença de Peyronie; Traumáticas (iatrogénicas e acidentais); Infecciosas; Psicossociais; e Obesidade.
Nestas situações, pode existir uma combinação de técnicas, como seja o auto enxerto adiposo, em que é retirada gordura do abdómen, coxa ou outra região para, depois, ser aplicada e repartida criteriosamente pelo pénis, bem como a extensão e expansão, que consiste na aplicação programada de um aparelho que, se devidamente utilizado, determinará um crescimento dos tecidos.

Leia também: Como aumentar o pênis naturalmente

É atualmente uma das cirurgias mais procuradas pelos homens.

Esta terapêutica, que é processada com utilização de Plasma Rico em Plaquetas (PRP), associada ao tecido adiposo preparado e calibrado, conduz ao objetivo de aumento tridimensional, correção de curvaturas anómalas e induz ao rejuvenescimento dos tecidos loco-regionais.

5 Suplementos Alimentares Para Emagrecer Rápido Muito Populares

5 Suplementos Alimentares Para Emagrecer Rápido Muito Populares

Confira estas 5 dicas de suplementos alimentares para emagrecer rápido bastante populares e preste atenção nos benefícios para escolher o melhor para você.

Leia também: Phytophen

1. “Queimadores de Gordura”
Os primeiros suplementos alimentares para emagrecer rápido que listaremos são os “queimadores de gordura”, ou termogênicos. Seus usuários relatam que:

Eles naturalmente aceleram seu metabolismo para queima de gorduras e suprimem seu apetite fazendo com que você coma menos e perca mais peso, além de…
Dão mais energia que permitem treinos mais longos, ágeis e difíceis; o que, consequentemente faz você queimar mais calorias, então…
A melhor hora para você tomar seu “queimador de gordura” é logo pela manhã, antes do seu treino de alta intensidade matutino e do seu café da manhã, para acelerar seu metabolismo para queima de gordura pelo dia e…
Você pode tomar seus “queimadores de gordura” novamente no meio da tarde, mas não muito perto da hora de dormir e…
A maioria dos “queimadores de gordura” funcionam segundo os usuários, mas grãos de café verde, Hydroxycut e até chá verde são destaques atualmente e são todos exemplos de suplementos alimentares para emagrecer rápido. Além deles, são destaque também o citrus aurantium (extrato de laranja amarga)
A maioria dos queimadores de gordura, ou termogênicos como são conhecidos, contém cafeína. A cafeína é conhecida por acelerar o metabolismo, diminuir o apetite e ajudar a mobilizar a gordura corporal para queima. Alguns podem conter uma quantidade muito alta e se você não está acostumado a tomar café ou tem sensibilidade a cafeína pode sentir um desconforto, como batimentos cardíacos muito acelerados.
2. Gorduras que queimam gordura
Gorduras do tipo Ômega-3 como óleo de peixe e CLA, ou Ácido Linoleico Conjugado, são dois exemplos de gorduras que queimam gorduras e você pode usá-las como suplementos alimentares para perder peso rapidamente. Os que usam esses produtos defendem que:

Em um estudo no qual um grupo de homens obesos tomou CLA, os participantes perderam, em sua maioria, gordura da região abdominal (barriga) e reduziram suas cinturas em 2,5cm e…
Gorduras do tipo Ômega-3 manipulam o hormônio leptina de uma maneira que ajuda a acelerar seu metabolismo e suprimir seu apetite, mas…
Se você está incluindo comidas com alto teor de proteínas na sua dieta, como peixes, castanhas e carne orgânica; então você não precisa de nenhum suplemento que contenha gorduras que queimam gordura já que essas comidas têm a dose necessária dessas gorduras para te ajudar a perder peso:

Apenas de 10% a 30% da sua dieta para perder peso deve ser composta de gorduras então…
A quantidade dessas gorduras boas que queimam gorduras das quais você precisa para perder peso depende principalmente de quantas calorias você está ingerindo.
3. Substitutos de Refeição (SPRs), Shakes de Proteínas e Barrinhas
Os substitutos de refeição são provavelmente os produtos para emagrecimento mais vendidos no mundo. Seu consumo é muito popular porque:

Se você não consegue proteínas o bastante na sua dieta simplesmente com comidas ricas em proteína, estes tipos de suplementos podem ajudar a conseguir a quantidade necessária de proteínas e perder peso além de que…
A maioria das MRPs (Meal Replacement Products) como Labrada Lean Body têm ingredientes “queimadores de gorduras” como as gorduras que queimam gorduras (ex. CLA)
MRPs são realmente úteis para pessoas muito ocupadas que não têm tempo para preparar refeições…
E dependendo do tipo de substituto de refeição que você tomar, já terá a quantidade certa de carboidratos, proteínas e gorduras que você precisa para perder peso.
Barras de Proteínas são uma alternativa saudável (não perfeita) para substituir comidas que fariam você ganhar peso.
4. Limpadores de Cólon
Nos EUA são muito populares e no Brasil cresce o número de pessoas que faz uso destes suplementos alimentares para emagrecer rápido. Os usuários propagam sobre os limpadores de cólon que…

Leia também: Fit Mzt Anvisa

Eles realmente ajudam a perder muito peso sem qualquer dieta ou exercício, pois removem toda a sujeira presa no seu cólon e…
Fazer isso pode ajudar a controlar qualquer problema de inchaço que você tenha, ajudando também a conseguir uma barriga mais reta, mas…
A noticia ruim sobre limpadores de cólon

Eles não queimam gordura nem ajudam a perder peso, que faça você se sentir melhor e…
Mesmo que você possa perder alguns centímetros da sua cintura se livrando de todos os dejetos em seu cólon, não espere que os limpadores de cólon ajudem a perder gordura da parte interna da coxa, gordura da barriga, das costas ou braços, sua perda de peso é limitada aos dejetos presos no seu cólon, então…
Uma vez que você deu descarga nesses dejetos, você ainda vai precisar de uma dieta, exercícios e outros suplementos dessa lista para queimar o resto da gordura que você tem.
Ao invés de comprar um suplemento de limpeza de cólon, você pode limpar seu cólon naturalmente ingerindo alimentos que reduzam o peso, inserindo mais fibras na sua dieta e bebendo muita água.

ARTIGOS COMPLEMENTARES
4 Suplementos Eficazes Para Impulsionar o Seu Metabolismo
Termogênico Emagrece Mesmo?
5 Nutrientes Essenciais para Acelerar a Perda de Peso
Essa Receita de Café Promete ‘Queimar Calorias’ Enquanto Você Bebe
5. Supressores de Apetite
Existem suplementos alimentares já focados na diminuição do apetite. Os remédios supressores de apetite já estão entre os mais consumidos em todo o mundo. Então seria natural imaginar que surgiriam inúmeros suplementos alimentares para emagrecer rápido também focados no controle do apetite. Os usuários deste suplementos defendem que:

Você pode perder peso rapidamente tomando supressores de apetite sem fazer exercícios porque…

Supressores de apetite fazem com que você não queira comer (você perde seu apetite)
Quanto menos você come, mais rápido você perde peso com ou sem exercícios, mas…
Supressores de apetite não são os melhores suplementos para perder peso a longo prazo porque…

Uma vez que parar de tomá-los, seu apetite vai voltar, e quando você começar a comer normalmente de novo…
Você vai ganhar todo o peso que havia perdido e até mais, e…
Você não precisa recuperar todo o peso eliminado quando parar de tomar os supressores de apetite, porque…

Você pode usar estas estratégias para controlar o apetite quando parar de usar os supressores de apetite, mas…
Se você estava comendo uma quantidade muito baixa de calorias (menos de mil) enquanto tomava supressores de apetite, pode ter certeza que vai ganhar um pouco de peso após parar com os supressores.
Duas únicas situações em que você deve usar os supressores de apetite:

Se você está em um plano emergencial de curto prazo para perder peso, como uma dieta onde você não vai comer muito.

Leia também: Kifina Anvisa
Se você está em um plano normal para perder peso e precisa de um supressor de apetite para te ajudar a controlar seus desejos e prevenir que você estrague seu plano de perder peso.

Melhores tratamentos para clarear os dentes

Melhores tratamentos para clarear os dentes

Existem diversas opções de clareamento dental, que podem ser feitas no consultório do dentista ou em casa, e ambos podem trazer bons resultados. Independente da forma usada, um clareamento dos dentes eficaz e seguro deve ser indicado pelo dentista em uma consulta, porque deve-se avaliar a dentição de cada pessoa individualmente, já que, além do clareamento, pode ser preciso realinhar os dentes ou tratar cáries e tártaro, por exemplo.

Algumas das opções mais populares para clarear os dentes, incluem:

Antes e depois do clareamento dental
1. Clareamento a laser
Este tipo de clareamento é realizado pelo dentista, no consultório, sendo feito com o uso de luz pulsada. Os resultados deste método são instantâneos, pois os dentes ficam mais claros desde a primeira sessão, mas podem ser necessárias de 1 a 3 sessões para chegar aos resultados desejados.

Preço: cada sessão deste tipo de tratamento pode custar a partir de R$ 500,00 a 1.000,00 reais, o que varia de acordo com cada profissional.
2. Clareamento com moldeira
Este tipo de clareamento dental também pode ser feito em casa, com o uso de uma moldeira de silicone, criada pelo dentista, para que a pessoa possa usá-la com um gel clareador à base de substâncias como Peróxido de Carbamida ou Peróxido de Hidrogênio. Este tratamento produz ótimos resultados, porém mais lentos, sendo necessário o uso da moldeira por algumas horas do dia ou à noite, por cerca de 2 semanas.

Leia também: WhiteDent funciona

Preço: a moldeira custa cerca de R$ 250,00 a R$ 350,00 reais, o que varia de acordo com o profissional, mas pode ser reutilizada quando um novo tratamento for realizado.
3. Clareamento caseiro
Existem diversas opções de produtos vendidos em farmácia, como géis clareadores, moldeiras adaptáveis ou fitas de clareamento, que não precisam de receita e que, apesar de menos eficazes em relação ao tratamento com o dentista, produzem bons resultados estéticos.

Preço: os produtos vendidos em farmácias podem ter uma variação de preço de cerca de R$ 15,00 até R$ 150,00 reais, a depender da marca e do material utilizado.
Outros tipos de tratamentos naturais feitos em casa, como uso de bicarbonato de sódio, vinagre e água oxigenada devem ser feitos sob a orientação do dentista, pois são muito abrasivos e se usados de forma incorreta podem causar sensibilidade nos dentes. Confira uma receita de solução caseira para branquear os dentes.

4. Aplicação de facetas de porcelana ou de resina
Este tratamento, também conhecido como aplicação de ‘lente de contato’ para os dentes, é feito pelo dentista para revestir os dentes, o que melhora a aparência e encobre imperfeições, conferindo ótimos resultados e de forma permanente.

Preço: este tratamento pode ser considerado dispendioso porque cada faceta pode custar de R$ 500,00 a R$ 2.000,00 reais. Saiba quem pode colocar e os cuidados essenciais da lente de contato dental.

Quem não pode fazer o clareamento dos dentes
O clareamento dental é contra-indicado para gestantes, ou pessoas que apresentam acúmulo de placas bacterianas, tártaro ou inflamações na gengiva. Estes são alguns dos motivos que reforçam a importância de se consultar com o dentista antes de fazer um clareamento.

Outras dicas para clarear os dentes
Existem outros tipos de cuidados que podem ser feitos e que ajudam a clarear os dentes, apesar de não terem os mesmos resultados que os tratamentos branqueadores. Algumas opções são:

Usar diariamente fio dental e enxaguante bucal;
Fazer uma limpeza nos dentes, chamada de destartarização 1 vez ao ano;
Usar uma escova de dente elétrica com creme dental branqueador, como o Colgate Total Whitening ou Oral B 3D White, por exemplo, 2 vezes ao dia;
Evitar os alimentos que mancham os dentes como chocolate, beterraba, café, chá e, principalmente, o cigarro. Para quem toma muito café ou chá uma boa dica é beber um pouco de água logo a seguir para remover os vestígios do café que podem estar nos dentes.
Estes alimentos também devem ser evitados por algumas semanas após os procedimentos de branqueamento dos dentes, para que os resultados sejam mais duradouros. Saiba mais sobre que alimentos evitar e o que fazer para prevenir as manchas nos dentes.

Lista de Remédios para Impotência Sexual Masculina e Disfunção Erétil

Lista de Remédios para Impotência Sexual Masculina e Disfunção Erétil

Remédio para Impotência: Especialistas revelam o que há de mais novo e eficaz para acabar definitivamente com problemas de ereção, confira o artigo!

A impotência masculina é considerada a incapacidade que o homem apresenta de iniciar e/ou manter a ereção do pênis por tempo suficiente para que aconteça as relações sexuais. De uma forma geral a impotência sexual é conhecida como disfunção erétil, uma vez que diferentes motivos podem causar problemas de ereção.

Dessa forma a disfunção erétil pode ser relacionada com a ejaculação precoce, a falta de libido, problemas de ereção e dificuldades para ejacular.

Ao longo dos últimos 20 anos surgiu uma vasta lista de remédios para impotência masculina, porém muitos desses medicamentos têm efeitos colaterais graves e muitas contraindicações. Além disso, o uso desses produtos pode ser fatal em certos casos.

Entretanto, recentemente com a chegada de novas terapias alternativas como o uso de remédios naturais para tratar a impotência sexual masculina, uma solução natural, saudável e eficaz chega ao Brasil.

Remédio Natural para Impotência Masculina
Remédio Natural para Impotência bate recorde de vendas nos EUA e agora chega no Brasil com Fórmula Inovadora capaz de proporcionar Ereções Diárias!

Problemas de Ereção
Nos dias de hoje à procura por remédio para impotência masculina é grande. Isso porque, é fácil correlacionar saúde sexual com a qualidade de vida. Dessa forma a disfunção erétil, mesmo que não cause riscos de morte às pessoas, traz muitos problemas não desejados, causando problemas no relacionamento e a autoestima.

Se esse problema persistir a pessoa que apresenta impotência pode desenvolver depressão. O ideal é que indivíduo com problemas de ereção procure um médico especialista, que irá indicar o melhor remédio para impotência masculina em cada caso específico.

É importante mencionar que a maioria dos remédios para impotência vendidos na farmácia não tratam as causas da disfunção erétil, passado o efeito do medicamento no organismo a dificuldade de ereção permanece.

Cabe destacar que nem toda dificuldade relacionada a ereção é considerada impotência, só poderá ser considerada disfunção erétil se o homem for incapaz de manter ou ter ereções em 75% de suas tentativas. Casos esporádicos de ereção fraca é completamente normal, acometendo todos os homens nas mais variadas idades.

Outra questão que precisa ser levantada na hora de escolher o melhor remédio para impotência sexual masculina é diferenciar falta de libido de disfunção erétil. Na falta de libido a ereção não chega a ocorrer, devido a uma falta de interesse sexual. Já quando falamos de disfunção erétil o homem sente tesão/desejo sexual, entretanto não consegue iniciar ou manter a ereção.

A dificuldade de ereção é mais frequente conforme a faixa etária dos homens vai aumentando e também está relacionada a presença de outras doenças (como diabetes, doenças cardíacas, hipertensão, obesidade e outras). Uma estimativa sobre o uso de remédios para impotência masculina mostra que aproximadamente 40% dos homens com idade superior a 40 anos apresenta disfunção erétil em algum nível.

Causas da Disfunção Erétil
A disfunção erétil pode ocorrer por várias causas, portanto, as opções de tratamento e a lista de remédios para impotência masculina são igualmente variáveis.

A idade é considerada a maior responsável para o surgimento da disfunção erétil e o uso de remédios para impotência masculina, porém é importante mencionar que o envelhecimento não é o grande culpado, mas sim as doenças associadas ao envelhecimento.

Já foi provado que uma pessoa idosa e saudável é plenamente capaz de manter uma ereção satisfatória, sem o uso de qualquer tipo de remédio para impotência. De fato, um homem de 65 anos e saudável pode apresentar uma ereção muito mais prolongada e potente do que um homem mais novo que tenha diabetes ou problema cardiovasculares.

Assim, as doenças que podem ser associadas à impotência sexual masculina são:

diabetes;
hipertensão;
obesidade;
problemas cardíacos;
problemas relacionados ao colesterol alto;
tabagismo;
alcoolismo;
AVC;
insuficiência renal;
doenças da tireoide.
O problema pode estar relacionado aos medicamentos que são utilizados para tratar essas doenças, frequentemente esses remédios apresentam substancias que colaboram para a disfunção erétil. Por exemplo, alguns remédios para hipertensão causam problemas de ereção.

Outro fator não correlacionado a problemas físicos, mas sim psicológicos podem gerar o quadro de disfunção erétil. Estresse é um dos fatores que mais contribuem para a dificuldade de ereção, nestes casos o médico saberá indicar o melhor remédio para reverter o problema.

Além do estresse, uma sociedade extremamente sexualizada causa o sentimento de ansiedade correlacionado ao ato sexual e, assim, a obrigação em fazer o sexo, estar sempre pronto para o ato sexual também se torna um caso comum de disfunção erétil.

Todo homem já ouviu alguma piada sobre o ato de falhar na hora do sexo “broxar”, tornando a disfunção erétil algo humilhante, muito vergonhoso e desencadeando uma pressão não necessária sobre os homens.

Outro fator psicológico muito comum que leva a disfunção erétil é a depressão. Para piorar a depressão pode ser um ciclo vicioso, uma vez que ao falhar o homem fica mais depressivo e quanto mais depressivo, maiores são as chances de falhar.

Lista de Remédios para Impotência Sexual Masculina
Hoje em dia existe uma enorme lista de remédios para impotência sexual masculina, dentre eles podemos mencionar alguns que ficaram bastante conhecidos como, por exemplo: o Viagra, Levitra e o Cialis. Entretanto, atualmente muitos tornaram-se obsoletos e estão longe de ser a melhor alternativa de remédio para disfunção erétil.

O motivo é simples, os principais remédios dessa lista de medicamentos para disfunção erétil apresentam uma grande quantidade de reações adversas e contraindicações. Homens que apresentem hipertensão ou qualquer outro problema no coração não podem utilizar esses remédios, uma vez que devido a substâncias vasodilatadoras, o medicamento irá sobrecarregar ainda mais o coração desses homens.

Leia também: Viagra Natural funciona

Dessa forma a maioria das opções dessa lista de remédios para impotência masculina apresentam muitos efeitos colaterais, tais como:

risco de derrame;
desenvolvimento de problemas cardíacos;
tontura;
dor de cabeça;
problemas de digestão;
sensibilidade à luz podendo apresentar visão embasada;
diarreia;
rubor facial.
Por causa desses efeitos colaterais é preciso tomar cuidado com essa lista de medicamentos, como já mostrado o risco é muito grande. Nesses casos, de acordo com os médicos especialistas a melhor alternativa, e primeira opção de tratamento é o uso de plantas e ervas medicinais, com vitaminas e estimulantes naturais.

Remédio Natural
Recentemente, pesquisadores descobriram novos remédios para impotência que são alternativas muito melhores do que esses medicamentos ultrapassados, uma vez que são feitos com compostos naturais e são um excelente estimulante sexual.

Dessa forma, podemos citar o Viagra Natural, esse remédio 100% natural auxilia com a saúde dos corpos cavernosos, deixando-os mais elásticos e aumentando o recebimento de sangue na região peniana. Graças a isso, as ereções se tornam mais potentes, mais duradouras e com orgasmos muito mais intensos, aumentando a sensação de prazer durante a ejaculação.

É um remédio natural para impotência masculina feito à base de plantas e ervas medicinais, livre de efeitos colaterais e reações adversas. Se você sofre com problemas de ereção, experimente este potente estimulante capaz de turbinar sua vida sexual, com ereções diárias naturalmente.

Remédios para emagrecer: de farmácia e naturais

Remédios para emagrecer: de farmácia e naturais

Para perder peso mais rápido, além de uma alimentação saudável e de praticar atividade física regularmente, pode ser necessário utilizar remédios que aumentam o metabolismo e a queima de gorduras, que reduzem a absorção de gordura no intestino, que reduzem o apetite ou que combatem a retenção de líquidos.

Leia também: Phytophen emagrece

Dentre as melhores soluções para emagrecer estão o chá verde, a quitosana, a goji berry e os medicamentos Kifina e Orlistat. Veja a seguir a lista completa e para que serve cada um.

Medicamentos que emagrecem

Alguns dos medicamentos que podem ser usados para perder peso, que são vendidos em farmácias e devem ser prescritos pelo médico e utilizados de acordo com a sua recomendação são:

1. Sibutramina
A sibutramina atua diminuindo a fome e fazendo com que a sensação de saciedade chegue mais rápido ao cérebro, ajudando a controlar a quantidade de comida ingerida. Dessa forma, este remédio pode ser usado como primeiro tratamento em pessoas com obesidade.

Este remédio não deve ser usado por gestantes, mulheres que amamentam e em casos de doenças cardíacas, anorexia, bulimia, uso de descongestionantes nasais e antidepressivos. Veja os efeitos colaterais da Sibutramina.

É ideal para: pessoas que estão fazendo dieta, mas têm muita dificuldade em controlar a fome e vontade de comer alimentos mais gordurosos ou açucarados.
Como tomar: em geral, a recomendação é tomar 1 cápsula pela manhã em jejum, mas se a perda de peso não ocorrer após 4 semanas de uso, o médico deve ser consultado.
2. Orlistat
Também conhecido como Xenical, atua impedindo a absorção de gordura no intestino, o que reduz a quantidade de calorias consumidas, ajudando na perda de peso e no controle do colesterol alto e da obesidade.

O orlistat está contraindicado para gestantes, mulheres que amamentam e pessoas com problemas de má absorção intestinal ou tendência a ter diarreia. Veja o resumo da bula completa de Orlistat.

É ideal para: ser utilizado em dias em que se fazem refeições ricas em gordura, por exemplo, para diminuir a quantidade de gordura absorvida e ajudar a manter os resultados da dieta. Idealmente, não deve ser usado como solução para ingerir mais alimentos gordurosos no dia-a-dia.
Como tomar: é aconselhado tomar 1 comprimido antes da refeição, de forma a diminuir a quantidade de gordura ingerida nos alimentos.
3. Saxenda
O Saxenda é um medicamento em forma de injeção que só pode ser usado sob prescrição médica. Ele atua no centro da fome e da saciedade fazendo com que a pessoa tenha menos apetite. Além disso, um dos efeitos do medicamento é a mudança no paladar que faz com que os alimentos não tenham um sabor tão agradável.

No entanto, não deve ser usado por pessoas que não sejam consideradas obesas, durante a gravidez ou em adolescentes, porque os efeitos do medicamento não foram esclarecidos nesta faixa etária. Veja a bula completa de Saxenda.

É ideal para: pessoas a fazer acompanhamento médico e nutricional para tratar obesidade de IMC superior a 30 Kg/m² ou com IMC superior a 27 kg/m2 e doenças associadas, como hipertensão arterial ou diabetes tipo 2.
Como tomar: geralmente basta 1 injeção de Saxenda por dia para conseguir uma redução de 10% do peso em 1 mês. A dose poderá ser aumentada gradualmente, caso o médico recomende.
4. Cloridrato de lorcaserina – Belviq
Belviq é um remédio contra obesidade que atua nos níveis de serotonina do cérebro , diminuindo o apetite e aumentando a saciedade, com poucos efeitos colaterais. Com a redução do apetite é possível ingerir menos alimentos, perdendo peso. Veja a bula desse remédio em: Belviq.

É ideal para: pessoas a fazer dieta que precisam diminuir o apetite para evitar o consumo de alimentos com muitas calorias, e emagrecer rápido. No entanto, só pode ser utilizado com receita médica.
Como tomar: ingerir 2 comprimidos por dia, um no almoço e outro no jantar.
Remédios naturais para emagrecer

Leia também: Kifina Anvisa

Os melhores remédios naturais para emagrecer são à base de ervas e produtos naturais que melhoram o funcionamento do organismo, como:

1. Chá verde
Tem as propriedades de acelerar o metabolismo e favorecer a queima de gordura, podendo ser consumido em cápsulas ou na forma de chá.

Deve-se consumir de 3 a 4 xícaras do chá por dia ou tomar 2 cápsulas pela manhã e pela tarde, mas está contraindicado para pessoas com sensibilidade à cafeína ou problemas cardíacos.

2. MaxBurn
Suplemento feito a partir de chá verde e açaí, tem o poder de aumentar o metabolismo e diminuir o apetite. Deve-se tomar uma cápsula antes do almoço e do jantar, mas é importante lembrar que a venda deste medicamento foi proibida pela Anvisa.

3. Quitosana
A quitosana é feita a partir de fibras presentes no esqueleto de frutos do mar, ela aumenta a saciedade e diminui a absorção de gordura no intestino. Deve-se tomar 2 cápsulas antes do almoço e do jantar, mas está contraindicada para pessoas alérgicas a frutos do mar.

4. Goji berry em cápsulas
Esse remédio é feito a partir do fruto fresco, e atua no organismo como antioxidante e anti-inflamatório, devendo-se tomar 1 cápsula antes do almoço e do jantar.

É importante lembrar que apesar de naturais, esses remédios estão contra-indicados para mulheres grávidas ou que amamentam, crianças e pessoas com pressão alta ou problemas cardíacos, e que, o ideal é que eles sejam prescritos pelo médico ou pelo nutricionista.

Remédios caseiros para emagrecer

Leia também: Kifina funciona

Os remédios caseiros para emagrecer são opções mais fáceis e seguras para serem utilizadas para ajuda na dieta, especialmente de quem sofre com obesidade. Dentre os principais, estão:

1. Água de Berinjela
Para preparar, deve-se cortar 1 berinjela em cubos e deixar de molho em 1 litro de água durante a noite. Pela manhã, deve-se bater tudo no liquidificador consumir ao longo do dia, sem adicionar açúcar.

2. Água de Gengibre
Deve-se adicionar de 4 a 5 rodelas ou 2 colheres de sopa de raspas de gengibre em 1 litro de água gelada, bebendo a mistura ao longo do dia. Para obter melhores resultados, o gengibre deve ser trocado diariamente.

3. Chá diurético de ervas
Para preparar este chá, deve-se adicionar 10 g de alcachofra, cavalinha, sabugueiro, louro e anis, em 1 litro de água fervente. Desligar o fogo e abafar a panela, deixando descansar por 5 minutos. Beber o chá ao longo do dia e seguir o tratamento durante 2 semanas.

Além de conhecer os remédios, é importante lembrar que todos esses medicamentos trazem mais resultados quando aliados a uma alimentação saudável e à prática regular de atividade física.

Nova Dieta Rápida para Emagrecer 9kg: Cardápio Completo

Nova Dieta Rápida para Emagrecer 9kg: Cardápio Completo

NOVO CARDÁPIO PARA EMAGRECER 8 kg DE FORMA RÁPIDA
Está Cansada de se Esforçar para Emagrecer, passar Meses e Meses na Dieta e não ver Resultado no seu Corpo?
Veja o Cardápio Completo para Emagrecer 8 kg de forma Rápida e sem passar Fome.
Logo Abaixo você Tira Suas Dúvidas tais como
– Grávida pode Fazer Dieta para Emagrecer?
– Granola Ajuda a Emagrecer?
– Qual o Melhor tipo de Leite para Emagrecer?
– Quais os Carboidratos que Ajudam a Emagrecer?
– Dieta Low Carb Funciona?
– Café com Óleo de Coco Ajuda a Emagrecer?
– Alecrim Auxilia no Emagrecimento?
– Como Usar Farinha de Banana Verde na sua Dieta?
→ PARE AGORA E ESCOLHA!
Qual Caminho é Melhor para Começar?
→ Abaixo Você Encontra as Informações Simples e Fáceis de Colocar em Prática O Momento é Esse Escolha uma

Com essa dieta rápida você pode eliminar 9 kg em uma semana.

Leia também: Phytophen Anvisa

Prepare-se para Perder Peso com saúde e de forma fácil.

Esta dieta rápida para perder barriga como qualquer Dieta para perder peso rápido não é indicada para ser feita por mais de 7 dias, pois pode causar fraqueza e sonolência.

Preparamos um cardápio para emagrecer super completo rico em proteínas e muito gostoso, com certeza você vai adorar.

Importante
Varie seu cardápio ao máximo. Veja algumas sugestões de refeições pequenas, além de uma receitinha de sopa fácil de fazer:

→ CARDÁPIO COMPLETO FINAL DO ARTIGO

>> Recomendamos Para Você:
→ Dieta para Emagrecer
→ Dieta da Sopa
→ Cardapio Dieta
→ Dieta Saudavel
→ Vinagre de Maça
→ Dieta Japonêsa Cardapio

Quer ver depoimentos e dicas do Desafio para Emagrecer Rápido
Deixe seu comentário no vídeo abaixo!

Trabalhamos com amor e dentro do possível seu comentário será respondido!

Este conteúdo não substitui uma consulta medica!

Leia também: Kifina Anvisa

#dietablogbr

(VÍDEO) Desafio para Emagrecer Rápido e Saudável Grátis【AQUI】

Para uma dieta equilibrada, nutricionistas recomendam que se faça 6 pequenas refeições ao dia com intervalos de no máximo 3 horas cada.

Não sendo possível realizar as 6 refeições ao dia, ao menos se alimente 3 vezes.

Refeições pequenas escolha uma das opções abaixo – faça pelo menos três por dia:
Omelete de dois ovos preparado com queijo mussarela, cogumelos tipo champignon e pimenta vermelha
1 xíc. de salada de frutas com 1 col. (sopa) de nozes moídas e 1 pote de iogurte desnatado
1 lata de atum em água, 1 xíc. de legumes variados cozidos e 1 fruta
2 xícs. de salada verde temperada com limão e 1 col. de azeite de oliva e 1 filé de peito de frango grelhado
1 xíc. de legumes refogados e 1 filé grelhado de carne bovina magra
1 tomate picado com 3 fatias de mussarela e 3 fatias de presunto

Lanche saboroso escolha uma das opções abaixo – coma nos intervalos das refeições:
1 copo de leite desnatado puro ou batido com 1 fruta
1 iogurte desnatado puro ou com ½ fruta picada
1 fatia de queijo magro ou ricota

Sopa poderosa para melhorar o metabolismo – tomar apenas uma vez ao dia em prato fundo
Refogue 60 gramas de carne bovina magra ou a mesma quantidade de peito de frango em 2 colheres (sopa) de azeite de oliva.
Adicione 2/3 de xícara de brócolis e cozinhe até que fique macio.
Acrescente 1 ou 2 xícaras de caldo de frango e pimenta vermelha picadinha a gosto.
Deixe cozinhar por mais alguns minutos e tome toda a sopa preparada.

Abaixo para deixar sua Dieta ainda melhor preparamos um cardápio de apenas 800 calorias que vai ajudar você a perder peso de forma rápida e saudável.
Café da manhã:

Opção 1: 1 copo de iogurte light + 1 torrada integral.
Opção 2: 1 bolacha integral + 1 copo de vitamina de frutas sem açúcar.
Opção 3: 1 fatia de pão integral + 1 xíc. (chá) de cappuccino.

Lanche da manhã:

Opção 1: 1 banana.
Opção 2: 1 bolacha integral de água e sal + 1 xíc. de chá de limão gelado.
Opção 3: 1 fatia de pão integral + 1 xíc. de chá de amora gelado.

Almoço:

Opção 1: 1 col. (sopa) de cenoura cozida + 2 col. (sopa) arroz integral + 1 concha de feijão + salada de ervilha, alface e milho temperado no azeite e sal + 1 filé de peixe grelhado + 1 col. (sopa) de ervilha.
Opção 2: 2 col. (sopa) de arroz integral + 1 filé de frango grelhado + 2 col. (sopa) de brócolis no vapor + salada verde à vontade.
Opção 3: 2 col. (sopa) de arroz integral + 1 filé de peixe grelhado + 1 concha de feijão+ ervilha.

Lanche da tarde:

Opção 1: 1 cacho de uva.
Opção 2: 1 maçã.
Opção 3: 1 barra de cereal.

Jantar:

Opção 1: 1 prato de salada rúcula e tomate + 1 col. (sopa) de arroz integral + 1 concha de feijão + 1 filé de peixe grelhado com ervilha.
Opção 2: 1 col. (sopa) de arroz integral + 1 concha de feijão + 1 omelete sem óleo com recheio de frango com mostarda light.
Opção 3: 1 prato de salada verde à vontade + 1 col. (sopa) de arroz integral + 1 filé de carne grelhada + 1 col. (sopa) de grão-de-bico.

Ceia:

Opção 1: 300 ml de suco de laranja.
Opção 2: 1 tangerina.
Opção 3: 1 col. (sopa) de castanha do Pará.

O que Acontece Quando Você Tenta Perder Peso sem Exercício
Exercício não só tornará mais fácil para você perder peso (especialmente se você estiver acima do peso), mas também tem muitos benefícios de saúde.

A gordura é o combustível que seu corpo usa quando você faz dieta rápida e barata. Sim, seu corpo usa a gordura armazenada, mas a proporção de gordura para o músculo que ele usa é muito menor se você se exercita.

Em outras palavras, você vai queimar mais gordura e perder menos músculo, se você fornecer um estímulo como exercício.

Sem exercício, o seu corpo não tem razão para segurar seu músculo. Músculo é altamente intensivo para manter a energia, e é uma das primeiras coisas a ir em uma dieta restringida em calorias, se você não fornece um estímulo para mantê-lo.

Você pode ser capaz de perder uma quantidade comparável de peso através de uma dieta rápida e eficaz, mas o peso não é sempre igual à gordura.

Você terá um percentual muito maior de perda de peso e gordura, se você segurar o seu músculo.

A Importância do Exercício

Exercício aumenta a sensibilidade à insulina e aumenta os níveis de hormônio de crescimento natural.

Essas duas coisas coloca seu corpo em um estado metabólico perfeito para mobilizar ácidos graxos.

Acho que não é nenhum segredo que o exercício queima calorias.

No entanto, você queima um extra de 500 calorias através do exercício todos os dias.

Em uma dieta rápida e fácil para emagrecer restringida em calorias, você já está comendo poucas calorias.

Porque não ter uma maior chance de sucesso e permitir-se desfrutar de uma comida mais deliciosa e comer mais nutrientes?

Músculo “come” a gordura, e a maioria de queima de gordura ocorre nas mitocôndrias.

Onde estão essas mitocôndrias localizadas – principalmente no músculo.

Você pode aumentar seus totais de mitocôndrias e sua densidade através do exercício.

Você também pode perder as mitocôndrias devido à falta de exercício.

Estudos comprovam: Dieta e Exercício Físico emagrecem
Segundo uma pesquisa recente realizada por Lopes et al. (2017) publicada em Arquivos de Ciências da Saúde, onde voluntários obesos participaram de um estudo para verificar o efeito de mudanças graduais com dieta e a prática de exercício físico sobre a composição corporal de obesos.

Durante o estudo os voluntários foram monitorados e avaliados quanto à composição corporal e treinamentos de resistência durante 24 semanas, seguindo apenas uma dieta com poucas calorias (hipocalórica) e atividades físicas.

O estudo demonstrou que seguindo uma dieta hipocalórica e exercícios físicos regulares podem dar resultados positivos na composição corporal de indivíduos obesos.

A média de perda de peso foi de 2,9 Kg e redução de IMC (Índice de massa corporal) de 1 Kg/m2, o que equivale a 3% de redução.

Você acha que para emagrecer a solução é deixar de comer?
Ou fica com dúvidas se o que resolve mesmo é dieta ou exercícios?
Segundo um estudo realizado por especialistas da Universidade de Michigan referente à luta com a balança, principalmente no que se refere às pessoas com uma alimentação irregular e sedentarismo, constataram que a união de uma dieta + atividade física resultaram em uma perda de peso saudável.

Mas é preciso adotar uma dieta equilibrada e balanceada através de uma reeducação alimentar e solicitar acompanhamento de um profissional do esporte para realizar atividade física regularmente e alcançar bons resultados.

O gasto calórico que é esperado ao realizar uma atividade física é diferente para cada pessoa, independente de ser exatamente o mesmo exercício e tempo praticado.

O exercício é necessário para perda de peso?

Sim, se você não o fizer você vai:

Perder músculo

Ter o metabolismo lento

Ter que comer menos do que você comeria se estivesse se exercitando

Não obter os benefícios de perda de gordura natural do hormônio do crescimento

Não melhorar a sensibilidade à insulina

Ter ânsias de aumento da fome

Não ser tão saudável

Ter uma pior composição corporal.

Você pode perder peso sem exercício. No entanto, pode ser mais difícil.

A maneira mais fácil de alcançar seus objetivos é com o exercício.

Encontre uma atividade que você gosta de fazer e se esforce para isso.

Confira ainda super dicas para que sua Dieta renda muito mais, Certos hábitos saudáveis impedem você de engordar ao se alimentar:
Desligue a televisão e concentre-se no seu prato. Comer em frente ao aparelho estimula a gula e você acaba perdendo o controle.
Procure se sentar. De pé, com o prato na mão, você come até três vezes mais!
Morda pequenos pedaços. Uma pesquisa concluiu: quem dá grandes bocadas come uma quantidade muito maior de alimentos e dificulta a perda de peso.

10 Dicas para Perder Peso sem Fazer Dieta
Uma dieta sem fazer dieta.

Perder peso sem fazer dieta?

É possível

Não há necessidade de privar ou seguir estritamente os princípios de uma dieta frustrante, assim como você pode perder peso através da adoção de alguns hábitos diários.

Aqui estão 10 dicas infalíveis reveladas com todos os seus segredos para perder peso sem fazer dieta.

1. Coma na hora certa

Respeite seu relógio biológico é muito importante para o bem-estar geral.

Isto significa simplesmente que ele vai escolher os bons momentos para as refeições, dependendo de seus períodos de atividade durante o dia.

Nós também chamamos este nutrição.

Tenha certeza, é muito simples: depende do tempo que você acorda:

Depois de acordar: tomar no café da manhã um pequeno-almoço, em vez de gordura.

Dentro de 4-6 horas: faça um almoço leve (com proteína).

Pelo menos 5 horas depois do almoço: faça um lanche com sabor doce (como resultado).

No final do seu dia de atividade e somente quando você está com fome: Jantar em vez de luz.

É claro que este esquema pode ser superado: por exemplo, no caso de um partido muito “festivo” e um despertarem tardio:

Você pode fazer uma grande refeição matinal entre 10h e 14h, em seguida, possivelmente um jantar leve.

2. Levamos tempo

Mesmo se você é a pessoa mais movimentada do mundo.

Esta é uma ordem: ter tempo para comer.

Na verdade, uma refeição engolida muito rápida não está lhe preenchendo.

O estômago envia a informação de saciedade ao cérebro depois de 20 minutos.

Sente-se confortavelmente em um lugar calmo com boa companhia em torno de você, e tentar colocar o garfo para baixo (sobre a mesa) entre as mordidas.

Mastigue devagar, saboreie a comida, e você vai ver, a sua digestão será mais fácil e suas refeições irão diminuir.

3. Lanches inteligentes

As merendas são o inimigo número 1 do seu peso.

Muitas vezes, se os seus cardápios são completos, esses pequenos desejos de açúcar são devido ao apelo psicológico em vez de uma necessidade genuína de alimentos.

Se você realmente não pode prendê-lo e você está prestes a devorar a refeição, reproduza finamente com um chá ou chá aromatizado.

Não ignore o seu lanche da tarde: a fruta, por exemplo, ou uma compota, que sacia suas papilas gustativas de açúcar.

Existem maneiras de dominar seus desejos por merendas.

Leia também: Dieta de 21 dias funciona

4. É substituído

Para evitar ganhar peso, é preciso primeiro aprender a identificar os alimentos mais calóricos que nem sempre são aqueles que acreditavam!

Por exemplo, um ponto de vista calórico e dietética, prefira frango, peixe, carnes magras, em vez de farinha branca, massas de pizza, espaguete cheio de toucinho.

E lembre-se de que nenhum alimento é o seu “inimigo” tem tudo a ver quantidade.

Mesmo as salsichas, desde que não coma mais de 2 vezes por semana e que seja para acompanhar vegetais crus em vez de batatas fritas, vai encontrar o seu lugar no seu prato.

5. Ceder alimentos

A comida deve ser divertida, um momento de relaxamento e de troca com amigos ou família.

Se ocorrer estresse para qualquer biscoito comido, você ficará amargurado para o resto do dia.

Se você preencher grandes lacunas, dizendo a si mesmo que você vai pegar no dia seguinte, diminuindo sua ingestão de calorias ou se optar por uma sessão intensiva de esportes.

Não veja isso como uma “punição”, mas sim como uma boa maneira de equilibrar o seu estilo de vida.

6. Favorece a fazer em casa

E isto por duas razões.

Primeiro, porque cozinhar verdadeiramente permite controlar o que comemos e a dosar conforme necessário.

Mas também porque ajuda a “reconciliar” com os alimentos e não vê-los como fonte de quilos a mais.

Equipar-se com utensílios (vapor, onda silicone espremedor de puré, liquidificador), e se atrever a comprar alimentos que você não tenha usado (ervas, alcachofras, batatas doce, moluscos).

A sua cozinha da casa (com uma mão leve na gordura) será necessariamente melhor para a sua linha de refeições imediata, ricas em açúcar e sal.

7. Aposta grande em plantas

Desde os tempos antigos, usamos certas plantas para as suas várias propriedades medicinais.

Mas você sabia que eles também podem agir contra a protuberância?

Nem tudo é claro, mas alguns deles são verdadeiras planta-magreza:

A casca de laranja amarga iria acelerar o efeito de saciedade, e “estimular” a digestão.

Sargaço, uma alga marrom conhecida pelo seu efeito estimulante sobre o metabolismo e estimula o corpo a usar as reservas de gordura armazenadas para cobrir as suas necessidades.

As folhas de ginkgo biloba são usadas para muitas propriedades, mas especialmente para a sua capacidade antioxidante e vasodilatador, tornando-o excelente para aliado contra a celulite.

As sementes de erva-doce são usados para sua ação benéfica contra os problemas de digestão, a dor de estômago, o inchaço.

O Ascophyllum: Isto iria limitar a absorção de lipídios no intestino.

Em caso de excesso ( após um jantar , por exemplo), pode ajudar a reduzir o armazenamento de gordura.

Você pode encontrar todas essas plantas frescas ou em forma de pó embalado em cápsulas com as doses indicadas.

8. Dormir

Um estudo científico americano pôs em evidência a relação entre a falta de sono e peso, ou mais precisamente o índice de massa corporal (IMC).

Afiguram-se como menos pessoas dormem, mais o nosso IMC é elevado.

Isto é explicado por uma elevada produção de grelina, o hormônio do apetite, quando há falta de sono.

Outra explicação poderia ser que o corpo deve chamar à noite a energia de que necessita para manter a sua temperatura em seus estoques de gordura.

No entanto, isso não significa que devemos passar o dia na cama.

Se levantar para ir praticar esportes.

9. Controlar suas emoções

O estresse, a raiva, o medo, a ansiedade todas as emoções que são capazes de “empurrar para comer”.

Já alguma vez, depois de um ataque cardíaco, um grande argumento, ou na frente de um filme de terror, saltou sobre tudo o que é oferecido a você na sua geladeira?

Esse é um comportamento normal, e impulsivo como ele a partir de um desejo de compensação natural, depois de uma emoção, que irá satisfazer com alimentos.

Algumas pessoas temem até mesmo gerar um estresse maior que cresce para comer.

Um círculo vicioso que deve estar ciente de evitá-lo.

10. O movimento de deixar

E sim, eu sei que este último passo era previsível, mas uma vez que não é costume: não é possível perder peso sem passar pela caixa de “Esporte”.

Se assim bateram com 30 minutos de atividade diária física recomendada é que não há uma razão.

Porque, para refinar a silhueta sem um regime draconiano, o esporte é uma solução muito boa.

O melhor é escolhido que direcionar a parte do corpo com a empresa:

Pés delgados em bicicleta

As nádegas gordas: a aeróbica

De abs desenhada: Aptidão

Ombros quadrados: a natação.

E para o esporte, encontrar outras boas maneiras de suar a pé pequenos, compras, cambalhotas.

Depoimentos: 10 Dicas para Perder Peso sem Fazer Dieta
Várias pessoas que assistiram os vídeos e seguiram as 10 Dicas para perder peso estão comentando o quanto amaram e como estas Dicas serviram para o seu dia-a-dia, além de mencionarem já terem perdido em torno de 6 kg.

Celebridades que perderam 9 Kg
Vejam como é possível emagrecer 9 kg, celebridades como Holly Madison, Débora Secco e o cantor Luciano comemoram os quilinhos a menos e exibem um corpo mais saudável.

Dietas Rápidas relacionadas:
Uma dieta que há tempos vem sendo utilizada e citada como referência no emagrecimento saudável e sem esforço é a Dieta da GM (General Motors), fundamentado em um plano que foi elaborado para os funcionários.

A Dieta da GM segue um prazo de 7 dias com um cardápio bastante rigoroso que contempla grupos alimentares para cada dia.

Os resultados são a queima de gordura e um emagrecimento de aproximadamente 8 kg.

Lembre-se sempre que antes de realizar qualquer dieta é importante consultar um médico ou nutricionista.

E jamais inicie qualquer atividade física sem acompanhamento de um profissional.

Para garantir uma boa hidratação, beba no mínimo 2 litros de água por dia.

Você sabe a diferença entre gelatina e colágeno hidrolisado?

Você sabe a diferença entre gelatina e colágeno hidrolisado?

Já falamos sobre o colágeno e seus benefícios para nosso organismo neste outro artigo, mas queremos abordar um pouco mais sobre o tema, principalmente porque sempre nos perguntam sobre as diferenças entre os tipos de colágeno, colágeno hidrolisado e gelatina.

O primeiro ponto importante a destacar é que a ciência já identificou 29 tipos de colágeno diferentes, no entanto o mais comum em nosso organismo (e também no mercado) é o colágeno tipo I. A perda do colágeno começa a ocorrer a partir dos 30 anos, sendo assim uma das principais causas do envelhecimento e de diversas doenças relacionadas a pele, ossos, músculos, tendões e articulações.

Leia também: o que é Colágeno tipo 3 e 1

Além do colágeno tipo I e da gelatina (um derivado deste mesmo colágeno) está chegando agora ao mercado o colágeno Tipo II.

O colágeno tipo II está presente em locais que resiste a grandes pressões, como a cartilagem elástica e hialina, discos intervertebrais e nos olhos, daí o interesse do campo médico em estudar seus efeitos contra doenças como a osteoartrite (principalmente coluna, joelho, dedos e quadril) e a artrite reumatoide, os primeiros estudos indicam que o seu uso frequente reduz as dores sentidas pelos pacientes das duas doenças, mas as pesquisas com este tipo de colágeno ainda são bem recentes.

Leia também: Skin renov preço

A importância dos estudos sobre o colágeno tipo II está também no fato da osteortrite se tratar de uma doença autoimune e este tipo de colágeno ser bioidentico (por não ser desnaturado – ou seja, não passar pelo processo de aquecimento a altas temperaturas para a sua extração), o consumo oral do colágeno tipo II, ao passar pelo sistema digestivo é reconhecido pelo organismo e isso dessensibiliza o sistema imune, levando a uma tolerância oral.

Ele também é indicado nos casos de artrite e osteoartrite, artrose e osteoartrose, atrite reumatoide, poliartritereumatóide juvenil, lesão articular e lesão da cartilagem, inclusive nos casos de LER (Lesão por Esforço Repetitivo).

Diferença entre colágeno e gelatina
A gelatina (tanto em pó quanto em cápsula) é um derivado bovino e tem a habilidade de formar géis estáveis e reversíveis. A principal diferença da gelatina para o colágeno (que compramos em pó ou cápsulas) é que a gelatina não passa pelo processo de hidrólise, ou seja, ela não é hidrolisada, mas também é colágeno (não hidrolisado)!

O colágeno hidrolisado (tipo I) também é um derivado bovino com alto conteúdo proteico (84 a 90%), sua extração é feita em água (temperaturas entre 50 e 60ºC) ou através de enzimas, este processo de hidrólise quebra as moléculas da proteína presente no colágeno. Menores, elas são absorvidas pelo organismo com mais facilidade, ou seja, você tem de consumir uma dose bem maior de gelatina em cápsula para ter o mesmo efeito do colágeno hidrolisado.

O colágeno tipo II por sua vez é extraído de aves (frango) por um processo diferente do que é utilizado para a extração da gelatina e do colágeno tipo I. Este processo é chamado de não-desnaturado e não-enzimático, ou seja, não é utilizado enzimas nem altas temperaturas, o que garante um colágeno sem alteração molecular (bioidêntico).

Leia também: o que é Colágeno tipo 3 e 1

E as gelatinas e colágenos de peixe? Qual a diferença?
Você pode encontrar ainda a gelatina de peixe e o colágeno marinho, ambos são fontes de colágeno tipo I, no entanto o colágeno marinho, derivado das escamas dos peixes (leia mais sobre ele neste artigo), é também rico em Ácido Hialurônico, substância nutricosmética que combate o envelhecimento de dentro para fora, ele promove o autopreenchimento cutâneo, diminuindo rugas e marcas de expressão.

E os Veganos? Não há nenhuma forma de colágeno vegetal?
Para os vegetarianos e veganos uma opção para substituição é o uso de Ágar-ágar, proveniente de algas marinhas é uma fonte natural e vegetal de colágeno, que ainda possui muitas fibras e minerais, veja esse artigo sobre o ágar-ágar.

Três pontos devem ser destacados:
• O colágeno e a gelatina não são incorporados no organismo, eles são suplementos de matéria-prima (proteína e aminoácidos), que permitem ao nosso organismo produzir o colágeno necessário.

• Para que ocorra a produção de colágeno em nosso organismo é preciso a presença de vitamina C (Ácido Ascórbico), por isso algumas cápsulas de colágeno já são vendidas com Vitamina C.

• Além do colágeno, os tecidos ósseo e conjuntivo, também requerem a presença de silício um oligoelemento que, quando em deficiência, leva a debilidade dos tendões, ossos e a doenças esclerosantes como a artrose (veja esse artigo sobre o silício).

O consumo regular de gelatina e/ou colágeno hidrolisado ajuda na formação do tecido humano, pois colabora na cicatrização e regeneração dos tecidos. No caso das unhas e cabelos, o colágeno forma uma matriz onde os minerais se fixam para deixá-los fortes, resistentes e brilhantes. Para a pele o nutriente oferece mais elasticidade, porém, isto terá pouca influência no aspecto e evolução da celulite.

20 Remédios para Dormir com Facilidade

20 Remédios para Dormir com Facilidade

Um remédio para dormir pode requerer receita médica, como Zolpidem, Lexotan, Clonazepam e Diazepam, ou não, no caso do remédio natural para dormir, como Valerimed, Calman e Pasalix. Eles acalmam o sistema nervoso, diminuem a ansiedade e acabam com a insônia, deixando o paciente mais sonolento.

Além disso, outras classes de remédios também causam mais sonolência e podem ser utilizados para dormir, como Doxilamina e Plasil.

Remédio para insônia
Os remédios naturais para dormir que não precisam de receita são compostos por ervas que contêm propriedades calmantes.

Valerimed
Valerimed é um calmante fitoterápico à base de valeriana, indicado especialmente para pessoas com insônia causada pela ansiedade. A dose indicada é de 3 comprimidos ao dia. O último comprimido deve ser ingerido 2 horas antes de dormir.

Uma caixa com 20 comprimidos de Valerimed custa entre R$ 11 e R$ 15. Outros nomes comerciais de remédios naturais à base de valeriana são: Valdorm, Valmane ou Calman.

Pasalix
As indicações de Pasalix incluem o tratamento da ansiedade e da insônia. Ele é composto por ervas naturais com as seguintes propriedades:

Passiflora incarnata: provoca sedação e diminui a ansiedade;
Crataegus oxyacantha: ação sedativa no cérebro;
Salix alba: ação analgésica, antitérmica e anti-inflamatória.
Pessoas alérgicas ao ácido acetilsalicílico, com úlceras gastrintestinais. problemas de coagulação, sangramentos ativos e em tratamento com derivados de ácido acetilsalicílico, anticoagulantes ou digitálicos não devem consumir Pasalix. Seu preço varia de R$ 25 a R$ 39.

Leia também:

Remédios para Ansiedade
Remédios para Depressão
Calman
Calman é um calmante natural que trata a insônia, além de combater a ansiedade e a irritabilidade, dentre outras indicações. O preço de Calman varia de R$ 18 a R$ 25.

A dose recomendada para adultos é de 1 ou 2 comprimidos, 1 ou 2 vezes ao dia. Em casos de estados depressivos e insônia persistente, deve-se tomar de 2 a 4 comprimidos, 1 ou 2 vezes ao dia.

Calman tem a mesma composição de Passiflora.

Remédio para bebê dormir
Um remédio natural para dormir que também pode ser indicado para bebês é Calman em solução oral. As doses pediátricas recomendadas são:

Bebês que ainda mamam: 2,5 ml, 1 ou 2 vezes ao dia;
Crianças de 2 a 5 anos: 5 ml, 1 ou 2 vezes ao dia;
Crianças com mais de 5 anos: 10 ml, 1 ou 2 vezes ao dia;
Adolescentes e adultos: 15 ml a 20 ml, 1 ou 2 vezes ao dia.
Remédios para dormir tarja preta
Os remédios para dormir que são tarja preta são medicamentos benzodiazepínicos que possuem ações calmante, sedativa, hipnótica, relaxante muscular e antidepressiva. São utilizados para dormir profundamente e também para tratar convulsões e amnésia.

Por serem tarja preta, os benzodiazepínicos são vendidos apenas com retenção de receita especial (azul). Eles agem diretamente no sistema nervoso central, causando sedação e provocam muitos efeitos colaterais que podem ser nocivos para o paciente.

Podem causar também taquicardia (batimentos cardíacos acelerados), problemas no coração e dependência e por isso não devem ser utilizados indiscriminadamente e sem prescrição médica

Rivotril (Clonazepam)
A dose máxima de Rivotril deve ser de 10 mg por dia. Seu preço pode variar de R$ 4 a R$ 16.

Halcion (Triazolam)
A dose recomendada é de 0,25 g de Halcion antes de ir se deitar. Uma caixa com 10 comprimidos custa em média R$ 12.

Frontal
A dose indicada varia entre 0,5 e 4 mg, de acordo com o paciente. O preço de uma caixa de Frontal gira em torno de R$ 15.

Olcadil – Cloxazolam
A dose de Olcadil pode variar de 1 até 3 mg por dia. O preço de uma caixa de 20 comprimidos custa entre R$ 27 e R$ 36.

Dormonid (Midazolam)
Dormonid (maleato de midazolam) funciona como um sedativo e indutor do sono muito eficaz. A dose inicial é de um comprimido de 7,5 mg antes de ir se deitar.

Uma caixa com 20 comprimidos de Dormonid 7,5 mg custa entre R$ 25 e R$ 33.

Imovane (Zolpiclone)
Imovane tem ação idêntica aos benzodiazepínicos, porém causa menos dependência. Ele tem efeito hipnótico, ansiolítico, sedativo, anticonvulsivante e relaxante muscular. A posologia inicial e geral para adultos é de 7,5 mg antes de ir para a cama.

Uma caixa com 30 comprimidos de Imovane 7,5 mg custa entre R$ 41,00 e R$ 54,00.

Lexotan – Bromazepam
Bromazepam é muito indicado para diminuir a ansiedade que causa insônia. Uma caixa com 30 comprimidos de Bromazepam 3 mg custa entre R$ 13 e R$ 19.

Mais remédios para dormir que são tarja preta:

Diazepam;
Valium (Diazepam);
Lorazepam;
Dalmadorm (Flurazepam);
Noctal (Estazolam).
Remédios para dormir tarja vermelha
Os remédios antidepressivos e ansiolíticos tarja vermelha que são indicados para tratar a insônia são controlados e só podem ser comprados com retenção da receita.

As doses e o tempo de duração do tratamento prescrito pelo médico devem ser seguidos à risca, pois eles podem causar dependência e uma série de efeitos colaterais nocivos caso sejam tomados indiscriminadamente:

Zolpidem
Zolpidem é um medicamento cuja ação é idêntica aos benzodiazepínicos, indicado especialmente para casos de insônia. Ele pode causar dependência e insônia de rebote e por isso não deve ser utilizado por mais de 4 semanas.

A posologia indicada é de 1 comprimido à noite, de preferência logo antes de ir se deitar.

Os preços de uma caixa com 30 comprimidos de Zolpidem 10 mg variam entre R$ 33 e R$ 44.

Oxalato de Escitalopram
Oxalato de escitalopram é um antidepressivo pertencente à classe dos Inibidores Seletivos da Recaptação da Serotonina. Ele Previne a depressão, controla a ansiedade e trata distúrbios do pânico e fobia social. Seu efeito pode demorar um pouco para surgir: em torno de 30 dias. Seu preço varia entre R$ 200 e R$ 300.

Amitriptilina (Tryptanol)
A amitriptilina é um medicamento antidepressivo e ansiolítico utilizado também para tratar e prevenir a enxaqueca, além de aumentar o sono. Seu preço varia de R$ 3 a R$ 29.

Outros remédios que dão sono
Alguns remédios que não são indicados para dormir, mas que aumentam o sono são anti-histamínicos, como Doxilamina, que possui forte efeito sedativo, e antieméticos, como Dramin, Dramin B6 e Plasil.

Outros remédios, como analgésicos, antialérgicos e antigripais também podem aumentar o sono.

HOME PELE COLÁGENO HIDROLISADO: O QUE É? PARA QUE SERVE? EMAGRECE? DESCUBRA!

Colágeno Hidrolisado: O que é? Para que serve? Emagrece? Descubra!

Muitas pessoas, principalmente mulheres, buscam incansavelmente por produtos de beleza que as deixam mais belas, seja com um simples creme para o rosto, ou produtos e suplementos alimentares, que combinados com uma dieta rigorosa os ajudam na perda de peso e na busca de um corpo ideal. E para ajudar a essas mulheres é que surgiu o Colágeno Hidrolisado! Um produto feito a partir de ossos e cartilagens bovinas, com resultados surpreendentes que te deixará com os “queixos caídos”. Continue lendo esse artigo e conheça esse produto fantástico, que lhe proporcionará uma pele mais jovem e corpo mais belo!

Contents [hide]

1 Onde comprar o melhor Colágeno Hidrolisado?
2 Para que serve?
3 Como tomar?
4 Quais os benefícios
5 Repõe a perda natural de vitaminas e substâncias
6 Melhor fonte de colágeno
7 Faz bem a pele, e a saúde
8 Engorda ou emagrece?
9 Melhores marcas
10 Gelamim beauté
11 Colágeno sunnutrition

Leia também: Skin renov

Onde comprar o Colágeno Hidrolisado?
Você encontra o colágeno hidrolisado em farmácias, lojas de suplemento e em alguns hipermercado. E pode também realizar a compra pela internet e receber em casa. O Walmart é uma excelente opção para comprar o colágeno hidrolisado na internet, tem boas opções, bons preços e site seguro. Quer conferir? Clique no botão abaixo.

Para que serve?
O colágeno hidrolisado é um suplemento alimentar comercializado normalmente em forma de pó ou cápsulas, que tem por finalidade suprir a falta de colágeno que ocorre no organismo humano, normalmente após os 30 anos de idade, que é quando ocorre o surgimento da flacidez da pele, rugas, linhas de expressões, estrias, queda de cabelo, unhas fracas, e desgastes nas articulações.

Com o consumo diario do colágeno hidrolisado, estes problemas simplesmente começam a sumir, pois ele age de dentro para fora apresenta melhores resultados até mesmo do que os cremes antirrugas encontrados em revistas e farmácias.

Como tomar?
Devido a crescente demanda do colágeno hidrolisado, você poderá encontrar esse produto em diversas formas, como barras de cereais, balas manipuladas e até mesmo em granola, portanto a forma como você deve tomar o colágeno hidrolisado é muito importante.

O recomendável é que se consuma 10g do colágeno hidrolisado por dia, juntamente com sua refeição, ou seja, você poderá misturá-lo ao seu suco na hora do almoço, na sua sopa na hora do jantar, ou em qualquer hora do dia desde que seja na quantidade certa.

Além disso, especialistas afirmam que a utilização do colágeno hidrolisado juntamente com uma fonte de vitamina C potencializa seus efeitos, e por isso, o ideal é que se consuma o colágeno hidrolisado juntamente com um suco de laranja, limão, ou tangerina.

Quais os benefícios
Os Colágeno Hidrolisado traz muitos benefícios, como:

Repõe a perda natural de vitaminas e substâncias
Todos nós sabemos que com o decorrer dos anos nosso organismo vai perdendo força e após os 30 anos de idade a produção de colágeno diminui, e com isso podemos ter vários problemas.

Com o consumo na medida certa do colágeno hidrolisado essa produção de colágeno não sofre queda e se mantém em ascenção no organismo, proporcionando uma pele mais jovem e com melhor qualidade de vida, livre de dores.

Melhor fonte de colágeno
Normalmente o colágeno é encontrado na sua forma natural em carnes bovinas, mas se comparado o uso do colágelo hidrolisado com as quantidades de colágenos encontrados nas carnes, os resultados são muito diferentes, visto que o colágeno hidrolisado é até 10x mais eficiente que a carne vermelha.

Faz bem a pele, e a saúde
A principal fonte de proteina dos ossos, tendões, cartilagens e da pele é o colágeno e por isso, com um consumo diário dessa proteina você se verá livre de problemas ligados às articulações, ossos, úlceras gástricas, e problemas de pele, como o envelhecimento precoce.

Engorda ou emagrece?
Além de todos esse benefícios a saúde e a beleza, o colágeno hidrolisado ainda poderá ser um forte aliado na sua dieta para perda de peso!

Por conter em sua fórmula somente vitaminas, minerais e proteínas, com zero adição de açucar e/ou gorduras, o colágeno hidrolisado ajuda a emagrecer, pois consumido momentos antes das suas refeições e diluido no suco, ou água, ele preenche o estômago rapidamente e promove uma sensação saciedade, fazendo com que você reduza o consumo excessivo de alimentos mais gordurosos.

Melhores marcas
Para você não ficar perdido na hora de comprar seu colágeno hidrolisado, veja a seguir duas das melhores marcas de Colágeno Hidrolisado.

Gelamim beauté
Esta marca de colágeno hidrolisado é comercializado em forma de pó, e possui um diferencial que eleva seu nome na hora da escolha.

Sua fórmula possui colágeno, zinco, cobre, selênio, biotina, manganês e vitaminas D e E, além de ser encontrado nos sabores laranja, limão ou tangerina, ou seja, já com sua forma potencializada com a vitamina C.

Colágeno sunnutrition
O colágeno sunnutrition é uma das marcas mais bem comercializadas, sendo que ele é vendido em fórmula de cápsula, assim é mais prático na hora do consumo. O modo de usa vem na bula do produto.

Ficou alguma dúvida sobre o Colágeno Hidrolisado? Deixe um comentário!

Disfunção erétil: sintomas, tratamentos e causas

O que é Disfunção erétil?

Disfunção erétil ou impotência sexual é a incapacidade permanente de obter ou de manter uma ereção rígida o suficiente para uma relação sexual satisfatória.

Disfunção erétil: entenda o problema

Disfunção erétil ou impotência sexual é a incapacidade permanente de obter ou de manter uma ereção rígida o suficiente para uma relação sexual satisfatória.

Disfunção erétil: entenda o problema – Remédio para impotência

Disfunção erétil ou impotência sexual é a incapacidade permanente de obter ou de manter uma ereção rígida o suficiente para uma relação sexual satisfatória.

Disfunção erétil: entenda o problema

Disfunção erétil ou impotência sexual é a incapacidade permanente de obter ou de manter uma ereção rígida o suficiente para uma relação sexual satisfatória.

Disfunção erétil: entenda o problema

Causas
Como para a obtenção de uma ereção vários órgãos e tecidos precisam funcionar em harmonia, existem muitas situações que afetam um ou mais desses participantes e podem cursar com disfunção erétil. Nem sempre os médicos conseguem definir exatamente qual o percentual de participação de cada estrutura envolvida. A impotência sexual está relacionada a diversas doenças e tratar a disfunção envolve obrigatoriamente a descoberta de sua causa.

São causas da disfunção erétil:
Distúrbios psicológicos
Doenças hormonais (diabetes, queda de testosterona, problemas endócrinos)
Doenças neurológicas (lesões na medula, mal de Alzheimer e Parkinson)
Doenças vasculares, que causam entupimento das artérias e veias, prejudicando a chegada do sangue ao pênis (hipertensão arterial, aterosclerose)
Consumo excessivo de medicamentos
Cirurgias pélvicas
Doença de Peyronie ou fibrose dos corpos cavernosos
Alcoolismo e tabagismo.
Fatores de risco
Todos os conhecidos fatores de risco para doenças cardiovasculares como infarto e derrame também são considerados fatores de risco para disfunção erétil. São eles:

Diabetes
Hipertensão arterial
Dislipidemia (colesterol e triglicérides alterados)
Tabagismo
Obesidade
Sedentarismo.
Isso ocorre por conta da necessidade de um enorme aumento do fluxo de sangue para que o pênis fique ereto. Quando a circulação para o órgão está comprometida por um desses fatores, a disfunção erétil pode surgir.

Outros fatores considerados de risco são situações que afetam a autoconfiança do homem como desemprego, aposentadoria, crises financeiras, luto na família, entre outros.

É importante ressaltar que apenas o envelhecimento não constitui uma causa de disfunção erétil.

Diagnóstico e Exames
Buscando ajuda médica
Falhas eventuais de ereção podem acontecer a qualquer homem. Mas quando a ereção não é adequada e isso se repete com freqüência, vale a pena procurar ajuda médica. Lembre-se que os fatores de risco são semelhantes e que o problema circulatório para o pênis pode alertar para outros sistemas do corpo que não andam bem.

Diagnóstico de Disfunção erétil
A impotência sexual tem cura e o primeiro passo é o diagnóstico correto.

Saiba mais: Vídeo: saiba como é feito o diagnóstico da disfunção erétil
Em seguida ele busca identificar possíveis fatores de risco como os citados acima. Por exemplo: se existe hipertensão arterial, ela precisa ser tratada. Quando o problema é o controle da glicose, o médico irá orientar sobre o tratamento.

O próximo passo é tratar o problema em si e hoje existem vários medicamentos para melhorar a ereção.

O diagnóstico da disfunção erétil é eminentemente clínico, ou seja, o médico chega a esta conclusão conversando com o paciente.

Saiba mais: Deixe o preconceito contra a impotência de lado
Ecodoppler peniano
Quando os medicamentos orais não resolvem, os médicos costumam encaminhar o paciente para o especialista, que é o urologista. Ele vai aprofundar a investigação e pode lançar mão de outro recurso usado para o diagnóstico da disfunção erétil: o ecodoppler peniano. Nesse exame é feito um medicamento injetável no pênis e uma ereção é produzida. O método é utilizado para medir o fluxo arterial, observar o comportamento da túnica que reveste os corpos cavernosos e avaliar a resposta erétil obtida.

O exame é feito no consultório médico ou clínicas de radiologia e o medicamento faz efeito em 5 a 10 minutos. O exame com injeção intracavernosa e Doppler serve para avaliar a gravidade da disfunção erétil e ao mesmo tempo possibilita ao urologista pensar em alternativas terapêuticas como a auto-injeção ou implantes penianos (as famosas próteses).

Tratamento e Cuidados
Tratamento de Disfunção erétil
O tratamento da disfunção erétil começa com a identificação e controle dos fatores de risco. Além disso, o médico hoje costuma prescrever os medicamentos orais chamados inibidores da fosfodiesterase tipo 5. Sildenafila, vardenafila e tadalafila são os mais conhecidos e utilizados.

Saiba mais: Vídeo: saiba como é feito o tratamento da disfunção erétil
Quando a medicação oral usada na dose e da maneira adequada não resolve, existem outras modalidades terapêuticas consideradas de “segunda linha” como bomba de vácuo, injeções de vasodilatadores e na chamada “terceira linha”, as próteses penianas, que são o último recurso.

Um ponto muito importante e nem sempre valorizado consiste em cuidar do relacionamento. Avaliar a parceira e como o casal está conduzindo seus problemas e questões. Em alguns casos, vale o apoio de psicólogos ou outros profissionais para melhorar a relação do casal.

Medicamentos para Disfunção erétil
Os medicamentos mais usados para o tratamento de disfunção erétil são:

Cialis
Viagra
Somente um médico pode dizer qual o medicamento mais indicado para o seu caso, bem como a dosagem correta e a duração do tratamento. Siga sempre à risca as orientações do seu médico e NUNCA se automedique. Não interrompa o uso do medicamento sem consultar um médico antes e, se tomá-lo mais de uma vez ou em quantidades muito maiores do que a prescrita, siga as instruções na bula. Evite fazer testes em que ocorra a comparação do desempenho com ou sem medicamento (do tipo: “hoje não tomarei o remédio para ver se estou curado…”).

Convivendo (prognóstico)
Convivendo/ Prognóstico
Como existem várias causas paras e os pacientes submetidos a prostatectomia radical (cirurgia para tratar o câncer da próstata). Esses são os que não respondem a terapia oral com mais freqüência. Mas eles também podem ser trata a disfunção erétil, o prognóstico varia bastante. Sabemos hoje que os casos mais difíceis para tratamento incluem os diabéticodos com outros métodos e voltarem a vida sexual ativa.

Disfunção erétil tem cura?
Hoje existe tratamento para qualquer tipo de disfunção erétil. Procure um urologista e adote hábitos de vida saudáveis. Estabeleça um bom relacionamento com o médico e explique detalhadamente seu problema. Não tenha vergonha e confie na orientação médica.

Quando existe empenho do paciente e ele consegue controlar os fatores de risco identificados, como no caso de um homem tabagista, obeso e sedentário que resolve depois do diagnóstico de impotência sexual se exercitar regularmente (tendo visitado antes seu cardiologista que o liberou para prática de exercícios físicos), emagrece e para de fumar, o quadro de disfunção tende não somente a estabilizar mas pode ser revertido.

Prevenção
Prevenir a disfunção erétil significa preservar a boa circulação do sangue e na verdade as orientações são muito semelhantes àquelas fornecidas nos consultórios dos cardiologistas:

Adote hábitos de vida saudáveis
Controle seu peso
Faça exercícios regularmente.
Visite seu médico regularmente e trate com dedicação os chamados fatores de risco:

Se você fuma, pare imediatamente
Se for hipertenso, siga o tratamento à risca e tome o medicamento sempre
Se for diabético, controle as taxas de glicose, seguindo a dieta e usando os medicamentos adequadamente.